Cacimbas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Cacimbas
Bandeira de Cacimbas
Brasão desconhecido
Bandeira Brasão desconhecido
Hino
Aniversário 1 de janeiro
Fundação 1994
Gentílico cacimbense
Prefeito(a) Geraldo Terto da Silva (PSB)
(2013–2016)
Localização
Localização de Cacimbas
Localização de Cacimbas na Paraíba
Cacimbas está localizado em: Brasil
Cacimbas
Localização de Cacimbas no Brasil
07° 12' 39" S 37° 03' 28" O07° 12' 39" S 37° 03' 28" O
Unidade federativa  Paraíba
Mesorregião Sertão Paraibano IBGE/2008[1]
Microrregião Serra do Teixeira IBGE/2008[1]
Região metropolitana Patos
Municípios limítrofes Areia de Baraúnas (norte); Taperoá (leste); Desterro (sul); Teixeira (oeste)[2]
Distância até a capital 242 km
Características geográficas
Área 142,926 km² [3]
População 6 814 hab. IBGE/2010[4]
Densidade 47,68 hab./km²
Altitude 645 m
Clima semiárido quente com chuvas de verão Bsh
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,494 muito baixo PNUD/2000[5]
PIB R$ 21 879,683 mil IBGE/2008[6]
PIB per capita R$ 3 136,87 IBGE/2008[6]
Página oficial

Cacimbas é uma cidade localizada no interior do estado da Paraíba, no Brasil. Localiza-se a uma latitude 07º12'40" sul e a uma longitude 37º03'27 oeste, estando a uma altitude de 645 metros. Sua população estimada em 2010] era de 6 814 habitantes. Possui uma área territorial de 143 km². É o município com o menor índice de desenvolvimento humano entre os municípios paraibanos (0,494).

O acesso a partir de João Pessoa é feito pela BR-230 até a cidade de Patos. A partir daí, prossegue-se pela PB-110 até Teixeira em trecho de 30 km, onde se continua pela PB-238, perfazendo um trajeto total de 405 km.[7]

Histórico[editar | editar código-fonte]

A água abundante dos riachos da região deu origem ao nome do local. A partir de 1960, as famílias Terto e Cunha, provenientes dos Cariris Velhos instalaram-se na região. Ali, dedicaram-se à agropecuária, plantando milho, feijão, mandioca, sisal e algodão, como também a criação de gados bovino e caprino.[8] Hoje, cerca de 90% da população urbana do município possui o sobrenome Terto ou Cunha. Na comunicação, a cidade conta com a Rádio 104 FM, emissora Pop/Popular operando na frequência de 104.9 Mhz, ela entrou no ar pontualmente às 15h:00s do dia 16 de fevereiro de 2005. O município foi criado em 29 de abril de 1994 e instalado no dia 1 de janeiro de 1997.[8]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Clima[editar | editar código-fonte]

O município está incluído na área geográfica de abrangência do semiárido brasileiro, definida pelo Ministério da Integração Nacional em 2005.[9] Esta delimitação tem, como critérios, o índice pluviométrico, o índice de aridez e o risco de seca. A média anual de chuvas, medida entre 1911 e 1985 é de 714mm, sendo que 82% do total é concentrada em 4 meses. A temperatura média é de 24o C.[7]

Relevo[editar | editar código-fonte]

O relevo apresenta-se ondulado e fortemente ondulado, sobretudo a noroeste onde está a Planalto da Borborema, onde a altitude chega a 933 metros. A sul, sudeste e sudoeste, as declividades são de médias a baixa, com altitudes mínimas de 600 metros. Esta região é considerada divisora entre as bacias do rio Espinharas da macrobacia do rio Piranhas, ao norte, com a bacia do rio Taperoá, da macrobacia do rio Paraíba, a sudeste.[7]

Hidrografia[editar | editar código-fonte]

O município está inserido na bacia hidrográfica do rio Paraíba, na sub-bacia do rio Taperoá e tem, como principais cursos d’água, os riachos Serra Feia, do Covão, Jurubeba, Pedra Fina, dos Poços, Quixaba, Caracol e Desterro, todos de escoamento intermitente.[7]

Referências

  1. a b "Divisão Territorial do Brasil". Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consult. 11 de outubro de 2008. 
  2. Mapa da Confederação Nacional de Municípios
  3. IBGE (10 out. 2002). "Área territorial oficial". Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consult. 5 dez. 2010. 
  4. "Censo Populacional 2010". Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consult. 11 de dezembro de 2010. 
  5. "Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil". Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consult. 11 de outubro de 2008. 
  6. a b "Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008". Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consult. 11 dez. 2010. 
  7. a b c d "Diagnóstico do município de Cacimbas Paraíba" (PDF). Projeto Cadastro de Fontes de Abastecimento por Águas Subterrâneas. Ministério das Minas e Energia. 2005. Consult. 24 de junho de 2011. 
  8. a b "Confederação Nacional de Municípios". Consult. 24 de junho de 2011. 
  9. Ministério da Integração Nacional, 2005. Nova delimitação do semiárido brasileiro.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios da Paraíba é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.