Campeonato Carioca de Futebol

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Campeonato Carioca
Campeonato Estadual do Rio de Janeiro
Rio de Janeiro
Dados gerais
Organização FERJ
Edições 116 desde 1906 (114 anos)
Outros nomes Estadual do Rio, Cariocão
Local de disputa  Rio de Janeiro,  Brasil
Sistema Misto com grupos fechados (atual)
Divisões
Série A, Série B1, Série B2, Série C
Soccerball current event.svg Edição atual
editar
Reunião do conselho arbitral dos clubes da Primeira Divisão do Campeonato Carioca, em 2010.

Campeonato Carioca de Futebol (cujo título oficial é Campeonato Estadual do Rio de Janeiro) é a principal competição entre os times de futebol do estado do Rio de Janeiro, no Brasil, a nível estadual.

O campeonato do atual Estado do Rio de Janeiro é disputado desde 1979, após a fusão entre a Federação Carioca de Futebol e a Federação Fluminense de Futebol, formando a FERJ, em setembro de 1978, três anos depois da fusão entre o Estado da Guanabara e o antigo Estado do Rio de Janeiro, cuja capital era Niterói. Até então, existiam os campeonatos Carioca e Fluminense, além do Fluminense de Seleções.

Por motivo de tradição e por ser a cultura de maior expressão no moderno Estado do Rio de Janeiro, manteve-se o termo carioca no título do torneio que passava a abranger todo o Estado. Oficialmente, carioca é referente apenas à capital. Popular e culturalmente, no entanto, carioca é o gentílico mais utilizado pela maioria da população e o gentílico pelo qual seus habitantes são usualmente conhecidos fora do Estado do Rio de Janeiro, sendo carioca o gentílico de facto do Rio de Janeiro. Atualmente, alguns grupos sociais buscam o reconhecimento junto à ALERJ de carioca como gentílico estadual co-oficial, junto com o antigo gentílico fluminense.[1]

A primeira temporada do campeonato, relativa ao então Distrito Federal, foi disputada em 1906 e é, portanto, a terceira competição estadual mais antiga do país, atrás do Campeonato Paulista e do Campeonato Baiano. A primeira partida pelo Campeonato Carioca foi disputada no dia 3 de maio de 1906 no Campo da rua Guanabara, no bairro de Laranjeiras, e o resultado foi Fluminense 7 a 1 Paissandu, com o primeiro gol da história sendo marcado pelo atacante tricolor Horácio da Costa.

Até os anos 60, os campeonatos eram disputados por sistema de pontos corridos, havendo várias vezes um campeão por antecipação. Vez por outra, coincidia de na última rodada dois clubes se enfrentarem estando em disputa do título. Apenas duas vezes o campeonato foi decidido fora da cidade do Rio de Janeiro, a primeira, logo na edição inicial, em 1906, decidido na cidade de Niterói, no Campo do Rio Cricket e Associação Atlética.[2] Já a decisão do torneio de 2013 ocorreu na cidade de Volta Redonda, no Estádio Raulino de Oliveira.[3][4]

Sobre as edições

Edição atual

Edições

Títulos por clube

Clube com mais títulos
Clube Títulos Vices Terceiro lugar Quarto lugar
Flamengo 36 (1914, 1915, 1920, 1921, 1925, 1927, 1939, 1942, 1943, 1944, 1953, 1954, 1955, 1963, 1965, 1972, 1974, 1978, 1979, 1979, 1981, 1986, 1991, 1996, 1999, 2000, 2001, 2004, 2007, 2008, 2009, 2011, 2014, 2017, 2019 e 2020) 33 (1912, 1913, 1919, 1922, 1923, 1924, 1932, 1936, 1937, 1938, 1940, 1941, 1952, 1958, 1961, 1962, 1966, 1968, 1969, 1973, 1977, 1982, 1983, 1984, 1987, 1988, 1989, 1992, 1994, 1995, 1998, 2010 e 2013) 17 (1917, 1935, 1946, 1947, 1948, 1949, 1956, 1957, 1964, 1980, 1985, 1993, 1997, 2003, 2012, 2015 e 2018) 9 (1916, 1918, 1928, 1951, 1960, 1971, 1975, 1990 e 2016)
Fluminense 31 (1906, 1907, 1908, 1909, 1911, 1917, 1918, 1919, 1924, 1936, 1937, 1938, 1940, 1941, 1946, 1951, 1959, 1964, 1969, 1971, 1973, 1975, 1976, 1980, 1983, 1984, 1985, 1995, 2002, 2005 e 2012) 24 (1910, 1915, 1920, 1925, 1927, 1933, 1935, 1943, 1949, 1952, 1953, 1956, 1957, 1960, 1963, 1970, 1972, 1979, 1991, 1993, 2003, 2011, 2017 e 2020) 22 (1922, 1926, 1942, 1948, 1962, 1965, 1966, 1967, 1977, 1978, 1986, 1990, 1992, 1994, 1998, 1999, 2004, 2008, 2010, 2013, 2014 e 2016) 21 (1914, 1923, 1929, 1939, 1944, 1947, 1958, 1961, 1968, 1979, 1987, 1988, 1989, 1996, 1997, 2000, 2001, 2009, 2015, 2018 e 2019)
Vasco da Gama 24 (1923, 1924, 1929, 1934, 1936, 1945, 1947, 1949, 1950, 1952, 1956, 1958, 1970, 1977, 1982, 1987, 1988, 1992, 1993, 1994, 1998, 2003, 2015 e 2016) 26 (1926, 1928, 1930, 1931, 1935, 1944, 1948, 1961, 1968, 1974, 1976, 1978, 1979, 1980, 1981, 1986, 1990, 1996, 1997, 1999, 2000, 2001, 2004, 2014, 2018 e 2019) 13 (1925, 1933, 1937, 1938, 1940, 1972, 1973, 1975, 1979, 1984, 1989, 2009 e 2017) 18 (1927, 1941, 1943, 1953, 1954, 1955, 1957, 1959, 1962, 1969, 1985, 1991, 1995, 2007, 2008, 2010, 2012 e 2013)
Botafogo 21 (1907, 1910, 1912, 1930, 1932, 1933, 1934, 1935, 1948, 1957, 1961, 1962, 1967, 1968, 1989, 1990, 1997, 2006, 2010, 2013 e 2018) 21 (1908, 1909, 1913, 1914, 1916, 1918, 1939, 1942, 1944, 1945, 1946, 1947, 1959, 1971, 1975, 2007, 2008, 2009, 2012, 2015 e 2016) 21 (1919, 1928, 1938, 1941, 1951, 1953, 1956, 1958, 1960, 1965, 1966, 1969, 1970, 1979, 1981, 1991, 1995, 1996, 2000, 2005 e 2011) 25 (1906, 1915, 1920, 1922, 1924, 1925, 1931, 1936, 1937, 1940, 1949, 1950, 1963, 1964, 1972, 1973, 1974, 1976, 1977, 1978, 1979, 1982, 1986, 1994 e 2017)
America 7 (1913, 1916, 1922, 1928, 1931, 1935 e 1960) 8 (1911, 1914, 1917, 1921, 1929, 1950, 1954 e 1955) 16 (1908, 1909, 1910, 1912, 1915, 1920, 1927, 1930, 1934, 1936, 1945, 1947, 1974, 1976, 1982 e 2006) 5 (1946, 1967, 1968, 1970 e 1983)
Bangu 2 (1933 e 1966) 6 (1951, 1959, 1964, 1965, 1967 e 1985) 12 (1916, 1921, 1931, 1934, 1950, 1954, 1955, 1963, 1983, 1987, 2002 e 2019) 11 (1926, 1930, 1932, 1952, 1961, 1968, 1980, 1981, 1984, 1993 e 1998)
São Cristóvão 1 (1926) 1 (1934) 8 (1918, 1923, 1924, 1929, 1935, 1936, 1939 e 1943) 4 (1917, 1919, 1932 e 1942)
Paissandu 1 (1912) 1 (1906) 1 (1907) 2 (1911 e 1913)
Madureira 0 2 (1936 e 2006) 1 (2007) 0
Andarahy 0 1 (1934) 3 (1921, 1932 e 1933) 2 (1924 e 1935)
Americano 0 1 (2002) 2 (1988 e 2001) 3 (2003, 2004 e 2005)
Olaria 0 1 (1933) 2 (1934 e 1971) 0
Volta Redonda 0 1 (2005) 1 (2020) 0
Bonsucesso 0 1 (1924) 1 (1933) 2 (1935 e 1936)
SC Americano 0 1 (1912) 0 0
Rio Cricket 0 0 2 (1906 e 1911) 2 (1908 e 1912)
Engenho de Dentro 0 0 1 (1924) 1 (1933)
AA Internacional 0 0 1 (1907) 0
Paulistano-RJ 0 0 1 (1912) 0
Mavílis 0 0 1 (1934) 0
Riachuelo 0 0 0 2 (1909 e 1910)
Friburguense 0 0 0 2 (1999 e 2002)
Cabofriense 0 0 0 2 (2006 e 2014)
Boavista-RJ 0 0 0 2 (2011 e 2020)
América de Três Rios 0 0 0 1 (1992)
Germânia 0 0 0 1 (1912)

Títulos por cidade

Cidade Títulos Vices Terceiro lugar Quarto lugar
Rio de Janeiro 120 118 114 107
Campos dos Goytacazes Campos dos Goytacazes 0 1 2 3
Volta Redonda 0 1 1 0
Niterói 0 0 2 2
Cabo Frio 0 0 0 2
Nova Friburgo 0 0 0 2
Saquarema 0 0 0 2
Três Rios 0 0 0 1

Títulos por mesorregião

Mesorregião Títulos Vices Terceiro lugar Quarto lugar
Metropolitana 121 119 116 109
Norte Fluminense 0 1 2 3
Sul Fluminense 0 1 1 0
Baixadas Litorâneas 0 0 0 4
Centro Fluminense 0 0 0 3

Total de temporadas entre os quatro primeiros colocados

Clubes Cidade Total G4
Fluminense Rio de Janeiro 98 31 24 22 21
Flamengo Rio de Janeiro 95 36 33 17 9
Botafogo Rio de Janeiro 88 21 21 21 25
Vasco da Gama Rio de Janeiro 81 24 26 13 18
America Rio de Janeiro 36 7 8 16 5
Bangu Rio de Janeiro 31 2 6 12 11
São Cristóvão Rio de Janeiro 14 1 1 8 4
Andarahy Rio de Janeiro 6 0 1 3 2
Americano Campos dos Goytacazes Campos dos Goytacazes 6 0 1 2 3
Paissandu Rio de Janeiro 5 1 1 1 2
Bonsucesso Rio de Janeiro 4 0 1 1 2
Rio Cricket Niterói 4 0 0 2 2
Madureira Rio de Janeiro 3 0 2 1 0
Olaria Rio de Janeiro 3 0 1 2 0
Volta Redonda Volta Redonda 2 0 1 1 0
Engenho de Dentro Rio de Janeiro 2 0 0 1 1
Riachuelo Rio de Janeiro 2 0 0 0 2
Friburguense Nova Friburgo 2 0 0 0 2
Cabofriense Cabo Frio 2 0 0 0 2
Boavista-RJ Saquarema 2 0 0 0 2
SC Americano Rio de Janeiro 1 0 1 0 0
Paulistano-RJ Rio de Janeiro 1 0 0 1 0
AA Internacional Rio de Janeiro 1 0 0 1 0
Mavílis Rio de Janeiro 1 0 0 1 0
América de Três Rios Três Rios 1 0 0 0 1
Germânia Rio de Janeiro 1 0 0 0 1

Campeões consecutivos

Tetracampeonatos

  • Botafogo: 1 vez (1932-33-34-35)
  • Fluminense: 1 vez (1906-07-08-09)

Tricampeonatos

  • Flamengo: 5 vezes (1942-43-44, 1953-54-55, 1978-79-79 especial, 1999-2000-01 e 2007-08-09)
  • Fluminense: 3 vezes (1917-18-19, 1936-37-38 e 1983-84-85)
  • Vasco da Gama: 1 vez (1992-93-94)

Bicampeonatos

  • Vasco da Gama: 4 vezes (1923-24, 1949-50, 1987-88 e 2015-16)
  • Botafogo: 3 vezes (1961-62, 1967-68 e 1989-90)
  • Flamengo: 3 vezes (1914-15, 1920-21 e 2019-20)
  • Fluminense: 2 vezes (1940-41 e 1975-76)

Campeões do Campeonato Carioca, Taça Guanabara e Taça Rio

  • Botafogo: 3 vezes (1997, 2010 e 2013)
  • Flamengo: 3 vezes (1978, 1996 e 2011)
  • Vasco da Gama: 3 vezes (1992, 1998 e 2003)

Campeões invictos

  • Flamengo: 6 vezes (1915, 1920, 1979 (especial), 1996, 2011 e 2017)
  • Vasco da Gama: 6 vezes (1924, 1945, 1947, 1949, 1992 e 2016)
  • Fluminense: 3 vezes (1908, 1909 e 1911)
  • Botafogo: 1 vez (1989)

Números de títulos por épocas

Títulos por clube pré-profissionalismo (1906-1932)

Títulos por clube antes do profissionalismo do Futebol Carioca em 1933:[5]

Clube Títulos
Fluminense 9
Botafogo 7
Flamengo 6
America 5
Vasco da Gama 4
São Cristóvão 1
Paissandu 1

Títulos por clube pós-profissionalismo (1933-2019)

Títulos por clube após o profissionalismo do Futebol Carioca em 1933:[6]

Clube Títulos
Flamengo 29
Fluminense 22
Vasco da Gama 20
Botafogo 14
America 2
Bangu 2

Títulos por clube pré-fusão (1906-1979)

Títulos por clube antes da fusão entre a Federação Carioca de Futebol e a Federação Fluminense de Futebol no final de 1978, que ocorreu devido à fusão entre o Estado da Guanabara e o antigo Estado do Rio de Janeiro em 1975:

Clube Títulos
Fluminense 23
Flamengo 19
Vasco da Gama 14
Botafogo 14
America 7
Bangu 2
São Cristóvão 1
Paissandu 1

Títulos por clube pós-profissionalismo e pré-fusão (1933-1979)

Títulos por clube depois do profissionalismo e antes da fusão entre a Federação Carioca de Futebol e a Federação Fluminense de Futebol:

Clube Títulos
Fluminense 14
Flamengo 13
Vasco da Gama 10
Botafogo 7
America 2
Bangu 2

Títulos por clube pós-fusão (1979-2019)

Títulos por clube após a fusão entre a Federação Carioca de Futebol e a Federação Fluminense de Futebol:

Clube Títulos
Flamengo 16
Vasco da Gama 10
Fluminense 8
Botafogo 7

Títulos por clube durante o Distrito Federal (1906-1959)

Títulos por clube enquanto a cidade do Rio de Janeiro estava no então Distrito Federal:

Clube Títulos
Fluminense 17
Flamengo 13
Vasco da Gama 12
Botafogo 10
America 6
Bangu 1
São Cristóvão 1
Paissandu 1

Títulos por clube pós-profissionalismo durante o Distrito Federal (1933-1959)

Títulos por clube durante o Distrito Federal e pós-profissionalismo:

Clube Títulos
Fluminense 8
Vasco da Gama 8
Flamengo 7
Botafogo 3
Bangu 2
America 1

Títulos por clube enquanto Campeonato da Guanabara (1960-1979)

Títulos por clube enquanto Campeonato Estadual da Guanabara:

Clube Títulos
Flamengo 8
Fluminense 7
Botafogo 4
Vasco da Gama 3
America 1
Bangu 1

Títulos por clube no século XX (1906-2000)

Títulos por clube no século XX:

Clube Títulos
Fluminense 28
Flamengo 26
Vasco da Gama 21
Botafogo 17
America 7
Bangu 2
São Cristóvão 1
Paissandu 1

Títulos por clube no século XX pós-profissionalismo (1933-2000)

Títulos por clube no século XX após a profissionalização em 1933:

Clube Títulos
Flamengo 20
Fluminense 19
Vasco da Gama 17
Botafogo 10
America 2
Bangu 2

Títulos por clube no século XX pós-fusão (1979-2000)

Títulos por clube no século XX após a fusão entre a Federação Carioca de Futebol e a Federação Fluminense de Futebol:

Clube Títulos
Flamengo 7
Vasco da Gama 7
Fluminense 5
Botafogo 3

Títulos por clube no século XXI (2001-2020)

Títulos por clube no século XXI:

Clube Títulos
Flamengo 10
Botafogo 4
Fluminense 3
Vasco da Gama 3

Participações

Os seis clubes que mais participaram da competição:

Clubes Cidade Participações Anos
Fluminense Município do Rio de Janeiro Rio de Janeiro 113 1906–2018
Botafogo Município do Rio de Janeiro Rio de Janeiro 112 (*) 1906-2018
Flamengo Município do Rio de Janeiro Rio de Janeiro 107 1912–2018
America Município do Rio de Janeiro Rio de Janeiro 105 1908–2008, 2010–2011, 2016 e 2018
Bangu Município do Rio de Janeiro Rio de Janeiro 104 1906, 1909, 1912–1913, 1915–2004 e 2009–2018
Vasco da Gama Município do Rio de Janeiro Rio de Janeiro 96 1923-2018

(*) O Botafogo abandonou o Campeonato Carioca de 1911 e seus jogos foram anulados.[7]

Artilheiros

Artilheiros por edições

Artilheiros por time

Ranking de clubes com mais artilheiros na história da competição.[8]

Ranking Time Número de artilheiros
Botafogo 31 vezes
Flamengo
Fluminense 24 vezes
Vasco da Gama 18 vezes
Bangu 11 vezes
America 4 vezes
São Cristóvão
Volta Redonda
Andarahy 3 vezes
10º Boavista 2 vezes
11º Bonsucesso 1 vez
Canto do Rio
Madureira
Paissandu

Maiores artilheiros

Os 25 maiores artilheiros da história do Campeonato Carioca, todos brasileiros, exceto o inglês Henry Welfare:[9]

  1. 284 gols: Roberto Dinamite (Vasco da Gama)
  2. 239 gols: Zico (Flamengo)
  3. 233 gols: Romário (Vasco, Flamengo e Fluminense)
  4. 197 gols: Ademir de Menezes (Vasco e Fluminense)
  5. 196 gols: Nilo (Botafogo, Brasil e Fluminense)
  6. 172 gols: Ladislau da Guia (Bangu e Canto do Rio)
  7. 166 gols: Carvalho Leite (Botafogo)
  8. 164 gols: Russinho (Andarahy, Vasco e Botafogo)
  9. 156 gols: Luizinho Lemos (America, Flamengo, Botafogo e Americano)
  10. 153 gols: Zizinho (Flamengo e Bangu)
  11. 151 gols: Pirillo (Flamengo e Botafogo)
  12. 149 gols: Quarentinha (Botafogo e Bonsucesso)
  13. 133 gols: Heleno de Freitas (Botafogo e Vasco)
  14. 125 gols: Leônidas da Silva (Syrio e Libanez, Bonsucesso, Flamengo e Botafogo)
  15. 123 gols: Welfare (Fluminense)
  16. 118 gols: Didi (Madureira, Fluminense e Botafogo)
  17. 114 gols: Pinga (Vasco)
  18. 112 gols: Cláudio Adão (Flamengo, Fluminense, Vasco, Bangu, Campo Grande e Volta Redonda)
  19. 105 gols: Perácio (Botafogo, Flamengo e Canto do Rio)
  20. 105 gols: Plácido (Bangu e America)
  21. 102 gols: Orlando Pingo de Ouro (Fluminense e Botafogo)
  22. 102 gols: Waldo (Fluminense)
  23. 100 gols: Preguinho (Fluminense)
  24. 98 gols: Bebeto (Flamengo, Vasco e Botafogo)
  25. 96 gols: Hércules (Fluminense)

Estatísticas

Ranking de pontos conquistados

Pioneirismos

  • Primeira partida da história do Campeonato Carioca - dia 3 de Maio de 1906, quando o Fluminense derrotou o Payssandu por 7 a 1 em Laranjeiras, perante cerca de 1.000 torcedores.
  • Primeiro jogo fora do estado do Rio - Flamengo 2 a 1 Fluminense, dia 21 de fevereiro de 2016 - Estádio Mané Garrincha-BR[10]

Outros torneios no Rio de Janeiro

Torneios estaduais da LMDT

A Liga Metropolitana de Desportos Terrestres (LMDT) continuou organizando campeonatos estaduais até 1932. Embora esses campeonatos sejam formalmente campeonatos estaduais, a atual Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro não os lista na cronologia oficial do Campeonato Carioca. Eis os campeões:

Ano Campeão
1925 Engenho de Dentro
1926 Modesto
1927 Modesto
1928 SC América
1929 SC América
1930 Santa Cruz
1931 Oriente
1932 Boa Vista

Em 1933 com a fundação da profissional Liga Carioca de Football, a LMDT desistiu de tentar rivalizar com mais uma liga e se tornou sub-liga da LCF, responsável pelos campeonatos de amadores da mesma - função semelhante ao do D.A. de 1949. Os campeões desses anos, que não mais podem ser considerados campeões estaduais, foram:

Ano Campeão
1933 Viação Excelsior
1934 São José

Troféu Moisés Mathias de Andrade

Disputado entre os 3º e 4º colocados dos dois grupos da Taça Guanabara. Foi nomeado em homenagem a Moisés Matias de Andrade, ex-futebolista e ex-treinador fluminense.

Ano Campeão Vice-campeão Outras equipes participantes
2009 Americano Mesquita Cabofriense Macaé
2010 Olaria Boavista America Madureira

Troféu João Ellis Filho

Disputado entre os 3º e 4º colocados dos dois grupos da Taça Rio. Foi nomeado em homenagem a João Ellis Filho, ex-presidente do Campo Grande e pai do atual presidente do clube, João Ellis Neto.

Ano Campeão Vice-campeão Outras equipes participantes
2009 Friburguense Tigres do Brasil Boavista Madureira
2010 America Macaé Boavista Bangu

Troféu Washington Rodrigues

Disputado entre os 3º e 4º colocados dos dois grupos da Taça Guanabara de 2012. Foi nomeado em homenagem a Washington Rodrigues, radialista e jornalista esportivo.

Ano Campeão Vice-campeão Outras equipes participantes
2011 Olaria Resende Bangu Nova Iguaçu

Troféu Carlos Alberto Torres

Disputado entre os 3º e 4º colocados dos dois grupos da Taça Rio. Foi nomeado em homenagem a Carlos Alberto Torres, ex-futebolista e capitão da Seleção Brasileira na Copa de 70.

Ano Campeão Vice-campeão Outras equipes participantes
2011 Madureira Boavista Botafogo Americano

Troféu Edilson Silva

Disputado entre os 3º e 4º colocados dos dois grupos da Taça Guanabara.

Ano Campeão Vice-campeão Outras equipes participantes
2012 Nova Iguaçu Friburguense Boavista Resende

Troféu Luiz Penido

Disputado entre os 3º e 4º colocados dos dois grupos da Taça Rio de 2012. Foi nomeado em homenagem a Luiz Penido, radialista e locutor esportivo.

Ano Campeão Vice-campeão Outras equipes participantes
2012 Fluminense Volta Redonda Macaé Resende

Torneio Super Clássicos

Disputado entre os quatro grandes clubes do campeonato e contabilizadas apenas as partidas entre eles durante os dois turnos, excluindo-se, caso ocorressem, as partidas semifinais e finais dos turnos e do campeonato.

Ano Campeão Vice-campeão 3º Colocado 4º Colocado
2013 Flamengo Botafogo Fluminense Vasco da Gama
2014 Flamengo Fluminense Vasco da Gama Botafogo
2015 Flamengo Vasco da Gama Botafogo Fluminense

Torneio Extra

Disputado entre as demais equipes e contabilizadas as partidas que não envolvam a participação dos quatro grandes clubes do campeonato durante os dois turnos, excluindo-se, caso ocorressem, as partidas semifinais e finais dos turnos e do campeonato.

Ano Campeão Vice-campeão Outras equipes participantes
2013 Boavista-RJ Resende Demais 10 equipes

Torneio Aberto

Ano Campeão
1935 Fluminense
1936 Flamengo

Torneio Municipal

Ano Campeão
1938 Fluminense
1943 São Cristóvão
1944 Vasco da Gama
1945 Vasco da Gama
1946 Vasco da Gama
1947 Vasco da Gama
1948 Fluminense
1951 Botafogo
1996 Botafogo

Torneio Extra

Ano Campeão
1938 America
1941 Fluminense
1952 America
1958 Botafogo
1990 Vasco da Gama

Torneio Relâmpago

Ano Campeão
1943 Flamengo
1944 Vasco da Gama
1945 America
1946 Vasco da Gama

Taça Guanabara (anos em que foram torneios independentes do Campeonato Carioca)

Ano Campeão
1965 Vasco da Gama
1966 Fluminense
1967 Botafogo
1968 Botafogo
1969 Fluminense
1970 Flamengo
1971 Fluminense
1980 Flamengo

Campeonatos Cariocas de Segundos Quadros (Reservas)

O Campeonato Carioca de Segundos Quadros foi disputado, de 1906 a 1934. Os jogos eram disputados pelos segundos quadros (como eram chamadas as formações reservas dos clubes) nas preliminares dos times principais.

Ano Campeão Comentários
1906 Botafogo
1907 Botafogo
1908 Fluminense
1909 Botafogo
1910 Botafogo
1911 Fluminense
1912 Flamengo pela LMSA, Liga Metropolitana de Sports Athleticos
Germânia pela AFRJ, Associação de Football do Rio de Janeiro
1913 Flamengo
1914 Flamengo
1915 Botafogo
1916 Flamengo
1917 Flamengo
1918 Flamengo
1919 America
1920 Andarahy
1921 Fluminense
1922 Botafogo
1923 America
1924 Vasco da Gama pela LMDT, Liga Metropolitana de Desportos Terrestres*
Fluminense pela AMEA, Associação Metropolitana de Esportes Athleticos
1925 Flamengo
1926 America
1927 Flamengo
1928 Vasco da Gama
1929 America
1930 America
1931 Flamengo
1932 America
1933 Olaria pela AMEA, Associação Metropolitana de Esportes Athleticos
1934 Mavílis pela AMEA, Associação Metropolitana de Esportes Athleticos

(*) Os campeões de segundos quadros da LMDT, disputados entre 1925-1932:

Ano Campeão
1925 Americano Football Club
1926 Fidalgo
1927 Campo Grande Athletico Club**
1928 Magno
1929 Sport Club Boa Vista
1930 Santa Cruz
1931 Oriente
1932 Magno

Ainda houve campeonatos dos 2º quadros da LMDT em 1933 e 1934, mas por ter se tornado sub-liga da LCF, esses campeonatos não mais tinham status de estadual:

Ano Campeão
1933 Viação Excelsior
1934 Boa Vista


Com o estabelecimento do futebol profissional pela Liga Carioca de Futebol em 1933, os Segundos Quadros foram substituídos pelo Campeonato de Quadros Amadores, destinados aos atletas que não quiseram a profissionalização. A Federação Metropolitana de Desportos, a liga profissional da CBD surgida em 1935, seguiu a fórmula, mantida após a fusão e que permaneceu até 1944, ano em que o futebol amador cessou completamente de existir nos clubes da divisão principal. Os campeões:

Campeões Cariocas de Amadores (Resistência ao Profissionalismo)
Ano Campeão Comentários
1933 Fluminense pela LCF, Liga Carioca de Futebol
1934 Vasco da Gama pela LCF, Liga Carioca de Futebol
1935 São Cristóvão pela FMD, Federação Metropolitana de Desportos
Flamengo pela LCF, Liga Carioca de Futebol
1936 Vasco da Gama pela FMD, Federação Metropolitana de Desportos
America pela LCF, Liga Carioca de Futebol
1937 Vasco da Gama
1938 Fluminense
1939 Madureira
1940 America
1941 Vasco da Gama
1942 Botafogo
1943 Botafogo
1944 Botafogo

Posteriormente foi disputado o Campeonato Carioca de Reservas (Aspirantes), com espírito similar ao de Segundos Quadros (porém com profissionais) e portanto quase uma continuidade deste. A categoria de Reservas (Aspirantes) podia incluir até três jogadores acima de 23 anos, limite da categoria. Agora, já estão listados os campeões.[11]

Campeões Cariocas de Aspirantes (Reservas)
Ano Campeão Comentários
1941 Fluminense
1942 Vasco da Gama
1943 Vasco da Gama
1944 Botafogo
1945 Botafogo
1946 Vasco da Gama
1947 Vasco da Gama
1948 Vasco da Gama
1949 Vasco da Gama
1950 Bangu
1951 Fluminense
1952 Fluminense
1953 Fluminense
1954 Fluminense
1955 Flamengo
1956 Flamengo
1957 Fluminense
1958 Botafogo
1959 Botafogo
1960 Vasco da Gama
1961 Vasco da Gama
1962 Fluminense
1963 Fluminense
1964 Vasco da Gama
1965 Botafogo
1966 Vasco da Gama
1967 Vasco da Gama
1968 America
1969 Não realizado
1970 Flamengo

Total de títulos de Segundos Quadros ou Aspirantes (Reservas)

Clube Total Anos Campeão
Vasco da Gama 15 1924; 1928; 1934; 1936; 1942; 1943; 1946; 1947; 1948; 1949; 1960; 1961; 1964; 1966 e 1967
Fluminense 13 1908; 1911; 1921; 1924; 1933; 1941; 1951; 1952; 1953; 1954; 1957; 1962 e 1963
Flamengo 13 1912; 1913; 1914; 1916; 1917; 1918; 1925; 1927; 1931; 1935; 1955; 1956 e 1970
Botafogo 11 1906; 1907; 1909; 1910; 1915; 1922; 1944; 1945; 1958; 1959 e 1965
America 8 1919; 1923; 1926; 1929; 1930; 1932; 1936 e 1968
Bangu 1 1950
São Cristóvão 1 1935
Andarahy 1 1920
Olaria 1 1933
Mavílis 1 1934

Campeonatos cariocas de categorias de base

O Campeonato Carioca de Juvenis começou a ser disputado em 1920.

A partir de 1980 a competição é chamada Campeonato Estadual de Juniores, ambos Sub-20 (Juvenil passou a ser o Campeonato Sub-17).

Ver também

Notas e referências

Notas

  1. a b c d e f g h i j k l m n o p q r s t u v w x y z aa ab ac ad ae af ag ah ai aj ak al am an ao ap aq ar as at au av aw ax ay Campeonato disputado por pontos corridos.
  2. Título dividido entre Botafogo e Fluminense após decisão na justiça em 1996.
  3. Não houve partida final. A fase final foi decidida por pontos corridos entre os sete mais bem colocados do primeiro turno.
  4. a b c d e f g h i j Não houve partida final. Foi disputado um triangular final para decidir o campeão.
  5. Campeonato decidido através dos pontos perdidos.
  6. a b c Não houve partida final. Foi disputado um hexagonal final para decidir o campeão.
  7. a b c Não houve partida final. Foi disputado um quadrangular final para decidir o campeão.
  8. a b c d e f g h Não houve partida final. Foi disputado um octogonal final para decidir o campeão.
  9. a b c d e f g h i Não houve final, pois o campeão venceu os dois turnos.

Referências

  1. Lucas, Jorge Alexandre (1 de janeiro de 2014). «Somos todos cariocas: identidade e pertencimentos no mundo globalizado». Revista Científica Ciência em Curso (em francês). 3 (2): 111–123. ISSN 2317-0077 
  2. RSSSF Brasil Camperonato Carioca de 1906
  3. lancenet.com.br/ Título inédito, dia histórico e confuso: um domingo atípico em Volta Redonda (sic)
  4. esporte.uol.com.br/ Botafogo vence 1º Estadual decidido fora do Rio em 112 anos de história (sic)
  5. «A adesão do Futebol Carioca ao profissionalismo – A segunda grande cisão.» (PDF) 
  6. «A adesão do Futebol Carioca ao profissionalismo – A segunda grande cisão.» (PDF) 
  7. Livro História dos Campeonatos Cariocas de Futebol 1906/2010, por Clovis Martins e Roberto Assaf, páginas 17, 18 e 43.
  8. globoesporte.globo.com/ Fla iguala número de artilheiros do Botafogo no Campeonato Carioca
  9. Site FUTRIO, página editada em 23 de janeiro de 2017 e disponível em 9 de março de 2018
  10. extra.globo.com/ No primeiro jogo do Estadual fora do Rio, Fla e Flu embolsam R$ 750 mil cada. Sem custos, Ferj leva R$ 217 mil
  11. RSSSF Brasil - Campeões cariocas (Segundo Quadro da Primeira Divisão e Aspirantes)

Publicações

  • ASSAF, Roberto; MARTINS, Clovis. Campeonato Carioca - 96 Anos de História - 1902/1997. Ed. Irradiação Cultural. Rio de Janeiro; 1997.
  • MERCIO, Roberto. A História dos Campeonatos Cariocas de Futebol. Studio Alfa. Rio de Janeiro; 1985.
  • ASSAF, Roberto e MARTINS, Clóvis. História dos Campeonatos Cariocas de Futebol - 1906/2010. Maquinária Editora; 2010.

Ligações externas