Bruno Cazarine

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Bruno Cazarine
Bruno Cazarine.jpg
Informações pessoais
Nome completo Bruno Cazarine Constantino
Data de nasc. 6 de maio de 1983 (39 anos)
Local de nasc. Mogi das Cruzes, São Paulo, Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,88 m
Apelido Cazagol
Informações profissionais
Clube atual aposentado
Posição ex-atacante
Clubes de juventude
Palmeiras
Clubes profissionais1
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2002–2003
2004
2004
2005
2006–2007
2007
2007
2008
2008
2009
2009
2009
2010
2010
2010–2012
Palmeiras
Palmeiras B
Al-Sailiya
Chengdu Blades
Terrassa (emp.)
Naval
Martina
Bragantino
Bahia
Chapecoense
Gyeongnam
Guarani
Chapecoense
Vila Nova
Sydney FC


00021 000(7)
00016 000(8)
00019 000(3)
00017 000(2)
00013 000(3)
00012 000(4)
00025 000(7)
000(?) 00(17)
00003 000(0)
00019 000(8)

00016 000(3)
00050 00(17)


1 Partidas e gols pelos clubes profissionais
contam apenas partidas das ligas nacionais.
Atualizadas até 12 de fevereiro de 2011.


Bruno Cazarine Constantino, mais conhecido como Bruno Cazarine (Mogi das Cruzes, 6 de maio de 1983), é um ex-futebolista brasileiro que atuava como atacante e empresário.[1]

Carreira[editar | editar código-fonte]

Atuando pela Chapecoense, foi o artilheiro do Campeonato Catarinense de 2009, com 17 gols.[2]

Em agosto de 2009, Cazarine é contratado pelo Guarani para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série B.[3]

Para a temporada de 2010, Cazarine voltou à Chapecoense.[4] Não teve uma boa campanha, assim como o time que foi rebaixado à Segunda Divisão do Campeonato Catarinense.[5]. Para o restante da temporada, transferiu-se para o Vila Nova.[6]

Ainda em 2010, Cazarine é contratado pelo Sydney da Austrália.[7][8]

Cazarine fez 50 partidas pelo Sydney anotando 17 gols, tendo como sua última partida a derrota 3–2 para o Wellington Phoenix.[9] Ele deixou o clube no final da temporada 2011-12 citando uma mistura de incerteza a respeito de sua futuro no clube, bem como razões familiares de volta ao Brasil.[10]

No verão de 2012, Cazarine chegou ao Reino Unido para realizar testes no Coventry City.

Marca[editar | editar código-fonte]

Cazarine é o atacante mais produtivo da história do Sydney FC, com média de 0,34 gols por jogo. Com esta média, Cazarine ultrapassou o ex-atleta do clube Dwight Yorke que tinha média de 0,32 e Alex Brosque em terceiro com 0,30. Isto também inclui muitos jogos como reserva na temporada 2011-12.[11]

Aposentadoria[editar | editar código-fonte]

Cazarine aposentou-se aos 29 anos, após não renovar com o Sydney FC. Segundo o próprio jogador: "Talvez eu tivesse lenha para queimar ainda, mas a decisão foi bem pensada. Esse mundo do futebol cansa e eu já pensava em parar há um certo tempo, não me arrependo"[12]. Atualmente é empresário na região do Vale da Paraíba em São Paulo.

Títulos[editar | editar código-fonte]

Palmeiras

Referências

  1. «Perfil de Bruno Cazarine». Futebol de Goyaz. Consultado em 24 de setembro de 2022 
  2. «Furacão quer Bruno Cazarine, artilheiro da Chapecoense». Correio Braziliense. 15 de maio de 2009. Consultado em 24 de setembro de 2022 
  3. «ClicRBS - Bruno Cazarine, ex-Chapecoense, é novo reforço de time da Série B» 
  4. «ClicRBS - Bruno Cazarine acerta retorno à Chapecoense» 
  5. «Juventus e Chapecoense rebaixados à 2ª Divisão». Jornal do Vale do Itapocu 
  6. «Vila Nova apresenta Bruno Cazarine». ESPBR 
  7. «Journeyman from Brazil keen to lift Sky Blues off the bottom of the table» (em inglês). Sydney Morning Herald. 30 agosto 2010. Consultado em 30 agosto 2010 
  8. Smithies, Tom (24 agosto 2010). «Brazilian Bruno Cazarine trials for Sydney FC» (em inglês). The Daily Telegraph. Consultado em 30 agosto 2010 
  9. Stoney, Emma (11 de setembro de 2010). «Phoenix edge hapless Sydney FC» (em inglês). A-League. Consultado em 12 de setembro de 2010 
  10. Hassett, Sebastian (10 de abril de 2012). «Cazarine walks out as contract saga drags on» (em inglês). Sydney Morning Herald. Consultado em 9 de abril de 2012 
  11. «Ultimate A-League Goals to Game Ratio» (em inglês). Ultimate A-League Australia. 4 de março de 2012. Consultado em 4 de março de 2012 
  12. http://globoesporte.globo.com/sc/futebol/times/chapecoense/noticia/2013/05/aposentado-precocemente-cazagol-fica-na-torcida-por-gral-e-sua-chape.html

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Bandeira de BrasilSoccer icon Este artigo sobre um futebolista brasileiro é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.