Bridgerton

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Bridgerton
Bridgerton (PT/BR)
Informação geral
Formato série
Gênero
Duração 57–72 minutos
Criador(es) Chris Van Dusen
Baseado em Os Bridgertons, de Julia Quinn
País de origem Estados Unidos
Idioma original inglês
Produção
Produtor(es) executivo(s)
Distribuição Netflix
Narrador(es) Julie Andrews
Elenco
Empresa(s) produtora(s) Shondaland
Exibição
Emissora original Netflix
Transmissão original 25 de dezembro de 2020 (2020-12-25) – presente
Temporadas 2
Episódios 16

Bridgerton é uma série de televisão americana de época criada por Chris Van Dusen e produzida por Shonda Rhimes. É baseada na série de livros de mesmo nome escrita por Julia Quinn que acompanha o competitivo mundo da alta sociedade da Regência Britânica. A série foi lançada em 25 de dezembro de 2020 na Netflix.

Em janeiro de 2021, a série foi renovada para segunda temporada, que foi lançada em 25 de março de 2022.[1][2] Em abril de 2021, a série foi renovada para terceira e quarta temporadas.[3]

Sinopse[editar | editar código-fonte]

O drama gira em torno da família Bridgerton, composta por Lady Violet; seus quatro filhos, Anthony, Benedict, Colin e Gregory; e suas quatro filhas, Daphne, Eloise, Francesca e Hyacinth. Também são apresentados os Featheringtons, consistindo em Lady Portia; seu marido, o barão; e suas três filhas, Philippa, Prudence e Penelope.

Elenco[editar | editar código-fonte]

Principal[editar | editar código-fonte]

Família Bridgerton

  • Ruth Gemmell como Violet Bridgerton, a víuva Viscondessa Bridgerton, mãe dos 8 filhos Bridgerton
  • Jonathan Bailey como Anthony, Visconde Bridgerton, o filho mais velho e chefe da família
  • Luke Thompson como Benedict Bridgerton, segundo filho dos Bridgerton
  • Luke Newton como Colin Bridgerton, terceiro filho dos Bridgerton
  • Phoebe Dynevor como Daphne Bridgerton, quarta filha dos Bridgerton e a mais velha entre as mulheres
  • Claudia Jessie como Eloise Bridgerton, quinta filha dos Bridgerton, segunda entre as mulheres, e amiga de Penelope Featherington
  • Will Tilston como Gregory Bridgerton, sétimo filho dos Bridgerton e o mais novo entre os homens
  • Florence Hunt como Hyacinth Bridgerton, oitava (e mais nova) filha dos Bridgerton

Família Featherington

  • Ben Miller como Archibald, Barão Featherington (1ª Temporada), patriarca da família
  • Polly Walker como Portia, Baronesa Featherington, matriarca da família
  • Bessie Carter como Prudence Featherington, filha mais velha dos Featherington
  • Harriet Cains como Philippa Featherington, filha do meio dos Featherington
  • Nicola Coughlan como Penelope Featherington, filha mais jovem dos Featherington e amiga de Eloise Bridgerton

Outros

  • Adjoa Andoh como Lady Danbury, perspicaz viúva de língua afiada, mentora de Simon e amiga de Lady Mary
  • Regé-Jean Page como Simon Basset, Duque de Hastings (1ª temporada)[4]
  • Golda Rosheuvel como Rainha Carlota, Rainha do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda
  • Ruby Barker como Marina Thompson (1ª Temporada. Participação na 2ª), prima dos Featherington
  • Sabrina Bartlett como Siena Rosso (1ª Temporada), cantora de ópera e amante de Anthony
  • Lorraine Ashbourne como Mrs. Varley, governanta dos Featherington
  • Julie Andrews como a voz da narradora e autora de coluna escandalosa de fofocas, Lady Whistledown
  • Martins Imhangbe como Will Mondrich (2ª Temporada. Recorrente na 1ª), boxeador e confidente do Duke de Hastings, baseado no verdadeiro Bill Richmond.

Introduzidos na 2ª Temporada

  • Simone Ashley como Kathani "Kate" Sharma (2ª Temporada), a mais velha das irmãs Sharma
  • Charithra Chandran como Edwina Sharma (2ª Temporada), a mais jovem das irmãs Sharma
  • Shelley Conn como Lady Mary Sheffield Sharma (2ª Temporada)
  • Rupert Young como Lord Jack Featherington (2ª Temporada)
  • Calam Lynch como Theo Sharpe (2ª Temporada), trabalhador da gráfica que imprime os panfletos de Lady Whistledown

Recorrente[editar | editar código-fonte]

  • Ruby Stokes como Francesca Bridgerton, sexta filha dos Bridgerton e terceira entre as mulheres
  • Molly McGlynn como Rose Nolan, criada e confidente de Daphne Bridgerton
  • Joanna Bobin como Lady Cowper, mãe de Cressida
  • Jessica Madsen como Cressida Cowper
  • Jason Barnett como Jeffries, mordomo dos Basset
  • Hugh Sachs como Brimsley, secretário da Rainha
  • Geraldine Alexander como Mrs. Wilson, governanta dos Bridgerton
  • Kathryn Drysdale como Genevieve Delacroix, modista da alta sociedade
  • Simon Ludders como Humboldt, criado dos Bridgerton
  • Julian Ovenden como Sir Henry Granville, artista amigo de Benedict Brdigerton

Participação[editar | editar código-fonte]

  • Jamie Beamish como Nigel Berbrooke, um pretendente de Daphne Bridgerton
  • Caroline Quentin como Lady Berbrooke, mãe de Nigel
  • Simon Lennon como Lord Ambrose
  • Freddie Stroma como Príncipe Frederick da Prússia, sobrinho-neto da Rainha
  • Amy Beth Hayes como Lady Trowbridge, hedonista viúva de um conde
  • James Fleet como Rei Jorge III, Rei do Reino Unido da Grã-Bretanha e Irlanda
  • Georgia Burnell como Celia
  • Céline Buckens como Kitty Langham
  • Chris Fulton como Sir Phillip Crane
  • Oscar Coleman como Simon aos 4 anos
  • Cairo Eusebe como Simon aos 6 anos
  • Lucas Booth-Clibborn como Simon aos 11 anos
  • Lynette Clarke como a enfermeira de Simon
  • Daphne Di Cinto como Sarah Basset, a Duquesa de Hastings, mãe de Simon
  • Richard Pepple como Duque de Hastings, pai de Simon
  • Pippa Haywood como Sra. Colson, governanta da propriedade dos Hastings
  • Euan Macnaughton como o médico que faz o parto de Daphne
  • Emma Naomi como Alice Mondrich, esposa de Will Mondrich
  • Anthony Head como Lord Sheffield, pai de Lady Mary (2ª Temporada)
  • Shobu Kapoor como Lady Sheffield, mãe de Lady Mary (2ª Temporada)
  • Rupert Evans como Visconde Edmund Bridgerton (2ª Temporada), o falecido patriarca da família

Episódios[editar | editar código-fonte]

1ª temporada - O Duque e Eu (2020)[editar | editar código-fonte]

na
série
na
temporada
TítuloDirigido porEscrito porLançamento
11 "Diamond of the First Water"
"Diamante Raro"
Julie Anne RobinsonChris Van Dusen25 de dezembro de 2020 (2020-12-25)
22 "Shock and Delight"
"Choque e Deleite"
Tom VericaJanet Lin25 de dezembro de 2020 (2020-12-25)
33 "Art of the Swoon"
"A Arte de Desfalecer"
Tom VericaLeila Cohan-Miccio25 de dezembro de 2020 (2020-12-25)
44 "An Affair of Honor"
"Questão de Honra"
Sheree FolksonAbby McDonald25 de dezembro de 2020 (2020-12-25)
55 "The Duke and I"
"O Duque e Eu"
Sheree FolksonJoy C. Mitchel25 de dezembro de 2020 (2020-12-25)
66 "Swish"
"Farfalhar"
Julie Anne RobinsonSarah Dollard25 de dezembro de 2020 (2020-12-25)
77 "Oceans Apart"
"Um Oceano de Distância"
Alrick RileyJay Ross & Abby McDonald25 de dezembro de 2020 (2020-12-25)
88 "After the Rain"
"Depois da Tempestade"
Alrick RileyChris Van Dusen25 de dezembro de 2020 (2020-12-25)

2ª temporada - O Visconde Que Me Amava (2022)[editar | editar código-fonte]

na
série
na
temporada
TítuloDirigido porEscrito porLançamento
91 "Capital R Rake"
"Um Grande Libertino"
Tricia BrockChris Van Dusen25 de março de 2022 (2022-03-25)
102 "Off to the Races"
"Foi Dada a Largada"
Tricia BrockDaniel Robinson25 de março de 2022 (2022-03-25)
113 "A Bee in Your Bonnet"
"Obsessão"
Alex PillaiSarah L. Thompson25 de março de 2022 (2022-03-25)
124 "Victory"
"Vitória"
Alex PillaiChris Van Dusen & Jess Brownell25 de março de 2022 (2022-03-25)
135 "An Unthinkable Fate"
"Um Destino Inconcebível"
Tom VericaAbby McDonald25 de março de 2022 (2022-03-25)
146 "The Choice"
"Escolhas"
Tom VericaLou-Lou Igbokwe25 de março de 2022 (2022-03-25)
157 "Harmony"
"Harmonia"
Cheryl DunyeOliver Goldstick25 de março de 2022 (2022-03-25)
168 "The Viscount Who Loved Me"
"O Visconde Que Me Amava"
Cheryl DunyeJess Brownell25 de março de 2022 (2022-03-25)

Produção[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Em 20 de julho de 2018, a Netflix anunciou que Shonda Rhimes produzirá a série Bridgerton baseada nos romances mais vendidos de Julia Quinn, enquanto Chris Van Dusen será o showrunner.[5] Em 21 de janeiro de 2021, a série foi renovada para segunda temporada.[1] Em 13 de abril de 2021, a série foi renovada para terceira e quarta temporadas.[3] Em 14 de maio de 2021, foi anunciado que Jess Brownell serviria como roteirista e showrunner pela terceira e quarta temporadas, substituindo Van Dusen.[6]

Seleção de elenco[editar | editar código-fonte]

Em 19 de junho de 2019, Julie Andrews foi escalada como Lady Whistledown, a narradora da série.[7] Em 10 de julho de 2019, foi anunciado que Phoebe Dynevor e Regé-Jean Page interpretariam os protagonistas, enquanto Jonathan Bailey, Golda Rosheuvel, Luke Newton, Claudia Jessie, Nicola Coughlan, Ruby Barker, Sabrina Bartlett, Ruth Gemmell, Adjoa Andoh e Polly Walker foram escalados no elenco principal.[8]

Em 15 de fevereiro de 2021, foi anunciado que Simone Ashley havia sido escalada como a protagonista feminina da 2ª temporada, Kate.[9] Em abril de 2021 Charithra Chandran se juntou ao elenco como sua irmã Edwina, além de Rupert Young, que interpretará um novo personagem.[10] No mesmo mês, Shelley Conn foi escalada como a mãe de Kate e Edwina, Mary, e Calam Lynch foi escalado como Theo Sharpe para a segunda temporada.[11] Em maio de 2021, Rupert Evans se juntou ao elenco como Edmund Bridgerton, o patriarca da familia Bridgerton para segunda temporada.[12]

Filmagens[editar | editar código-fonte]

Bridgerton foi filmada em Londres e em Bath, Somerset.[13]

A produção da segunda temporada foi iniciada em março de 2021.[14]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Em outubro de 2020 foi anunciado que Bridgerton seria lançada em 25 de dezembro, 2020.[15] O teaser foi lançado junto com os posters em novembro de 2020.[16][17] Em 25 de dezembro de 2021, foi anunciado que a segunda temporada estrearia em 25 de março de 2022.[2]

Spin-off[editar | editar código-fonte]

Em maio de 2021, a Netflix encomendou uma minissérie spin-off de Shonda Rhimes, que se concentrará na ascensão e na vida amorosa de uma jovem Rainha Charlotte. Rhimes escreverá a série e atuará como produtora executiva ao lado de Betsy Beers e Tom Verica.[6]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Crítica[editar | editar código-fonte]

Para a série, o site agregador de resenhas Rotten Tomatoes relatou uma taxa de aprovação de 89% com base em 89 resenhas, com uma classificação média de 7.92/10.[18] O Metacritic deu à série uma pontuação média ponderada de 74 de 100 com base em 33 avaliações, indicando "avaliações geralmente favoráveis".[19]

Kristen Baldwin da Entertainment Weekly deu à série a nota B+ e escreveu, "Bridgerton, ao que parece, é uma diversão maravilhosa para aqueles que amam Orgulho e Preconceito, mas desejam ter mais sexo na escada."[20] Richard Roeper do Chicago Sun-Times deu a série 4 de 4 estrelas e disse: "Um show que vai dar a você aquela inconfundível pontada de compulsão e fazer você ativar aquele "Próximo Episódio" uma e outra vez, até que não haja mais "Próximos Episódios"."[21]

A British GQ descreveu Bridgerton como uma mistura de Downton Abbey e Gossip Girl, mas observou que "pode ​​acabar sendo apenas mais uma decepção" e "poderia ter sido brilhante".[22] Salamishah Tillet do The New York Times disse "Bridgerton fornece um projeto para shows do período britânico em que os personagens negros podem prosperar dentro de enredos melodramáticos, trajes extravagantes e beleza bucólica [...] sem ter que ser servos ou escravizados."[23] Erum Salam da Cosmopolitan escreveu "Eu queria mais explicações de como a raça é considerada nesta sociedade..."[24]

Carolyn Hinds do The Observer afirmou que "Bridgerton foi elogiado como um show racialmente diverso ambientado na Era da Regência".[25] Caroline Framke, da Vanity Fair, descreve o sexo na série "não é um material totalmente chocante para Shondaland para minha primeira série dramática sem restrições de transmissão."[26]

Audiência[editar | editar código-fonte]

Em 4 de janeiro de 2021, a Netflix anunciou que a série foi projetada para ser assistida por 63 milhões de usuários dentro de 28 dias de sua estréia, o que tornaria o quinto lançamento da série original mais assistida da Netflix de todos os tempos.[27] Em 27 de janeiro, a Netflix anunciou que a série havia sido assistida por um recorde de 82 milhões de usuários em seus primeiros 28 dias, tornando-a a série mais assistida até o momento no serviço.[28]

The Unofficial Bridgerton Musical[editar | editar código-fonte]

Os músicos Abigail Barlow e Emily Bear escreveram um musical em resposta à primeira temporada. Tudo começou com um TikTok de Abigail Barlow em 10 de janeiro de 2021, que se tornou viral.[29] A Netflix permitiu que eles lançassem um álbum não oficial de Bridgerton, desde que fosse classificado como conteúdo de fãs. Barlow e Bear lançaram o álbum de forma independente, sem gravadora, em setembro de 2021. Alguns dias depois, eles e Darren Criss tocaram a música "Oceans Away" na comemoração do 50º aniversário do Centro John F. Kennedy de Artes Cênicas.[30]

Em 3 de abril de 2022, Abigail Barlow e Emily Bear ganharam o Grammy Awards de 2022 de Melhor Álbum de Teatro Musical.[31] Elas foram as únicas mulheres indicadas e as mais jovens da história da categoria.[32] 14 de abril, ambos foram convidados no Today (programa de televisão)[33] e tocaram Burn for you.[34]

Prêmios[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Indicados Resultado Ref.
2021 AFI Awards Top Programa de Televisão Bridgerton Venceu [35]
Costume Designers Guild Awards Excelência em Televisão de Época m Ellen Mirojnick and John W. Glaser III (por "Diamond of the First Water") Indicado [36]
Directors Guild of America Awards Direção em Série de Drama Julie Anne Robinson (for "Diamond of the First Water") Indicado [37]
Make-Up Artists and Hair Stylists Guild Melhor Série de Televisão, Limitada ou Minissérie ou Nova Série - Melhor maquiagem de personagem Marc Pilcher, Lynda J. Pearce, Claire Matthews and Louise Bannell Indicado [38]
Melhor Série de Televisão, Limitada ou Minissérie ou Nova Série – Melhor Hair Styling Marc Pilcher, Lynda J. Pearce, Adam James Phillips e Tania Couper Venceu
NAACP Image Awards Melhor Série de Drama Bridgerton Indicado [39]
Melhor Ator em Série de Drama Regé-Jean Page Venceu
Melhor Atriz Coadjuvante em Série de Drama Adjoa Andoh Indicado
Producers Guild of America Awards Produção em Série de Drama Chris Van Dusen, Shonda Rhimes, Betsy Beers, Scott Collins, Alison Eakle, Sara Fischer, Sarada McDermott, Holden Chang and Tom Verica Indicado [40]
Satellite Awards Melhor Ator em Série de Drama Regé-Jean Page Indicado [41]
Melhor Atriz em Série de Drama Phoebe Dynevor Indicado
Screen Actors Guild Awards Melhor Elenco em Série de Drama Elenco de Bridgerton Indicado [42]
Melhor Ator em Série de Drama Regé-Jean Page Indicado

Referências

  1. a b «'Bridgerton' Renewed By Netflix; Season 2 Subject & Start Of Production Confirmed». Deadline Hollywood. 21 de janeiro de 2021. Consultado em 21 de janeiro de 2021 
  2. a b «'Bridgerton': Netflix Sets Season 2 Premiere Date, Reveals More Plot Details – Watch Announcement». Deadline. 25 de dezembro de 2021. Consultado em 5 de fevereiro de 2022 
  3. a b «Netflix Renews 'Bridgerton' For Seasons 3 & 4». Deadline Hollywood. 13 de abril de 2021. Consultado em 13 de abril de 2021 
  4. «'Bridgerton' Surprise: Breakout Rege-Jean Page Not Returning for Season 2». The Hollywood Reporter. 2 de abril de 2021. Consultado em 4 de abril de 2021 
  5. «Shondaland Unveils Netflix Series Slate: 'The Warmth Of Other Suns', White House Drama 'The Residence', Ellen Pao Project, More». 20 de julho de 2018. Consultado em 11 de outubro de 2020 
  6. a b «Bridgerton Gets Young Queen Charlotte Spinoff From Shonda Rhimes, Sets Jess Brownell As Season 3 & 4 Showrunner». Deadline Hollywood. 14 de maio de 2021. Consultado em 28 de maio de 2021 
  7. «Julie Andrews To Voice Lady Whistledown In Shondaland's Bridgerton Series For Netflix Based On Novels». 19 de outubro de 2020. Consultado em 20 de outubro de 2020 
  8. «Phoebe Dynevor & Regé-Jean Page To Headline Shondaland's 'Bridgerton' At Netflix; 10 Others Cast». 10 de julho de 2019. Consultado em 11 de outubro de 2020 
  9. «'Bridgerton': Simone Ashley Lands Female Lead In Season 2 Of Netflix Hit From Shondaland». Deadline Hollywood. 15 de fevereiro de 2021. Consultado em 16 de fevereiro de 2021 
  10. «'Bridgerton': Charithra Chandran To Play Edwina, Rupert Young Also Cast In Season 2 Of Netflix Series». Deadline. 1 de abril de 2021. Consultado em 4 de abril de 2021 
  11. «'Bridgerton': Shelley Conn & Calam Lynch Join Season 2 Of Netflix Series». Deadline Hollywood. 5 de abril de 2021. Consultado em 5 de abril de 2021 
  12. «Bridgerton Season 2 Adds Charmed's Rupert Evans as Family Patriarch». TVLine. 28 de maio de 2021. Consultado em 28 de maio de 2021 
  13. «'Bridgerton': Everything You Need to Know About Shonda Rhimes' First Netflix Show». 3 de março de 2020. Consultado em 11 de outubro de 2020 
  14. «Bridgerton's Luke Newton Posts Season 2 On-Set Photos: "The Boys Are Back In Town"». Deadline Hollywood. 15 de março de 2021. Consultado em 4 de abril de 2021 
  15. «Now this is a costume drama! Here's our exclusive first look at Netflix's big new show, Bridgerton». 15 de outubro de 2020. Consultado em 20 de outubro de 2020 
  16. «'Bridgerton' Trailer: Shondaland Romance Brings Historical Drama to Netflix». 2 de novembro de 2020. Consultado em 9 de novembro de 2020 
  17. «See you on December 25.». 2 de novembro de 2020. Consultado em 9 de novembro de 2020 
  18. «Bridgerton: Season 1 (2020)». Rotten Tomatoes. Consultado em 1 de fevereiro de 2021 
  19. «Bridgerton: Season 1». Metacritic. Consultado em 1 de fevereiro de 2021 
  20. «Bridgerton is a horny historical romance for the ages: Review». Entertainment Weekly. 22 de dezembro de 2020. Consultado em 28 de dezembro de 2020 
  21. «'Bridgerton': Netflix series as scandalous as 'Scandal,' as delicious as 'Downton Abbey'». Chicago Sun-Times. 24 de dezembro de 2020. Consultado em 28 de dezembro de 2020 
  22. «Netflix's Bridgerton is Downton Abbey meets Gossip Girl – and not in a good way». British GQ. Consultado em 29 de março de 2021 
  23. «'Bridgerton' Takes On Race. But Its Core Is Escapism.». The New York Times. 5 de janeiro de 2021. Consultado em 29 de março de 2021 
  24. «'Bridgerton' Is Nowhere Near Perfect on Race, but It's Still a Step Forward». Cosmopolitan. 15 de janeiro de 2021. Consultado em 29 de março de 2021 
  25. «'Bridgerton' Sees Race Through a Colorist Lens». Observer. 1 de janeiro de 2021. Consultado em 29 de março de 2021 
  26. «'Bridgerton,' Shondaland's First Scripted Netflix Show, Is a Confectionary Treat of a Romance: TV Review». Variety. 21 de dezembro de 2020. Consultado em 29 de março de 2021 
  27. «'Bridgerton' Seen by Over 63 Million Households, Netflix Claims». Variety. 4 de janeiro de 2021. Consultado em 1 de fevereiro de 2021 
  28. «Netflix Says 'Bridgerton' Is Its Biggest Series Ever». The Hollywood Reporter. 27 de janeiro de 2021. Consultado em 1 de fevereiro de 2021 
  29. Shafer, Ellise; Shafer, Ellise (29 de janeiro de 2021). «'Bridgerton: The Musical' Blew Up on TikTok. Could Broadway Be Next?». Variety (em inglês). Consultado em 11 de abril de 2022 
  30. «Ocean Away - Abigail Barlow, Emily Bear & Darren Criss | The Kennedy Center at 50 | Kennedy Center». The Kennedy Center (em inglês). Consultado em 11 de abril de 2022 
  31. THE UNOFFICIAL BRIDGERTON MUSICAL Wins Best Musical Theater Album | 2022 GRAMMYs Acceptance Speech, consultado em 11 de abril de 2022 
  32. Jacobs, Julia (4 de abril de 2022). «TikTok to the Grammys: How a 'Bridgerton' Musical Beat Broadway». The New York Times (em inglês). ISSN 0362-4331. Consultado em 11 de abril de 2022 
  33. «TikTok stars win Grammy for 'Unofficial Bridgerton Musical'». TODAY.com (em inglês). Consultado em 17 de abril de 2022 
  34. «TikTok stars Abigail Barlow and Emily Bear perform 'Burn For You'». TODAY.com (em inglês). Consultado em 17 de abril de 2022 
  35. «AFI AWARDS 2020 Honorees Announced». American Film Institute. 25 de fevereiro de 2021. Consultado em 29 de março de 2021 
  36. «Costume Designers Guild Awards Nominations». Deadline. Consultado em 29 de março de 2021 
  37. «DGA Announces 2020 Nominees for Documentary, Television, and Commercials». Awards Daily. 8 de março de 2021. Consultado em 29 de março de 2021 
  38. «'Bill & Ted Face the Music' Leads Make-Up Artists and Hair Stylists Guild Awards Nominations». The Hollywood Reporter. 18 de fevereiro de 2021. Consultado em 4 de abril de 2021 
  39. «52nd NAACP Image Awards: The Nominees». NAACP signage Awards. 2 de fevereiro de 2021. Consultado em 29 de março de 2021 
  40. «'Bridgerton' and 'Ted Lasso' Among PGA Awards TV Nominees». Indiewire. 8 de março de 2021. Consultado em 29 de março de 2021 
  41. «2020 Nominees». International Press Academy. 1 de fevereiro de 2021. Consultado em 29 de março de 2021 
  42. «Nominations Announced for the 27th Annual Screen Actors Guild Awards». SAGAwards.org. 4 de fevereiro de 2021. Consultado em 29 de março de 2021