Cássia-de-sião

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Como ler uma infocaixa de taxonomiaCássia-de-sião
Kassod (Senna siamea) flowers W IMG 0540.jpg
Classificação científica
Reino: Plantae
Divisão: Magnoliophyta
Classe: Magnoliopsida
Ordem: Fabales
Família: Fabaceae
Género: Senna
Espécie: Senna siamea
Nome binomial
Senna siamea
(Lam.) H.S. Irwin & Barneby

Cássia-de-sião (também conhecida como Cássia-amarela[1]), Senna siamea (Lam.) H.S. Irwin & Barneby; família Fabaceae[2] é uma árvore originária da Tailândia, sudeste asiático, que foi aclimatada na região nordeste do Brasil e vem sendo empregada na arborização, na produção de madeira e de cercas vivas. É uma árvore de porte médio e atinge 5 metros de altura em condições áridas, podendo raramente exceder a altura de 20 metros. É usada em países do sudeste asiático como controle de erosão, abrigos vivos, quebra-ventos etc.[3]

A Cássia-de-sião pode crescer em uma grande gama de condições climáticas, com preferência para o clima de monções com precipitação anual de 500 a 2800 mm e temperatura média anual entre 20 e 31 °C. Prefere solos férteis, úmidos e bem drenados com pH em torno de 5,5 e 7,5. É uma árvore que pode crescer em solos degradados, porém não inférteis por não fazer fixação de nitrogênio.[4]

Utilidades[editar | editar código-fonte]

A planta possui uma madeira densa e o cerne é durável e decorativo. As folhas são usadas como adubo verde e forragem para bovinos, caprinos e ovinos, sendo tóxica para aves e suínos. É usada como também para fazer sombra em plantações de café e chá.[4]

Fenologia[editar | editar código-fonte]

A frutificação inicia-se quando a planta tem 2 a 3 anos. A floração ocorre geralmente no verão, mas em muitas regiões as flores estão presentes durante todo o ano.[4]

Referências

  1. Ivan Coelho Dantas; Cinthia Maria Carlos de Souza. «Arborização urbana na cidade de Campina Grande - PB: Inventário e suas espécies» (PDF). Consultado em 4 de Dezembro de 2013. Arquivado do original (PDF) em 3 de dezembro de 2013 
  2. «Senna siamea (Lam.) H.S. Irwin & Barneby». ITIS (em inglês). 2013. Consultado em 4 de Dezembro de 2013 
  3. Alek Sandro Dutra; Sebastião Medeiros Filho; Elizita Maria Teófilo; Fábio Oliveira Diniz. «Germinação de sementes de Senna siamea (Lam.) H.S. Irwin E Barneby – Caesalpinoideae». Consultado em 4 de Dezembro de 2013 
  4. a b c Dorthe Jøker (2000). «Senna siamea (Lam.) Irwin et Barneby» (PDF). SEED LEAFLET (em inglês). Consultado em 5 de Dezembro de 2013 [ligação inativa]
Ícone de esboço Este artigo sobre leguminosas (família Fabaceae), integrado no Projeto Plantas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.