Brasão de armas da Guiné-Bissau

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde abril de 2019). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Brasão de Armas da Guiné-Bissau
Brasão de Armas da Guiné-Bissau

O Brasão de Armas da Guiné-Bissau é um dos símbolos oficiais do país.

Brasão de Armas da Guiné-Bissau[editar | editar código-fonte]

A Constituição da República da Guiné-Bissau no seu Artigo 22º nr.º 1, define que "Os símbolos nacionais da República da Guiné-Bissau são a Bandeira, as Armas e o Hino". O nr.º 3 do mesmo artigo, diz que "As Armas da República da Guiné-Bissau consistem em duas palmas dispostas em círculo, unidas pela base, onde assenta uma concha amarela, e ligadas por uma fita em que se inscreve o lema «UNIDADE LUTA PROGRESSO». Na parte central superior insere-se uma estrela negra de cinco pontas".

História[editar | editar código-fonte]

Foi adoptado pouco depois de o país ter ficado independente de Portugal em 1973. Proeminente está uma estrela negra, parte do tradicional simbolismo Pan-Africano e frequentemente referenciada como a estrela Negra de África. Uma concha no fundo, une dois ramos de oliveira simétricos. A concha é simbólica da localização do país na costa Oeste de África.

Brasões históricos[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Brasão de armas da Guiné-Bissau

1

Ícone de esboço Este artigo sobre heráldica é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.