C. J. Sansom

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
C. J. Sansom
Nascimento 1952 (66 anos)
Edimburgo
Cidadania Reino Unido
Alma mater Universidade de Birmingham
Ocupação escritor

Christopher John "C. J." Sansom ( Edimburgo, 1962) é um escritor escocês de romances históricos criminais.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Se formou na Universidade de Birmingham, onde fez licenciatura e um doutoramento em história.[1] Vive atualmente em Sussex.[2]

Trabalho[editar | editar código-fonte]

Sansom ganhou destaque com a Série Shardlake, sua série histórica no reinado de Henrique VIII, no século 16. O personagem principal é o advogado Mateus Shardlake. Sansom disse que ele planeja escrever mais da série. O livro Dissolution foi adaptado em 10 episódios para a a BBC Radio 4 em setembro de 2012, e o Revelation, em Março de 2017.

Política[editar | editar código-fonte]

Ele é um opositor da independência Escocesa.[3] Ele doou £294,000 para o Better Together que fez campanha para o "não" (não independência da Escócia em relação ao Reino Unido) no Referendo sobre a independência da Escócia em 2014.[4] Ele também disse que a campanha do "Sim", tinha "duvidoso" apoio financeiro.

Obras[editar | editar código-fonte]

Série de Matthew Shardlake[editar | editar código-fonte]

  1. Dissolution (2003)
  2. Dark Fire (2004)
  3. Sovereign (2006) Portugal: Soberano: Intriga na Corte (Edições Asa, 2008)
  4. Revelation (2008) Portugal: Revelação (Porto Editora, 2010)
  5. Heartstone (2010) Portugal: Corrupção (Porto Editora, 2015)
  6. Lamentation (2014)

Outros[editar | editar código-fonte]

  • Winter in Madrid (2006) Portugal: Inverno em Madrid (Porto Editora, 2011)
  • Dominion (2012)

Referências