Cássio Félix

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Cássio Félix é um escritor e médico romano africano provavelmente nativo de Constantina (Argélia). É conhecido por ter escrito em 447 d.C. um tratado em latim intitulado De Medicina. O pouco que podemos dizer do autor vem de seu livro, que é considerado um manual simples de uso prático no que ele deseja que outros sejam capazes de tomar vantagem de sua experiência como um médico. Seu trabalho parece valer-se em grande parte, tanto direta ou indiretamente, de fontes médicas gregas, como era comum na escola africana de medicina.[1]

Cristão pela fé, pode ser a pessoa mencionada na passagem do anônimo De miraculis Sancti Stephani, um trabalho escrito entre 418 e 427, onde um certo Félix é referido como mantendo alta dignidade médica de arquiatra, ou doutor-chefe de sua comunidade.[2]

O editio princeps de seu trabalho foi primeiro publicado em 1879 em uma edição Teubner editada por Valentin Rose.[3]

O nome Cássio Félix é às vezes também aplicado[4] à Cássio Iatrosofista, um escritor médico grego primitivo (século 2 ou 3 d.C.) conhecido apenas como o autor de 84 ou 85 Quaestiones Medicae et Problemata Naturalia (em grego antigo: Ἰατρικαὶ Ἀπορίαι καὶ Προβλήματα Φυσικά).[5]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. D. R. Langslow, Medical Latin in the Roman Empire, Oxford University Press, 2000, pp. 56-60
  2. D. R. Langslow 2000, p. 59
  3. D. R. Langslow 2000, pp. 57-58
  4. William Smith, Dictionary of Greek and Roman Biography and Mythology, p. 626
  5. A. Garzya and R. Masullo, I problemi di Cassio Iatrosophista, Naples: Accademia Pontaniana, 2004

Ligações externas[editar | editar código-fonte]