Buém

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Buém
Fortaleza de Buém do Reino Médio
Localização atual
Buém está localizado em: Egito
Buém
Localização de Buém no Egito
Coordenadas 21° 55' N 31° 17' E
País  Egito
Dados históricos
Fundação Reino Antigo
Abandono Época Baixa

Buém (em egípcio: Buhen) é um sítio arqueológico da Baixa Núbia situado na margem direita do rio Nilo, perto da segunda catarata. Suas ruínas estão localizadas nas proximidades da cidade de Uádi Halfa.[1] Dista cerca de 260 quilômetros a montante da represa de Assuão. Suas ruínas foram estudadas pela primeira vez em 1819 e escavadas sobretudo entre 1957 e 1964. Foi fundado no Reino Antigo (2686–2181 a.C.) como centro para expedições mineradoras. A XII dinastia (1985–1795 a.C.) erigiu várias fortificações de adobe e transformou o sítio numa guarnição militar para controlar a área ao norte da segunda catarata. As construções, por sua vez, consistiram em blocos regulares retangulares de casas separadas por seis vias principais. Sob o Reino Novo (1550–1069 a.C.), transformar-se-ia num assentamento civil, uma vez que a fronteira foi empurrada ao sul até a quarta catarata, o que reduziu sua relevância militar. Os métodos de escavação usados por Walter Bryan Emery foram semelhantes aos de Amarna, Amara e Sesebi-Salua durante os anos 30 e 40 devido a eminente inundação do sítio pelo lago Nasser e problemas decorrentes da perturbação pós-deposição ou radiografia de restos faraônicos.[2]

Referências

  1. Britannica, T. Editors of Encyclopaedia. Wādī Ḥalfāʾ. Encyclopedia Britannica, October 11, 2018.
  2. Shaw 1995, p. 56-57.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Shaw, Ian; Nicholson, Paul (1995). «Buhen». In: Harry N. Abrams. The Dictionary of Ancient Egypt (em inglês). Nova Iorque: Imprensa da Universidade de Princeton. ISBN 0810932253