Bruno Nazário

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Bruno Nazário
Informações pessoais
Data de nasc. 9 de fevereiro de 1995 (27 anos)
Local de nasc. Cascavel (PR), Brasil
Nacionalidade brasileiro
Altura 1,78
canhoto
Informações profissionais
Clube atual Chapecoense
Posição Meio-campista
Clubes de juventude

2010–2013
Cascavel CR
Figueirense
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2012–2013
2013
2013
2013–2021
2014–2015
2016
2017–2018
2018–2019
2020–2021
2021
2022
2022
2023–
Figueirense
Tombense
América Mineiro (emp.)
Hoffenheim
Lechia Gdańsk (emp.)
Cruzeiro (emp.)
Guarani (emp.)
Athletico Paranaense (emp.)
Botafogo (emp.)
América Mineiro (emp.)
Vasco da Gama
Juventude (emp.)
Chapecoense
0008 0000(1)
0000 0000(0)
0000 0000(0)
0002 0000(0)
0038 0000(1)
0005 0000(0)
0070 000(15)
0030 0000(0)
0046 0000(6)
0022 0000(1)
0017 0000(2)
0012 0000(1)
0000 0000(0)


2 Partidas e gols totais pelos
clubes, atualizadas até 27 de outubro de 2022.

Bruno dos Santos Nazário, mais conhecido como Bruno Nazário (Cascavel, 9 de fevereiro de 1995), é um futebolista brasileiro que atua como meio-campista. Atualmente está na Chapecoense.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Nascido na cidade de Cafelândia, Paraná, Nazário começou na base do Figueirense em 2010, depois de iniciar no clube da cidade vizinha que era o Cascavel CR.[1] No dia 3 de novembro de 2012 estreou pelo profissional no Figueirense contra a equipe do Flamengo após substituir Raphael Botti, numa derrota por 1 a 0.[2]

Nazário apareceu em quatro partidas pelo Figueirense durante o ano que sua equipe foi rebaixada para a segunda divisão. Seu primeiro gol foi no dia 24 de março de 2013, contra o Metropolitano pelo Campeonato Catarinense, numa vitória por 4 a 1 em casa.[3]

Em maio de 2013 deixou o clube do Figueirense após seus direitos federativos foi negociados por um grupo de investidores.[4] Após ser comprado pelo Tombense foi emprestado ao América Mineiro.[5]

Em agosto de 2013 o Hoffenheim, clube alemão, comprou o jogador por um contrato de quatro temporadas,[6] com uma taxa de rumores de 1 milhão de euros.[7] Sua estreia pelo clube foi no dia 3 de maio de 2014, substituindo Tobias Strobl numa derrota por 3 a 2 do Borussia Dortmund.[8]

No dia 28 de agosto de 2014, depois de ser pouco utilizado pelo Hoffenheim (apenas duas partidas oficiais), foi emprestado por uma temporada para o clube polonês Lechia Gdańsk.[9] Na Polônia o meio-campista conseguiu uma boa sequência de 38 jogos oficiais, com 8 assistências e 1 gol até ser emprestado ao Cruzeiro e retornar ao futebol brasileiro.

Cruzeiro[editar | editar código-fonte]

Bruno Nazário desembarcou no Aeroporto de Confins em Belo Horizonte (MG) para fazer exames médicos e assinar um contrato de 18 meses por empréstimo com o Cruzeiro, em seu desembarque o jogador concedeu uma entrevista exclusiva a Rádio Itatiaia e agradeceu o empenho do vice-presidente de futebol da Raposa, Bruno Vicintin nas negociações junto ao Hoffenheim: "Achamos que o Cruzeiro era a melhor opção. Só tenho a agradecer ao Bruno (Vicintin) pelo apoio, por acreditar no meu trabalho e me dar essa chance de jogar no Cruzeiro."[10]

Guarani[editar | editar código-fonte]

Acertou com o Guarani no final de 2017, após passagem apagada no Cruzeiro.[11] Conseguiu boa sequência durante a Série B daquele ano e liderou o time no ano seguinte, na disputa da Série A2 de 2018, conseguindo ao final o acesso à Série A1 do Campeonato Paulista e de tabela sendo eleito o craque da competição. Em julho, foi emprestado novamente, dessa vez ao Athletico Paranaense.[12]

Athletico Paranaense[editar | editar código-fonte]

No Furacão teve seu desempenho atrapalhado por diversas lesões no joelho direito [13][14]. No entanto, conquistou três títulos, fazendo parte do grupo que conquistou a Copa Sul-Americana em 2018 e as Copas do Brasil e Suruga Bank em 2019.

Botafogo[editar | editar código-fonte]

Em janeiro de 2020 acertou com o Botafogo para a temporada.[15] Marcou seu primeiro gol na estreia pelo time, na vitória por 3-1 em cima do Macaé e o segundo gol no jogo seguinte contra o Resende.[16]

No dia 10 de março, o jogador em negociação com o América Mineiro, foi pedido para não atuar na Copa do Brasil pelo Botafogo, e teve seu contrato rescindido com o clube alvinegro.[17]

Vasco da Gama[editar | editar código-fonte]

Em janeiro de 2022 assinou sem custos com o Vasco da Gama.[18]

Títulos[editar | editar código-fonte]

Athletico Paranaense
Guarani

Referências

  1. «Bruno Nazário deve estrear como titular no Figueira contra o Sport» [Bruno Nazário may debut as a starter at Figueira against Sport]. Notícias do Dia. 9 de Novembro de 2012. Consultado em 2 de Janeiro de 2016 
  2. «Flamengo vence Figueirense e respira aliviado no Brasileirão» [Flamengo defeats Figueirense and takes air in Brasileirão]. Globo Esporte. 3 de Novembro de 2012. Consultado em 2 de Janeiro de 2016 
  3. «Metrô se perde no segundo tempo e leva 4x1 do Figueirense» [Metrô loses it in the second half and suffers a 4–1 from Figueirense]. BlumeNews. 25 de Março de 2013. Consultado em 2 de Janeiro de 2016 
  4. «Promessa da base rescinde contrato» [Youth prospect rescinds contract]. INfoesporte. 15 de Maio de 2013. Consultado em 2 de Janeiro de 2016 
  5. «Bruno Nazário, revelação do Figueirense, é o novo reforço do América para Série B» [Bruno Nazário, Figueirense's pearl, is the new addition of América for Série B]. Superesportes. 23 de Maio de 2013. Consultado em 2 de Janeiro de 2016 
  6. «TSG verpflichtet brasilianisches Talent Bruno Nazario» [TSG signs Brazilian talent Bruno Nazario] (em alemão). 1899 Hoffenheim. 22 de Agosto de 2013. Consultado em 29 de Agosto de 2014 
  7. «Nazario unterschreibt in Hoffenheim» [Nazario signs for Hoffenheim] (em alemão). Bild. 22 de Agosto de 2013. Consultado em 29 de Agosto de 2014 
  8. «Piszczek beendet furiose fünf Minuten» [Piszczek completou cinco minutos furiosos] (em alemão). Kicker. 3 de maio de 2014. Consultado em 24 de outubro de 2019 
  9. «Bruno Nazario auf Leihbasis nach Danzig» [Bruno Nazario on loan to Gdańsk] (em alemão). 1899 Hoffenheim. 28 de Agosto de 2014. Consultado em 29 de Agosto de 2014 
  10. «Meia Bruno Nazário chega a BH para exames antes de assinar com Cruzeiro». globoesporte.com. Consultado em 5 de janeiro de 2016 
  11. GloboEsporte.comCampinas, Por; SP. «Bruno Nazário rescinde com Cruzeiro e reforça Guarani na temporada 2017». globoesporte.com. Consultado em 27 de janeiro de 2020 
  12. «Destaque no Guarani, Bruno Nazário é o novo reforço do Furacão». Gazeta Esportiva. 12 de julho de 2018. Consultado em 27 de janeiro de 2020 
  13. «Bruno Nazário sofre lesão no joelho e só volta ao Atlético-PR em 2019». Globoesporte. Consultado em 27 de janeiro de 2020 
  14. «Bruno Nazário precisa passar por cirurgia e desfalca o Athletico na sequência do Brasileirão». Globoesporte. Consultado em 27 de janeiro de 2020 
  15. «Conheça Bruno Nazário, o reforço do Botafogo que ajudou a eliminar o Flamengo, mas sofreu com lesões». Globoesporte. Consultado em 27 de janeiro de 2020 
  16. «Bruno Nazário exalta gol em vitória e já vê identidade no time do Botafogo». Gazeta Esportiva. 27 de janeiro de 2020. Consultado em 27 de janeiro de 2020 
  17. Após afirmação de presidente do América-MG, Bruno Nazário deixa o Botafogo
  18. «Bruno Nazário - Histórico de transferências». transfermarkt.com.br. 12 de julho de 2022. Consultado em 12 de julho de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]