Cúpula América do Sul - Países Árabes

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo ou secção contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações (desde outubro de 2017). Ajude a melhorar este artigo inserindo fontes.
Cúpula América do Sul - Países Árabes
Cúpula ASPA
Participantes Unasul
Liga Árabe

A Cúpula América do Sul - Países Árabes (ASPA) é uma conferência inter-regional que compreende a União de Nações Sul-Americanas (Unasul), a Liga dos Estados Árabes (LEA) e os 34 países que participam destas organizações.

Suas reuniões têm o objetivo de impulsionar o intercâmbio econômico e comercial, buscar pontos de convergência em temas políticos de grande importância mundial e promover a aproximação das sociedades civis de seus membros.

Sua criação adveio de proposta brasileira apresentada em 2003.

Conferências Realizadas[editar | editar código-fonte]

1ª Cúpula ASPA[editar | editar código-fonte]

A cúpula inaugural da ASPA foi realizada em Brasília, a 10 e 11 de maio de 2005.

Dela participaram 34 países, sendo 12 sul-americanos e 22 árabes. Durante a realização da primeira cúpula, também foram reconhecidas como membros, além dos Estados que as compõem, a Unasul e a LEA.

Sua agenda incluiu como temas principais consolidar a cooperação científica, técnica e cultural entre ambas as regiões, e de facilitar as condições para incrementar o comércio e as inversões mútuas.

2ª Cúpula ASPA[editar | editar código-fonte]

A segunda cúpula foi realizada em Doha, a 31 de março de 2009.

Seu principal resultado foi o estabelecimento da atual estrutura temática de conferências, divididas em cúpulas, conselhos e comitês especializados, e a designação de duas coordenações regionais encarregadas das funções de secretariado e de implementação dos calendários dos comitês.

3ª Cúpula ASPA[editar | editar código-fonte]

A terceira cúpula foi realizada em Lima, a 2 de outubro de 2012.

4ª Cúpula ASPA[editar | editar código-fonte]

A quarta cúpula foi realizada em Riade, de 9 a 11 de novembro de 2015.

Na ocasião, foram comemorados os dez anos de atividade do mecanismo.

Em sua agenda, constaram temas de cooperação nas áreas de energia, saúde, educação e cultura, e temas políticos de relevância internacional, como a Guerra Civil Síria e a Questão Palestina.

A reunião produziu a Declaração de Riade e o Plano de Ação de Riade, que, entre outros efeitos, expandiram o escopo da cooperação inter-regional às áreas jurídica e midiática.

Às vésperas da cúpula, nos dias 8 e 9 de novembro, foi também realizado o 4º Fórum Empresarial ASPA.

Futuras Conferências[editar | editar código-fonte]

5ª Cúpula ASPA[editar | editar código-fonte]

A quinta cúpula está prevista para ser realizada na Venezuela, em 2018.

Estrutura[editar | editar código-fonte]

A atual estrutura da ASPA, conforme estabelecida em sua segunda reunião, é a seguinte:

  • Cúpula de Chefes de Estado e de Governo, realizada trienalmente;
  • Conselho de Chanceleres;
  • Conselho de Altos Funcionários;
  • Comitê de Ciência e Tecnologia;
    • Subcomitê de Cooperação Agrícola;
    • Subcomitê de Energia;
  • Comitê de Assuntos Ambientais;
    • Subcomitê de Combate à Desertificação;
  • Comitê de Cultura e Educação;
  • Comitê de Economia;
  • Comitê de Assuntos Sociais;
  • Coordenação Regional "Árabe", realizada pelo Secretário-Geral da LEA;
  • Coordenação Regional "Sul-Americana", realizada pro tempore pelo Brasil, com previsão de repasse à Unasul.

Referências[editar | editar código-fonte]