Bruxo do Cosme Velho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Bruxo do Cosme Velho é um epíteto consagrado a Machado de Assis.[1] O termo ganhou força no meio literário quando Carlos Drummond de Andrade publicou o poema: "A um bruxo, com amor", no qual o poeta fez referência à casa (número 18) da rua Cosme Velho, situada no bairro de mesmo nome, no Rio de Janeiro, onde morou Machado de Assis. O poema toma a casa como ponto de partida, como um passaporte para a proximidade com Machado, e, a partir daí, faz referências à obra do autor.[2]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre literatura é um esboço relacionado ao Projeto Literatura. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
  1. Neto, Geneton Moraes (2007). Dossiê Drummond. [S.l.]: Editora Globo 
  2. Andrade, Carlos Drummond de (15 de outubro de 2013). A vida passada a limpo. [S.l.]: Companhia das Letras