Cúpula das Américas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Chefes de Estado na Cúpula das Américas de 2005 em Mar del Plata, Argentina.

A Cúpula das Américas (em espanhol: Cumbre de las Americas; em inglês: Summits of the Americas) é uma reunião de cúpula entre os chefes de Estado do continente americano criada pela Organização dos Estados Americanos com o objetivo de alcançar um nível maior de cooperação entre os países da zona econômica americana.

A Cúpula das Américas foi desenvolvida pela primeira vez no dia 9 de dezembro de 1994, em Miami, nos Estados Unidos. Nesta ocasião os Estados Unidos apresentaram formalmente a proposta de uma Área de Livre Comércio entre todos os países americanos, com exceção de Cuba. Segundo o governo norte-americano, os alicerces da ALCA não seriam respeitados em Cuba. Esse acordo prevê uma união, no contexto global, de praticamente todos os países da América, que procuram estreitar caminhos de uniões comerciais entre si e o desenvolvimento dos países como Argentina, Bahamas, Brasil, Bolívia, Chile, Colômbia, México, Paraguai, Venezuela, com acordos de diminuição alfandegária e entre outros.

Edições[editar | editar código-fonte]

Cúpula Data Local Anfitrião
9-11 de dezembro de 1994 Estados Unidos Miami Presidente Bill Clinton
18-19 de abril de 1998 Chile Santiago Presidente Eduardo Frei Ruiz-Tagle
20-22 de abril de 2001 Canadá Québec Primeiro-ministro Jean Chrétien
Especial 12-13 de janeiro de 2004 México Monterrey Presidente Vicente Fox
4-5 de novembro de 2005 Argentina Mar del Plata Presidente Néstor Kirchner
17-19 de abril de 2009 Trinidad e Tobago Port-of-Spain Primeiro-ministro Patrick Manning
14-15 de abril de 2012 Colômbia Cartagena das Índias Presidente Juan Manuel Santos
10-11 de abril de 2015 Panamá Cidade do Panamá Presidente Juan Carlos Varela
23-25 de março de 2018 Peru Lima Presidente Pedro Pablo Kuczynski

Ligações externas[editar | editar código-fonte]