Bugio (ritmo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bugio
Origens estilísticas -
Contexto cultural Anos 1920 em São Francisco de Assis
Instrumentos típicos Acordeão
Popularidade Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná
Formas derivadas -
Subgêneros
-
Gêneros de fusão
-
Formas regionais
Rio Grande do Sul
Outros tópicos
-


Bugio é um estilo musical brasileiro, de compasso binário, originário do estado do Rio Grande do Sul.

O nome do ritmo e os movimentos executados na dança são inspirados no bugio (Alouatta guariba clamitans), primata anteriormente comum no interior gaúcho e hoje ameaçado de extinção. As origens da criação do ritmo são controversas, sendo que algumas pessoas acreditam que tenha surgido na tentativa de imitar o ronco do bugio usando o jogo de fole da gaita.

O bugio era um estilo musical restrito às classes menos desenvolvidas da sociedade gaúcha, sendo aceita aos poucos pela alta sociedade. A dança lembra os movimentos do bugio, com dois passos para cada lado e um pequeno pulo lateral na passagem do segundo para o terceiro movimento.

A autoria da criação é dada à Neneca Gomes, morador da localidade Mato Grande, Quinto Distrito de São Francisco de Assis, porém outros discordam desta ideia, dando o título de criador do ritmo à um outro gaiteiro, morador do Segundo Distrito desta mesma cidade, que não gravou.

Atualmente, existem festivais dedicados ao bugio, como o "Ronco do Bugio" em São Francisco de Paula e o "Querência do Bugio" em São Francisco de Assis.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre música é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.