Brasão de armas da Guiana

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Coat of Arms of Guyana.svg

O Brasão de armas da Guiana (República Cooperativa da Guiana), foi aprovado pelo Parlamento em 25 de Fevereiro de 1966, depois da Rainha Elizabeth II ter introduzido, em 21 de Janeiro do mesmo ano.

Descrição[editar | editar código-fonte]

Inclui um pico de um ameríndio, simbolizando os povos indígenas do país; este pico é também chamado de Cacique's Crown; dois diamantes dos lados do ameríndio representa a indústria mineira; um capacete (insígnia monárquica); duas onças como que apoiantes segurando um machado, cana-de-açúcar, e um caule do arroz (simbolizando o açucar da Guiana e as indústrias do arroz); um escudo decorado com o lírio, simboliza a flor nacional; três linhas de azul ondulado representam os três principais rios da Guiana; e o pássaro nacional, o Canje Pheasant (Opisthocomus hoazin). O lema, "Um povo, uma nação, um destino", aparece na faixa em baixo do escudo.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre heráldica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.