Campeonato Capixaba de Futebol de 2001

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Campeonato Capixaba de 2001
Capixabão 2001
Espírito Santo
Dados
Participantes 10
Período 4 de março2 de junho
Campeão Alegrense
Vice-campeão Estrela do Norte
Melhor marcador Amarildo (Alegrense) - 12 gols
◄◄ Espírito Santo (estado) Capixabão 2000 Soccerball.svg Capixabão 2002 Espírito Santo (estado) ►►

O Campeonato Capixaba de 2001 reuniu dez equipes: Serra, Desportiva, São Mateus, Estrela do Norte, Cachoeiro, Santa Maria, Alegrense, Rio Branco, Linhares e Riachuelo.

A 85ª edição do Capixabão (como é conhecido) foi uma das edições mais interessantes e com uma surpresa vinda do interior do sul do Estado: O Alegrense FC.

Fórmula de Disputa[editar | editar código-fonte]

As 10 equipes se enfrentavam em turno e returno, totalizando 18 rodadas na primeira fase. O campeão do primeiro e segundo turno classificavam direto para o quadrangular final, junto com as duas equipes de melhor campanha no final das 18 rodadas. Se caso o campeão do primeiro turno vencesse também o segundo turno, seria campeão direto sem haver o quadrangular final. No caso de dois campeões diferentes (turno e returno), haveria disputa do quadrangular final em turno e returno. A equipe que somasse mais pontos no quadrangular final era declarada campeã capixaba de 2001.

As duas piores equipes eram rebaixadas para a segunda divisão do Campeonato Capixaba de 2002.

O Campeonato[editar | editar código-fonte]

O campeonato teve seu início no dia 04 de março de 2001 e encerrou no dia 02 de junho de 2001.

Logo na primeira rodada, uma zebra vinda do interior começou a passear pelo Capixabão, quando o Rio Branco, tradicional time da capital, foi até a cidade de Alegre enfrentar o estreante Alegrense FC, que vinha de um vice campeonato na Série B do Capixaba no ano anterior.

O favorito Rio Branco sentiu a força do tricolor de Alegre, ao sofrer uma goleada de 4x1.

O Alegrense embalou três vitórias seguidas e disparou na liderança, não sendo alcançado pro nenhuma outra equipe durante todo o 1º turno e se tornando campeão.

No segundo turno da competição, destaque para o Serra que disputou ponto a ponto com o Alegrense pela liderança, e conseguiu evitar que o Alegrense acabasse com o campeonato, ao vencer o segundo turno.

Os times do Riachuelo e Santa Maria, com as duas piores pontuações em turno e returno, foram rebaixados.

No quadrangular final, a equipe do Cachoeiro e Estrela do Norte se juntaram a Serra e Alegrense para disputar o título da competição.

Muito embalado pelo sucesso do primeiro turno e do apoio da torcida do sul do Estado, o Alegrense dominou o quadrangular por completo, e não deixou sombra de dúvidas que era a melhor equipe da competição.

A equipe, comandada pelo técnico Rubens Filho, venceu as três primeiras rodadas do quadrangular, e foi para a quarta rodada contra o segundo colocado, Serra, precisando apenas de um empate em casa para se sagrar campeão pela primeira vez.

No dia 23 de maio, a pequena cidade de Alegre parou para ver a partida no estádio Benedito Leão. E o Alegrense venceu por 3x1 para delírio dos moradores de Alegre e região. O tricolor de Alegre levou o título com duas rodadas de antecedência e acabou com um jejum de 10 anos sem títulos das equipes do interior sul capixaba, quando o Muniz Freire venceu o campeonato em 1991.

Artilheiro da Competição[editar | editar código-fonte]

Amarildo (Alegrense F/C) com 12 gols

(Fonte: Jornal A gazeta/ A tribuna/ José Carlos Junior)

Premiação[editar | editar código-fonte]

Campeonato Capixaba de 2001
Castelo
Alegrense
Campeão
(1º título)