Câmara de Comércio e Indústria Portuguesa - Associação Comercial de Lisboa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Wikitext.svg
Esta página ou seção precisa ser wikificada (desde fevereiro de 2015).
Por favor ajude a formatar esta página de acordo com as diretrizes estabelecidas.
Fachada da sede da Câmara de Comércio

A Câmara de Comércio e Indústria Portuguesa GCCMHMAI é uma associação constituída e fundada em 1834 na cidade de Lisboa para assegurar a representação da comunidade de negócios da região a nível nacional e internacional. É a segunda mais antiga associação empresarial de Portugal.

Em 1834, um núcleo de comerciantes de Lisboa, presidido por Francisco António de Campos, constituiu a Associação Mercantil Lisbonense que, em Fevereiro de 1855, passaria a denominar-se Associação Comercial de Lisboa.

A actual designação será fixada mais tarde, em 1903, quando a Associação adquire o estatuto de Câmara de Comércio e Indústria Portuguesa.

O espírito dos 277 empresários que, no dia 12 de Junho de 1834, estabeleceram o primeiro regulamento provisório da Associação Mercantil Lisbonense continua bem vivo nos actuais estatutos da Câmara de Comércio e Indústria Portuguesa (Câmara de Comércio). Pioneira do associativismo empresarial no país, a Associação Mercantil Lisbonense foi a primeira corporação económica em Portugal.

Nos seus primeiros estatutos, aprovados a 28 de Dezembro de 1834, ficava bem claro que o objectivo que se propunha era promover tudo quanto possa julgar-se útil ao comércio português e tendente à prosperidade nacional, abstendo-se de toda a ingerência política ou religiosa.

Ao longo dos últimos dois séculos, a vida da Câmara de Comércio e Indústria Portuguesa [1]foi a imagem e o reflexo dos acontecimentos que mais marcaram o país.

Hoje, a Câmara de Comércio é uma associação empresarial privada ao serviço das empresas portuguesas desde 1834, que promove em particular o desenvolvimento dos seus associados a nível nacional e internacional.

Conta com uma vasta rede de associados espalhados pelo país e dos mais diversos sectores de actividade.

Diariamente trabalha para apoiar as empresas associadas no seu crescimento, afirmando-nos como um parceiro privilegiado para a internacionalização da economia nacional e promotores da ligação entre as PME e as grandes empresas. Conheça a mensagem do Presidente Bruno Bobone e o rumo da Câmara de Comércio.

No âmbito da actividade da Câmara de Comércio, disponibilizamos os seguintes serviços: apoio à internacionalização e emissão de documentos de exportação (Certificados de origem e Carnet ATA); eventos e formação; lobbying e orientação jurídica; estudos e projectos especiais. Dispõe ainda de um Centro de Arbitragem Comercial que tem como objectivo promover e difundir a resolução de litígios por via arbitral ou por meios alternativos de resolução de litígios.

A Câmara de Comércio possui parcerias estratégicas com a Confederação Internacional dos Empresários Portugueses (CIEP), Invest Lisboa e Fórum Empresarial da Economia do Mar (FEEM). Tem filiação na Eurochambres e a presidência em Portugal da ICC - International Chamber of Commerce.

Condecorações[2][editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Câmara de Comércio» 
  2. «Cidadãos Nacionais Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "Associação Comercial de Lisboa". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 19 de fevereiro de 2015.