César Ades

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
César Ades
Nascimento 08 de janeiro de 1943
Cairo, Egito
Morte 14 de março de 2012 (69 anos)
São Paulo, SP
Nacionalidade egípcio
brasileiro (naturalizado)[1]
Ocupação Psicólogo

César Ades (Cairo, 08 de janeiro de 1943São Paulo, 14 de março de 2012)[1] foi um psicólogo egípcio, naturalizado brasileiro, pesquisador em etologia e em comportamento animal.[2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Graduado em psicologia, mestre e doutor em psicologia experimental e livre-docente pela Universidade de São Paulo. Foi professor titular do Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo, do qual foi diretor de 2000 a 2004. Também foi diretor do Instituto de Estudos Avançados da USP e membro do International Council of Ethologists, da International Society for Comparative Psychology, e vice-presidente da Sociedade Brasileira de Etologia, da qual foi fundador. Fundou a Revista de Etologia e participou como membro do conselho editorial das revistas Behavior and Philosophy e Acta Ethologica[3].

Coordenou o Laboratório de Etologia do Instituto de Psicologia da USP, onde desenvolveu estudos nas áreas de etologia, comportamento animal, cognição animal e bem-estar animal.

César Ades morreu em decorrência dos graves ferimentos após ser atropelado na esquina da avenida Paulista com a rua Peixoto Gomide, na capital paulista, enquanto fazia uma caminhada.[1]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) psicólogo(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.