Caesar III

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa


Translation to english arrow.svg
A tradução deste artigo está abaixo da qualidade média aceitável. É possível que tenha sido feita por um tradutor automático ou por alguém que não conhece bem o português ou a língua original do texto. Caso queira colaborar com a Wikipédia, tente encontrar a página original e melhore este verbete conforme o guia de tradução.
Caesar III
Produtora(s) Impressions Games
Editora(s) Sierra Entertainment
Plataforma(s) PC
Data(s) de lançamento 1998
Gênero(s) Estratégia
Modos de jogo Single Player

Caesar III é um jogo de computador lançado em 1998. É o terceiro jogo de estratégia da série Caesar, que é composta por quatro jogos no total. É um jogo de construção de cidades baseado no Império Romano. A empresa responsável pelo desenvolvimento do jogo é a Impressions Games, e foi publicado pela Sierra Entertainment. O jogo pode ser encontrado traduzido para o português.[1]

História[editar | editar código-fonte]

No controle de um cidadão romano, o jogador deve fazer sua carreira política ou militar e ascender ao controle do Império Romano. São onze missões, onde pode-se escolher entre fundar ou desenvolver uma cidade romana pacífica ou envolvida em conflitos e invasões de povos bárbaros. A medida que o jogo vai avançando, o jogador vai sendo promovido até o ápice do jogo, quando é considerado sucessor de César e vitorioso, passa a ser o grande imperador de Roma.

Cidades[editar | editar código-fonte]

O jogo apresenta 40 cidades romanas e é fiel a cronologia de conquistas do Império Romano. Apenas 23 cidades podem ser "fundadas" pelo jogador, e as outras servem como aliadas ou inimigas durante o jogo. Uma curiosidade é que a cidade de Roma, a capital do Império, de fato não pode ser construída pelo jogador. As outras cidades são: Volubilis, Tamugadi, Léptis Magna e Alexandria na África; Nova Cartago, Atenas, Bizâncio, Roma, Caleva, Augusta dos Tréveros (atual Tréveris), Argentorato (atual Estrasburgo) e Narbo Márcio (atual Narbona) na Europa; e Éfeso, Pérgamo, Sinope, Antioquia, Heliópolis na Ásia.

No kit de construção de cidades o jogador pode optar apenas por construir uma cidade sem iniciar uma carreira. São doze cidades disponíveis: Cesareia Cláudia (atual Cherchell), Cartago, Cirene, Jerusalém, Corinto, Tarraco (atual Tarragona), Toleto (atual Toledo), Valência, Lindo (atual Lincoln), Londínio (atual Londres), Lugduno (atual Lyon) e Mediolano (atual Milão).

Recepção[editar | editar código-fonte]

Caesar III foi um sucesso commercial. Em seu primeiro mês de lançamento, vendeu 150.000 cópias e estava no bom caminho para o topo das vendas de Caesar II. As vendas globais do jogo ultrapassaram 400.000 cópias em janeiro de 1999; no início de fevereiro, PC Data registrou vendas de mais de 93.000 unidades nos Estados Unidos. Naquele mês de abril, Jim Veevaert, da Sierra, anunciou que a série geral "Caesar", incluindo "Caesar III", vendeu "bem mais de um milhão de unidades" globalmente.[2][3][4][5][6][7][8]

A Academy of Interactive Arts & Sciences indicou Caesar III para o seu prêmio de "Jogo de Estratégia do Ano" de 1998, embora o jogo tenha perdido para Sid Meier's Alpha Centauri.[9][10]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «Caesar III Building Rome in more than a day...». CD Magazine. Consultado em 19 de Julho de 2018. 
  2. Fudge, James. «Caesar III Sales Figures». CD Magazine. Consultado em 19 de Julho de 2018. 
  3. Miller, Chuck. «Sierra Makes Assignment Editor Available to Caesar III Fans». CD Magazine. Consultado em 19 de Julho de 2018. 
  4. Dultz, Marc. «Pharaoh and Civil War Generals 3». Gamecenter.com. Consultado em 19 de Julho de 2018. 
  5. «Gamers Hail Caesar!». IGN PC. Consultado em 19 de Julho de 2018. 
  6. Fudge, James. «Impressions & Sierra Support Caesar III Olympic Games». CD Magazine. Consultado em 19 de Julho de 2018. 
  7. Aitken, Mathew. «Real Business Case Study: David Lester». Companies Made Simple. Consultado em 19 de Julho de 2018. 
  8. «Caesar III». PC Reviews. Consultado em 19 de Julho de 2018. 
  9. «Second Interactive Achievement Awards». AIAS. Consultado em 19 de Julho de 2018. 
  10. Breen, Christopher. «1999 Macworld Game Hall Of Fame». Mac World. Consultado em 19 de Julho de 2018.