Brandy Norwood

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Brandy)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Brandy
Brandy em 2011
Informação geral
Nome completo Brandy Rayanna Norwood
Também conhecido(a) como B-Rocka, Bran'Nu
Nascimento 11 de fevereiro de 1979 (39 anos)
Local de nascimento McComb, Mississipi
 Estados Unidos
Gênero(s) R&B, Pop, Soul, Hip-hop [1]
Ocupação(ões) Cantora, Atriz, Compositora, Produtora Musical, Produtora de TV, Empresária
Instrumento(s) Vocal
Período em atividade 1990-presente
Gravadora(s) Atlantic Records (1993–2005)
Knockout Entertainment (2005-2008)
Epic Records (2008-2009)
RCA (2011-2015)
eOne Music (2017-presente)
Afiliação(ões) Ray J, Snoop Dogg, Monica
Influência(s) Whitney Houston, Toni Braxton, Mariah Carey, Janet Jackson, The Fugees
Página oficial ForeverBrandy.com

Brandy Rayana Norwood (McComb, 11 de Fevereiro de 1979)[1] é uma cantora, atriz e modelo norte-americana. Em 1993, lançou seu álbum de estréia autointitulado, que foi certificado quatro vezes platina, nos Estados Unidos. Norwood aumentou sua fama quando estrelou a sitcom, Moesha, como a personagem-título, a série durou seis temporadas, e foi um marco na cultura pop americana da década de 1990. Em 1998 fez o dueto de grande sucesso com a cantora Monica, "The Boy Is Mine", que se tornou o dueto feminino mais vendido de todos os tempos, e uma das músicas que ficou por mais tempo em 1º lugar na Billboard Hot 100. Seu segundo álbum, Never Say Never, vendeu 16 milhões de cópias em todo o mundo, e deu a Norwood seu primeiro Grammy. Nesse período fez vários filmes, turnês mundiais e teve sua própria linha de bonecas Barbie.

Ao longo da década de 2000, Norwood continuou fazendo sucesso, em 2002, ganhou um documentário na MTV, intitulado "Brandy: Special Delivery", que mostrou sua gravidez e nascimento de sua filha, Sy'rai Iman Smith.[2] Lançou mais dois álbuns, Full Moon (2002) e Afrodisiac (2004), e foi jurada na primeira temporada do America's Got Talent antes de se envolver em um trágico acidente de carro em 2006.[3] Em 2008, fez seu retorno a música com o álbum Human.

Retornou à televisão em 2010, como concorrente na décima primeira temporada de Dancing with the Stars, e estrelou, ao lado de seu irmão Ray J, o reality show Brandy e Ray J: A Family Business. Em abril de 2015, Norwood fez sua estréia na Broadway, no musical Chicago. Em 2018 entrou para o elenco da série musical da Fox, Star.

A RIAA classifica Brandy como uma das maiores artistas femininas na história da música americana, tendo vendido mais de 10,5 milhões de cópias nos Estados Unidos, e mais de 30 milhões de álbuns no mundo inteiro.[4]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Brandy nasceu em 11 de Fevereiro de 1979, em uma família musical em McComb, Mississippi. Filha de Willie Norwood, um cantor de gospel e Sonja Norwood, uma gerente em uma empresa de contabilidade. Ela é irmã mais velha de Ray J, e prima de segundo grau de Snoop Dogg.[5] Começou a cantar em um coral da igreja local onde seu pai cantava, fazendo seu primeiro solo gospel aos dois anos de idade. Em 1983, seus pais se mudaram para Carson, na Califórnia, onde Norwood passou a estudar na escola Hollywood High Performing Arts Center.[6]

O interesse de Norwood por música aumentou depois de se tornar fã da cantora Whitney Houston, aos sete anos de idade. Começou a participar de shows de talentos quando tinha onze anos e, como parte de um grupo de jovens cantores, se apresentou em vários eventos públicos. Em 1990, virou backing vocal da boy band de R&B, Immature, e nesse período gravou uma demo, que foi entregue, por seus pais, em várias gravadoras. Em 1993, em meio a negociações com a East West Records, Norwood recebeu um convite da Atlantic Records, e após uma audição com o diretor da gravadora, foi contratada. Sua mãe se demitiu do emprego para empresariar a filha, enquanto Brandy abandonou a escola e passou a ter aulas particulares. Durante as primeiras semanas de produção de seu primeiro álbum, Norwood foi escalada para um papel na comédia da ABC, Thea, fazendo sua estréia na televisão.[7]

1994–1997: Brandy e Moesha[editar | editar código-fonte]

Seu álbum autointitulado foi lançado em setembro de 1994, e chegou ao 20º lugar na Billboard 200. Recebeu críticas positivas, vendeu mais de seis milhões de cópias em todo o mundo, e rendeu três singles no top dez da Billboard Hot 100, incluindo "I Wanna Be Down" e "Baby", os quais chegaram ao topo da parada Hot R&B Singles, e foram certificados com platina. "Brokenhearted", um dueto com Wanya Morris do Boyz II Men, tornou-se um sucesso também.[8] O álbum rendeu a Norwood duas indicações ao Grammy de "Melhor Artista e Melhor Performance Vocal Feminina de R&B", e ganhou quatro prêmios Soul Train Music Awards e dois Billboard Music Awards. Em 1995, ela terminou um período de dois meses como o ato de abertura na turnê nacional do grupo Boyz II Men, e contribuiu com músicas para as trilhas sonoras dos filmes Batman Forever e Waiting to Exhale, com o single "Sittin 'Up in My Room", que chegou ao 2º lugar na Hot 100.[9] Em 1996, Norwood também colaborou com Tamia, Chaka Khan e Gladys Knight no single "Missing You", lançado para a trilha sonora do filme, Set It Off. O single lhe rendeu uma terceira indicação ao Grammy na categoria "Best Pop Collaboration with Vocals."[10]

Em 1996, seu desempenho em "Thea" levou Norwood a estrelar seu próprio programa, a sitcom Moesha, produzida pelo canal UPN. Originalmente foi comprado pela CBS em 1995, porém acabou sendo repassado para a UPN, estreando em janeiro de 1996, e logo se tornou o programa mais assistido do canal. Enquanto a sitcom conseguiu aumentar sua audiência a cada nova temporada, Norwood foi premiada com um NAACP Image Award de Melhor Atriz Jovem por seu desempenho.

1997–2004: Never Say Never, Filmes e Full Moon[editar | editar código-fonte]

Em 1997, Norwood foi escolhida a dedo por Whitney Houston para interpretar a personagem-título na versão televisiva de Cinderela, apresentando um elenco multicultural que também incluía Whoopi Goldberg. O especial de duas horas da Disney atraiu cerca de 60 milhões de telespectadores, dando à rede ABC sua maior audiência em 16 anos, e no ano seguinte ganhou um Emmy de "Melhor Direção de Arte". Ainda em 1997, Brandy, seu irmão Ray J e seus pais fundaram a "The Norwood Kids Foundation", que ajuda jovens em situação de risco em Los Angeles e Mississippi, através de programas de artes e de auto-ajuda.

O produtor iniciante Rodney Jerkins (Darkchild), foi convidado para produzir o segundo álbum da Norwood, Never Say Never, lançado em junho de 1998. Norwood co-escreveu e produziu seis músicas, o que rendeu sua primeira música número 1 na Billboard Hot. 100, "The Boy Is Mine", um dueto com a cantora Monica, que se tornou a música de maior sucesso de uma dupla feminina na indústria da música, ficando por treze semanas no topo da Billboard, e conquistando um Grammy de "Melhor Performance de R&B por um Dueto ou Grupo".[11] O sucesso do álbum foi igualado, Never Say Never, acabou se tornando o álbum mais vendido da Brandy, vendendo mais de 16 milhões de cópias em todo o mundo. O álbum teve sete singles, incluindo a segunda música número um de Norwood, "Have You Ever?".[12] Ela também embarcou na bem-sucedida "Never Say Never World Tour" em 1998, tendo apresentações esgotadas na Europa, Ásia e Estados Unidos.[13]

No mesmo ano Brandy fez sua estréia nos cinemas, no papel coadjuvante de Karla Wilson, no filme de terror, Eu Ainda Sei o que Você Fez no Verão Passado. A reação da crítica ao filme foi em grande parte decepcionante, no entanto, Norwood ganhou críticas positivas por sua performance, que lhe rendeu um Blockbuster Entertainment Award e uma indicação ao MTV Movie Awards de Melhor Revelação Feminina.[14] Em 1999, ela co-estrelou com Diana Ross o drama Double Platinum sobre um relacionamento intenso e tenso entre mãe e filha. Filmado em apenas vinte dias em Nova York, tanto Norwood quanto Ross atuaram como produtoras executivas do filme, que apresenta músicas de seus respectivos álbuns, Never Say Never (1998) e Every Day is a New Day (1999), bem como, duetos inéditos.

Depois de um longo hiato após o cancelamento de Moesha, Norwood voltou à música em 2001, quando ela e o irmão Ray-J foram convidados a gravar uma versão cover do sucesso de Phil Collins, "Another Day in Paradise" para o tributo Urban Renewal: A Tribute to Phil Collins. Lançado como o primeiro single do álbum na Europa e Oceania, a canção tornou-se um sucesso internacional instantâneo no exterior. Full Moon, o terceiro álbum de estúdio de Norwood, foi lançado em fevereiro de 2002. Seu primeiro single "What About Us?" teve um bom desempenho, e a faixa-título do álbum foi uma das 20 mais vendidas nos Estados Unidos e no Reino Unido, naquele ano.[15] Ainda em 2002, Brandy estrelou o documentário da MTV, Brandy: Special Delivery, o programa documentou os meses finais da gravidez de Norwood, até o nascimento de sua filha Sy'rai. Em 2003, Norwood e Robert "Big Bert" Smith começaram a escrever e produzir para outros artistas como Toni Braxton e Kelly Rowland.

2004–2009: Afrodisiac, America's Got Talent e Human[editar | editar código-fonte]

Retornando de mais um hiato, o quarto álbum de Norwood, Afrodisiac, foi lançado em junho de 2004, em meio ao término com seu empresário Benny Medina. Norwood terminou seu contrato com a Handprint Entertainment, em menos de um ano de contrato, após o fracasso do single "Talk About Our Love", e também fracassou nas negociações de uma turnê com o cantor Usher.[16] Apesar da publicidade negativa, o Afrodisiac tornou-se o álbum de Brandy mais aclamado pela crítica, e teve um desempenho na vendas moderado, o álbum estreou em 3º lugar na Billboard 200, e recebeu certificações nos Estados Unidos, Europa e Japão, mesmo sem nenhum single de sucesso. Após onze anos na Atlantic Records, Norwood pediu e recebeu uma liberação de seu contrato, no final de 2004, citando seu desejo de "seguir em frente" como a principal razão para sua decisão. Completando seu contrato com a gravadora, foi lançada uma coletânea intitulada The Best of Brandy foi lançada em março de 2005. Sem nenhum single promocional, alcançou o top 30 na Austrália, Reino Unido e Estados Unidos. Depois disso, ela assinou um contrato com a Knockout Entertainment, o selo de seu irmão.[17]

Em junho de 2006, Brandy foi escalada para ser jurada na primeira temporada do America's Got Talent, que foi um dos programas mais assistidos do verão americano. Norwood retornaria para uma segunda temporada no verão de 2007, mas acabou decidindo não voltar, após o fatal acidente de carro em que esteve envolvida em 2006, sendo assim ela foi substituída por Sharon Osbourne.[18] O quinto álbum de estúdio de Norwood, Human, foi lançado em dezembro de 2008, e marcou a estréia da cantora na gravadora Epic Records.[19] Foi bem recebido pelos críticos, estreando na 15ª posição da Billboard 200, vendendo 73.000 cópias em sua primeira semana, e um total de vendas de 214.000 cópias, não conseguindo igualar o sucesso de seus álbuns anteriores. Porém o single "Right Here (Departed)", foi o maior sucesso musical de Brandy desde 2002. O álbum não teve impacto em outros lugares, resultando no fim de seu contrato com a gravadora. Em dezembro de 2009, Brandy introduziu oficialmente seu alter-ego no rap, Bran'Nu, com duas músicas no álbum Timbaland, Presents Shock Value 2.[20]

2010–2014: Retorno a Atuação e Two Eleven[editar | editar código-fonte]

Em abril de 2010, Norwood e seu irmão Ray J estrelaram o reality show "Brandy e Ray J: A Family Business", no canal VH1, juntamente com seus pais. O programa narrou a vida dos dois irmãos, enquanto assumiam papéis maiores na empresa de gerenciamento e produção da família, a "R&B Productions". A Family Business, um álbum com conteúdo inédito de todo o elenco do reality foi lançado em junho de 2011, rendeu três singles promocionais, porém não conseguiu fazer sucesso. No outono de 2010, Norwood apareceu como concorrente na 11ª temporada do reality show, Dancing with the Stars, onde ficou em quarto lugar na competição, o que foi um choque para os jurados, telespectadores, e outros competidores que a consideravam uma das melhores dançarinas durante toda a competição.[21] Em agosto de 2011, foi confirmado que Brandy havia assinado um contrato conjunto com a RCA Records, e com a produtora Chameleon Records. Em setembro, um novo show de talentos, Majors & Minors, estreou no canal The Hub, e mostrava um grupo de jovens artistas de 10 a 16 anos, que tinham chances de serem orientados por artistas consagrados como Brandy, Ryan Tedder e Leona Lewis.[22] Mais tarde, no mesmo ano, Norwood voltou a atuar em papéis recorrentes na série 90210 da CW, e na quarta temporada da série Drop Dead Diva da Lifetime.[23]

Em 2011, Norwood se juntou ao elenco da série The Game, desempenhando o papel recorrente de Chardonnay, uma barman. Em fevereiro de 2012, Norwood repetiu um dueto com Monica em "It All Belongs to Me", no mesmo lançou seu single de retorno, "Put It Down", em parceria com o cantor Chris Brown. A canção alcançou o número três na parada de Hot R&B/Hip-Hop Songs, tornando-se seu primeiro top 10 na parada em dez anos. Seu sexto álbum Two Eleven, que foi lançado em outubro, fez um sucesso comercial moderado, alcançando o número três na Billboard 200, e o topo da parada de álbuns Top R&B/Hip-Hop da Billboard.[24] Em março de 2013, Norwood voltou a atuar no drama de Tyler Perry, Temptation: Confessions of a Marriage Counselor. O filme recebeu críticas negativas dos críticos, mas se tornou um sucesso moderado nas bilheterias dos EUA.[25] Em junho de 2013, Norwood assinou com a Creative Artists Agency,[26] e no início de 2014, ela assinou um contrato de gestão para sua carreira com a MBK Entertainment. Em julho, ela também foi indicada como membro honorário da irmandade da Alpha Kappa Alpha. No mesmo mês, Norwood lançou uma versão cover da música "Magic" do Coldplay em sua conta no Twitter, e alcançou o primeiro lugar na parada Trending 140 da Billboard.[27] Também em 2014, Norwood fez participações especiais no reality show Love and Hip Hop da VH1, e na série The Soul Man da TV Land. No BET Hip Hop Awards de 2014, ela se reuniu no palco com Queen Latifah, MC Lyte e Yo-Yo, para apresentar uma versão remixada de "I Wanna Be Down", em comemoração ao seu 20º aniversário.[28]

2015–presente: Broadway, Zoe Ever After e Star[editar | editar código-fonte]

Depois de terminar as filmagens da temporada final do The Game, em abril de 2015, Norwood fez sua estréia na Broadway no musical Chicago, no qual interpretou o papel principal, Roxie Hart.[29] Também em 2015, Norwood apareceu no single de 99 Souls Mashup "The Girl Is Mine", no qual ela re-gravou seus vocais de "The Boy Is Mine".[30] A canção alcançou o top 10 no Reino Unido e top 40 em várias paradas internacionais, onde se tornou seu single mais bem sucedido em anos.[31] Em janeiro de 2016, Norwood atuou como protagonista na sitcom Zoe Ever After, que ela também co-criou e co-produziu.[32] Filmado em Atlanta, a comédia romântica gira em torno de Zoe Moon, uma mãe solteira saindo da sombra de seu famoso ex-marido, enquanto tenta equilibrar o namoro, a maternidade e uma carreira florescente nos cosméticos. No mesmo mês, Norwood lançou "Beggin & Pleadin", uma música inédita, no Soundcloud. O registro não convencional recebeu ótimas críticas de especialistas do setor, levando-a a lançar oficialmente como um single digital através de sua própria gravadora, a Slayana Records, em 21 de janeiro.[33]

Em fevereiro de 2016, Norwood anunciou sua turnê mundial " Slayana World Tour",[34] que passou pela Europa e Oceania. Sua primeira turnê em oito anos, foi encerrada antes do previsto em 30 de junho, depois que Norwood foi hospitalizado devido à exaustão.[35] Em março, a Brandy processou o Chameleon Entertainment Group e seu presidente, Breyon Prescott, após a gravadora ter se recusado a permitir que ela gravasse e lançasse novos álbuns.[36] Em novembro de 2016, Norwood tornou-se a segunda ganhadora do prêmio Lady of Soul no Soul Train Music Awards. Sua performance na premiação com um medley de músicas de nove minutos foi recebido com elogios pela critica.[37] Norwood competiu com seu irmão Ray J na série culinária da Fox, My Kitchen Rules, que estreou em janeiro de 2017.[38] Em agosto, ela anunciou seu retorno à Broadway para reprisar seu papel de Roxie em Chicago.[39] Em julho de 2018, foi anunciado que Norwood se tornaria uma personagem regular na série musical da Fox, Star, após ter participado de alguns episódios na segunda temporada.[40]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Outros álbuns[editar | editar código-fonte]

  • 1999: U Don't Know Me (Like U Used To) (remix EP)
  • 2005: The Best of Brandy (Coletânea)

DVDs[editar | editar código-fonte]

  • 1999: Brandy: The Videos

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ano Filme/Série Papel Nota
1990 Aracnofobia Brandy Beechwood Não Creditada
1993-1994 Thea Danesha Turrell Elenco Principal
1995 New York Undercover Cantora Episódio: "Digital Underground"
1996-2001 Moesha Moesha Mitchell Protagonista / Produtora Executiva / 127 episódios
1997 Cinderela Cinderella Telefilme / Protagonista
Filhotes da Selva Latecia Voz / Episódio: "A Tale of Two Tails/Hair Ball"
1998 Eu Ainda Sei o Que Vocês Fizeram no Verão Passado Karla Wilson
1999 Double Platinum Kayla Harris Telefilme / Produtora Executiva
VH1 Divas Live 2 Ela Mesma Especial do VH1
2000 The Parkers Moesha Mitchell Episódio: "Scary Kim" / Spin-off de Moesha
2001 Osmosis Jones Leah Voz
2002 Sabrina, Aprendiz de Feiticeira Mystery Caller Episódio: "Guilty!"
Reba Mystery Caller Episódio: "She Works Hard for the Money"
Os Pesadelos de Molly Ela Mesma Episódio: "The Quahog Festival"
Brandy: Special Delivery Ela Mesma Documentário de 4 partes para a MTV
2004 American Dreams Gladys Knight Episódio: "Long Shots and Short Skirts"
Punk'd Ela Mesma Temporada 3, episódio 6
2005 Dr. House Ela Mesma Episódio: "Me Deixe Morrer"
American Idol Jurada Convidada Episódio: "Auditions: San Francisco"
2006 One on One Michelle McGinty 4 episódios
America's Got Talent Jurada 1ª temporada
Project Runway Jurada Convidada 2 episódios
2008 The Hills Ela Mesma Episódio: "I Want You to Be with Me"
2009-2010 For the Love of Ray J Ela Mesma Reality Show / 4 episódios
2010 Dancing with the Stars Competidora 11ª temporada, eliminada na 9ª semana
2010-2011 Brandy & Ray J: A Family Business Ela Mesma Reality Show / Produtora Executiva / 20 episódios
2011 90210 Marissa Harris-Young 5 episódios
2011-2012 Drop Dead Diva Elisa Shayne 5 episódios
2012 VH1 Divas 2012 Ela Mesma Especial do VH1
2012-2015 The Game Chardonnay Temporadas 5, 6, 9
2013 Relação em Risco[41] Melinda
2014 The Soul Man Rita Episódio: "All the Way Live"
Love & Hip Hop: Hollywood Ela Mesma Reality Show / Vários episódios
2016 Zoe Ever After Zoe Moon Protagonista / 8 episódios
The Perfect Match[41] Avatia
2017 My Kitchen Rules Competidora 3 episódios
2018 Star[42] Cassie Brown Temporadas 2, 3

Referências

  1. a b Allmusic. «Biography» (em inglês). Consultado em 12 de Janeiro de 2010. 
  2. «Brandy: Special Delivery». Wikipedia (em inglês). 10 de agosto de 2018 
  3. «Brandy Tells Witness Fatal Crash Was Her Fault». TMZ 
  4. «Gold & Platinum - RIAA». RIAA (em inglês) 
  5. «Snoop Reunites With Dre, Improves Macking Mojo On Blue Carpet». Consultado em 5 de setembro de 2016. 
  6. «Hollywood High School». Wikipedia (em inglês). 15 de outubro de 2018 
  7. Gerston, Jill. «COVER STORY;Brandy, Pop Star, Plays a Teen-Ager, Though Not Just Any Teen-Ager» (em inglês) 
  8. «Rock On The Net: Brandy». www.rockonthenet.com. Consultado em 20 de outubro de 2018. 
  9. «Sittin' Up in My Room». Wikipedia (em inglês). 16 de setembro de 2018 
  10. «Grammy Award for Best Pop Collaboration with Vocals». Wikipedia (em inglês). 2 de setembro de 2018 
  11. «Grammy Award for Best R&B Performance by a Duo or Group with Vocals». Wikipedia (em inglês). 20 de junho de 2018 
  12. «Have You Ever». Wikipedia (em inglês). 2 de julho de 2018 
  13. «Never Say Never World Tour». Wikipedia (em inglês). 17 de fevereiro de 2017 
  14. «MTV Movie Award for Next Generation». Wikipedia (em inglês). 29 de agosto de 2018 
  15. Hung, Steffen. «Brandy - What About Us? - swisscharts.com». swisscharts.com. Consultado em 20 de outubro de 2018. 
  16. «Another Breakup For Brandy: This Time It's Her Label». MTV News (em inglês) 
  17. «Brandy Preps New Album, Talks to MySpace Friends : VIBE.com». 2 de dezembro de 2008. Consultado em 20 de outubro de 2018. 
  18. «Brandy: 'I'm Leaving America's Got Talent'». Contactmusic.com (em inglês). 20 de abril de 2007 
  19. «Brandy Readies Human After Four-Year Hiatus: 'I Never Wanna Leave For That Long Again' | News | VH1.com». 26 de agosto de 2008. Consultado em 20 de outubro de 2018. 
  20. «Brandy Thanks Timbaland For Endorsing Her New Rap Career». MTV News (em inglês) 
  21. «Brandy Talks 'Dancing with the Stars,' Bristol Palin & New Music». Billboard 
  22. «'Majors & Minors' Creator Evan Bogart on Junior Talents, What Justin Bieber Should Do Next (Q&A)». The Hollywood Reporter (em inglês) 
  23. «'Drop Dead Diva' guest star Brandy talks!». EW.com (em inglês) 
  24. «Jason Aldean's 'Night Train' Rolls to No. 1 On Billboard 200». Billboard 
  25. «Tyler Perry's Temptation: Confessions of a Marriage Counselor (2013) - Box Office Mojo». www.boxofficemojo.com (em inglês). Consultado em 20 de outubro de 2018. 
  26. «Brandy Signs With CAA (Exclusive)». The Hollywood Reporter (em inglês) 
  27. «New Music: Brandy – 'Magic' (Coldplay Cover)». Rap-Up (em inglês) 
  28. «Brandy, Queen Latifah, MC Lyte, & Yo-Yo Reunite at BET Hip-Hop Awards». Rap-Up (em inglês) 
  29. «Brandy to debut on Broadway as Roxie Hart in 'Chicago'». EW.com (em inglês) 
  30. «Destiny's Child and Brandy mash-up will be released». KISS (em inglês) 
  31. «99 SOULS | full Official Chart History | Official Charts Company». www.officialcharts.com (em inglês). Consultado em 20 de outubro de 2018. 
  32. «BET Her». BET.com 
  33. ‎Beggin & Pleadin - Single by Brandy (em inglês), 21 de janeiro de 2016, consultado em 20 de outubro de 2018. 
  34. «Slayana World Tour». Wikipedia (em inglês). 28 de junho de 2018 
  35. «'I want to be the face of triumph'». NewsComAu 
  36. «Brandy Sues Record Label Over Right to Release New Music». Billboard 
  37. «Watch Brandy Bring the 90s Back at the Soul Train Awards». Time (em inglês). Consultado em 20 de outubro de 2018. 
  38. Petski, Denise (13 de maio de 2016). «Fox Orders 'My Kitchen Rules' Cooking Series With Curtis Stone & Cat Cora». Deadline (em inglês) 
  39. Desk, BWW News. «Brandy Norwood to Return to the Cell Block in Broadway's CHICAGO». BroadwayWorld.com (em inglês) 
  40. Petski, Denise (2 de julho de 2018). «'Star': Brandy Norwood Upped To Series Regular For Season 3 Of Fox Series». Deadline (em inglês) 
  41. a b «Brandy Filmography | List of Movies and TV Shows». www.aceshowbiz.com. Consultado em 5 de outubro de 2016. 
  42. Ausiello, Michael (2 de julho de 2018). «Star Mystery Solved: Brandy Norwood Returning in Season 3 as a Regular». TVLine (em inglês) 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]