Cage the Elephant

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Cage the Elephant
A banda em 2017
Informação geral
Origem Bowling Green, Kentucky
País  Estados Unidos
Gênero(s) Rock alternativo
Punk rock
Indie rock
Punk blues
Período em atividade 2006 - presente
Gravadora(s) Relentless (EMI)
Integrantes Matt Shultz
Brad Shultz
Jared Champion
Daniel Tichenor
Nick Bockrath
Ex-integrantes Lincoln Parish
Página oficial cagetheelephant.com

Cage the Elephant é uma banda de rock norte-americana, de Bowling Green, Kentucky, iniciada em 2006.

História[editar | editar código-fonte]

Criada originalmente sob o nome Perfect Confusion,[1] o Cage the Elephant teve destaque em sua apresentação no festival South by Southwest em 2007, recebendo proposta para assinar contrato com a gravadora EMI. Após a mudança dos integrantes para a Inglaterra,[2] o grupo lançou seu primeiro álbum, homônimo, em 23 de junho de 2008. Cage the Elephant foi ganhando destaque através das músicas que ganharam posição nas paradas da Inglaterra e Estados Unidos. "Ain´t No Rest for the Wicked" chegou ao 32º lugar na UK Singles Chart,[3] e "In On Ear" e "Back Against The Wall" alcançaram o topo da Billboard Alternative Songs.[4]

Em 11 de janeiro de 2011 foi lançado Thank You, Happy Birthday, trazendo um outro lado da banda e o single "Shake Me Down", que já fazia um certo sucesso na internet e tinha posição na Billboard no fim de 2010 e que, até então, só havia sido lançada no YouTube. O novo álbum teve boas críticas e, quando lançado, atingiu o 1º lugar de álbuns mais baixados do iTunes e vendeu em torno de 39.000 cópias durante a primeira semana, colocando-o em segunda posição da Billboard 200.[5]

Ganhou fama no Brasil após show no Lollapalooza, em abril de 2012, onde voltariam a se apresentar em 2014 e 2017.[6]

A banda se reuniu no estúdio para gravar seu terceiro álbum de estúdio, Melophobia, no primeiro semestre de 2013. O título do álbum foi divulgado durante uma entrevista do vocalista Matt Shultz com o iHeartRadio durante o Lollapalooza 2013.[7] A banda lançou um teaser do primeiro single "Come A Little Closer" no seu canal do YouTube no dia 1 de agosto. Também anunciou que a música na íntegra estrearia no dia 8 do mesmo mês, e seria disponibilizada para compra no iTunes no dia 13. O álbum foi lançado em 8 de outubro de 2013. A banda entrou em turnê com o Muse no outono.

No dia 7 de outubro de 2015, a banda anunciou em seu Twitter oficial que o novo álbum de estúdio, intitulado Tell Me I'm Pretty, chegaria no dia 18 de dezembro do mesmo ano. Em uma entrevista com a rádio americana 89X, o frontman da banda, Matt Shultz, anunciou que este quarto álbum traria músicas mais sombrias e reais em suas composições. O álbum seria produzido por Dan Auerbach, da banda americana de indie rock The Black Keys.[8]

Em 30 de outubro de 2015, o single "Mess Around" foi lançado, atingindo primeiro lugar na Billboard.[9] Em 26 de abril de 2016, o single "Trouble" foi lançado.

Em 26 de novembro de 2018, a banda anunciou em seu Twitter que seu novo álbum estava "Pronto. Mixado. Masterizado."[10] Em 31 de janeiro, a banda lançou oficialmente "Ready To Let Go", o primeiro single de seu novo álbum Social Cues, o qual foi lançado em 19 de abril pela RCA Records.[11] Um videoclipe de "Ready to Let Go" dirigido por Matt Shultz também foi lançado em 31 de janeiro.[12]

Integrantes[editar | editar código-fonte]

Formação atual[editar | editar código-fonte]

Ex-membros[editar | editar código-fonte]

Membros de turnê[editar | editar código-fonte]

  • Dave Grohl - bateria (2011)
  • Joe Tichenor - guitarra (2013 - 2014)
  • Kyle Davis - bateria (2014)

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Álbuns ao vivo[editar | editar código-fonte]

  • Live from the Vic in Chicago (2012)
  • Unpeeled (2017)

Singles[editar | editar código-fonte]

  • "Free Love" (2007)
  • "In One Ear" (2008)
  • "Ain't No Rest For the Wicked" (2008)
  • "In One Ear" (Relançamento) (2008)
  • "Back Against The Wall" (2009)
  • "Shake Me Down" (2010)
  • "Around My Head" (2011)
  • "Aberdeen" (2011)
  • "Come a Little Closer" (2013)
  • "Take It or Leave It" (2014)
  • "Cigarette Daydreams" (2014)
  • "Mess Around" (2015)
  • "Cry Baby" (2016)
  • "Trouble" (2016)
  • "Cold Cold Cold" (2017)
  • "Whole Wide World" (2017)
  • "Ready To Let Go" (2019)
  • "Social Cues" (2019)
  • "House Of Glass" (2019)
  • "Night Running" (2019)
  • "Goodbye" (2019)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Marchese, David (6 de julho de 2010). «Why They're Called… Cage the Elephant» (em inglês). Spin Magazine. Consultado em 18 de outubro de 2019 
  2. «Cage the Elephant Clears Up Hippie Commune Rumors». Consultado em 15 de maio de 2009 
  3. «Top 100 Singles Chart». 22 de Junho 2008. Consultado em 23 de junho de 2008 
  4. «Cage the Elephant Chart History». Billboard. Consultado em 18 de outubro de 2019 
  5. Caulfield, Keith (19 de janeiro de 2011). «Cake Scores Lowest-Selling No. 1 Album in SoundScan History». Billboard. Consultado em 22 de outubro de 2019 
  6. Ortega, Rodrigo (8 de março de 2017). «Cage the Elephant será recordista em 3ª vez no Lolla SP: 'Temos o espírito do festival'». G1. Consultado em 18 de outubro de 2019 
  7. «Matt Shultz (Cage The Elephant) Interview @ Lollapalooza». YouTube. 3 de agosto de 2013. Consultado em 22 de outubro de 2019 
  8. Dolan, Jon (22 de dezembro de 2015). «Tell Me I'm Pretty - Review» (em inglês). Rolling Stone. Consultado em 22 de outubro de 2019 
  9. «Cage the Elephant Chart History». Billboard. Consultado em 22 de outubro de 2019 
  10. «Cage The Elephant no Twitter» (em inglês). Twitter. Consultado em 3 de dezembro de 2018 
  11. Childers, Chad. «Cage the Elephant Announce 'Social Cues' Album». Loudwire.com. Consultado em 19 de abril de 2019 
  12. «CAGE THE ELEPHANT ANNOUNCE NEW ALBUM, SOCIAL CUES. Out 4/19 Via RCA Records». Music News Net. Consultado em 19 de abril de 2019