Brasão de Cotia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Brasão de armas

O Brasão do Município de Cotia é um escudo português seguindo tradição no Brasil.

Cortado no primeiro de azul, um pico de montanha em preto, tendo a direita uma estrela de prata, de cinco pontas, e a esquerda uma coroa de ouro com pedrarias.

No segundo em verde, com uma faixa ondeada de prata. Sobre o escudo uma coroa mural de ouro.

Na parte inferior um listel de prata, carregado de letras, formando a palavra Cotia, ladeadas pelas datas 1723 e 1856.

A cor azul simboliza o clima ameno e saudável da cidade.

A coroa de ouro com pedrarias, lembra a padroeira do município, Nossa Senhora do Monte Serrat.

A estrela de prata, evoca os nomes dos filhos ilustres do município: padre Diogo Antonio Feijó, padre Manoel das Dores Rocha, José Araújo de Novaes, Bento José dos Santos, Pedro Lopes de Camargo, Manoel Batista Cepelos e outros.

O pico de preto, evidencia a situação geográfica da cidade, que está em cima de um monte.

A cor verde representa os campos férteis.

A faixa ondeada de prata lembra o Rio Cotia.

No listel de prata, a data 1723 evoca a fundação do arraial e a segunda, 1856, a sua elevação a município.

Na parte central da fita, o nome do município que identifica o brasão. Sobre o Escudo e coroa, mural de ouro que é símbolo universal de independência política dos municípios.

Erro de confecção[editar | editar código-fonte]

O brasão de Cotia possui um erro na coroa-mural. A coroa-mural reservada às cidades deve possuir cinco torres, e não apenas três, como se utiliza no brasão de Cotia.

Outro erro é a cor da coroa-mural, que deveria ser prateada, e não dourada, cor que se reserva somente ao brasão das capitais.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]