Boris Podolsky

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Boris Podolsky
Paradoxo EPR
Nascimento 26 de junho de 1896
Taganrog
Morte 28 de novembro de 1966 (70 anos)
Cincinnati
Nacionalidade Russo, estadunidense
Cidadania Estados Unidos
Alma mater Instituto de Tecnologia da Califórnia, Universidade do Sul da Califórnia
Ocupação físico, professor universitário
Empregador Instituto de Tecnologia da Califórnia, Universidade de Leipzig, Universidade de Cincinnati
Página oficial
http://boris-heir.net
Orientador(es) Paul Sophus Epstein
Orientado(s) Philip Schwed
Instituições Universidade de Cincinnati, Universidade de Leipzig, Instituto Politécnico da Carcóvia, Instituto de Tecnologia da Califórnia, Instituto de Estudos Avançados de Princeton, Universidade Xavier, Los Angeles Bureau of Power and Light
Campo(s) Física

Boris Podolsky (em russo: Борис Подольский; Taganrog, 26 de junho de 1896Cincinnati, 28 de novembro de 1966) foi um físico russo que imigrou para os Estados Unidos.

Trabalhou com Albert Einstein e Nathan Rosen e concebeu o Paradoxo EPR, que é de máxima importância para a física quântica.[1]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) físico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.