Bula (medicamento)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Bula é o conjunto de informações sobre um medicamento que obrigatoriamente os laboratórios farmacêuticos devem acrescentar à embalagem de seus produtos vendidos no varejo. As informações podem ser direcionadas aos usuários dos medicamentos, aos profissionais de saúde ou a ambos.

A leitura da bula é essencial para ambos os públicos é indispensável, e pode garantir um tratamento mais eficiente e seguro. Para o médico ter acesso rápido e prático ás bulas, pode ser um grande diferencial no seu desempenho profissional. Atualmente, existem ferramentas que facilitam a consulta de bulas

As informações de uma bula[editar | editar código-fonte]

As informações encontradas nas bulas de medicamentos são, geralmente, divididas e organizadas segundo os tópicos:

  • Nome do medicamento;
  • Apresentação, formas ou formulações;
  • Composição - Ingredientes e suas dosagens;
  • Informações ao paciente - Cuidados de armazenamento, prazo de validade;
  • Informações técnicas - Dados farmacológicos gerais sobre o medicamento
  • Indicações;
  • Contraindicações - Indicam condições em que o medicamento não deverá ser utilizado;
  • Precauções - Cuidados a serem tomados durante o uso do medicamento;
  • Interações - Dados sobre o uso concomitante com outras substâncias;
  • Reações adversas - Efeitos colaterais possíveis ou esperados do medicamento;
  • Posologia - Informações sobre a dosagem e os intervalos de administração;
  • Superdosagem - Informações sobre o uso excessivo ou em altas doses.

+ treco

Regulamentação[editar | editar código-fonte]

No Brasil, o controle das informações contidas nas bulas de medicamentos fica a cargo da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA).

Ícone de esboço Este artigo sobre farmácia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.