Campeonato Mundial de Atletismo de 1987

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
2° Campeonato Mundial de Atletismo
Campionati del mondo di atletica leggera 1987

Roma 1987
Rome IAAF 1987.jpg
Dados
Países participantes 159
Entidade responsável IAAF
Sede Itália Roma, Itália
Primeira edição Helsinque 1983
Atletas 1451
Duração 28 de agosto a 6 de setembro de 1987
Abertura oficial Presidente Francesco Cossiga
Estádio principal Stadio Olimpico
Site oficial IAAF – Roma 1987
◄◄ Helsinque 1983 {{{evento}}} Tóquio 1991 ►►

Campeonato Mundial de Atletismo de 1987 foi a segunda edição do campeonato mundial do esporte, então realizada quadrienalmente no ano anterior aos Jogos Olímpicos, na cidade de Roma, Itália, sob os auspícios da IAAF – Federação Internacional de Atletismo, entre 28 de agosto e 6 de setembro de 1987. As competições contaram com a presença de 1 451 atletas de 159 federações nacionais. As disputas de pista e campo aconteceram no Stadio Olimpico – palco também da largada e chegada da maratona e da marcha atlética – o estádio dos Jogos Olímpicos de 1960, com capacidade para 65 000 espectadores.[1]

O torneio viu um recorde mundial ser quebrado no salto em altura feminino pela búlgara Stefka Kostadinova – 2,09 m, marca que até os dias de hoje se mantém, sendo um dos mais longevos do atletismo[2] – e outro ser igualado pelo norte-americano Carl Lewis, nos 100 metros rasos, e nada menos que trinta novos recordes do campeonato, superando quase todas as marcas da edição inaugural anterior em Helsinque. Helsinque e Roma, sedes dos dois primeiros campeonatos mundiais, foram as únicas oportunidades durante a maioria dos anos 1980 para que as potências do atletismo do mundo ocidental e oriental se enfrentassem, devido ao boicote dos dois lados aos Jogos Olímpicos de Moscou 1980 e Los Angeles 1984. Pela segunda vez consecutiva a Alemanha Oriental liderou o quadro de medalhas. O mundo lusófono conseguiu três medalhas, uma de cada cor, com os fundistas portugueses Rosa Mota e Domingos Castro na maratona e nos 5 000 metros e o meio-fundista brasileiro Zequinha Barbosa nos 800 metros.[3]

Local[editar | editar código-fonte]

O torneio foi disputado no Estádio Olímpico de Roma, o Stadio Olimpico, mesmo palco dos Jogos de Roma 1960, que já havia passado por algumas reformas desde as Olimpíadas. Com então 65 000 lugares sentados, ele foi anteriormente a sede da Universíade de 1975 e é a "casa" do Roma e do Lazio, tradicionais clubes de futebol romanos. Foi nele também que foi disputada a final da Copa do Mundo de 1990, realizada na Itália.[4]

Interior do Estádio Olímpico. A cobertura do anel superior foi construída depois do Mundial.

Recordes[editar | editar código-fonte]

Um recorde mundial quebrado, um igualado e trinta recordes do campeonato foi o saldo de um dos torneios de atletismo de maior nível técnico já disputados, ainda numa época de grande força do atletismo feminino dos países da Europa Oriental como a URSS e a Alemanha Oriental, além dos EUA, que quebraram todos os recordes das modalidades de campo do campeonato anterior. [3]

Recorde
Modalidade
Atleta
País
Marca
Anterior
Recorde mundial
salto em altura
Stefka Kostadinova
Bulgária
2,09 m
2,08 m (1986)
Recorde mundial
100 m rasos
Carl Lewis
Estados Unidos
9.93
igualado (1986)
Recorde do campeonato
800 m
Billy Konchellah
Quénia
1:43.06
1:43.65 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
10000 m
Paul Kipkoech
Quénia
27:38.6
28:01 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
400 m c/ barreiras
Edwin Moses
Estados Unidos
47.46
47.50 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
3000 m c/ obstáculos
Francesco Panetta
Itália
8:08.57
8:15.06 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
marcha 20 km
Maurizio Damilano
Itália
1:20:45
1:20:49 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
marcha 50 km
Hartwig Gauder
Alemanha Oriental
3:40:53
3:43:08 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
revezamento 4x400 m masculino
Estados Unidos
Estados Unidos
2:57.29
3:00.79 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
Salto em distância
Carl Lewis
Estados Unidos
8,67 m
8,55 m – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
salto triplo
Khristo Markov
Bulgária
17,92 m
17,42 m – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
salto em altura
Patrik Sjöberg
Suécia
2,38 m
2,32 m – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
salto em altura
Hennadiy Avdyeyenko
União das Repúblicas Socialistas Soviéticas
2,38 m
2,32 m – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
salto em altura
Igor Paklin
União das Repúblicas Socialistas Soviéticas
2,38 m
2,32 m – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
salto com vara
Sergei Bubka
União das Repúblicas Socialistas Soviéticas
5,85 m
5,70 m – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
arremesso de peso
Werner Günthör
Suíça
22,23 m
21,39 m – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
lançamento de disco
Jürgen Schult
Alemanha Oriental
68,74 m
67,72 m – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
lançamento do martelo
Sergey Litvinov
União das Repúblicas Socialistas Soviéticas
83,06 m
82,68 m – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
decatlo
Torsten Voss
Alemanha Oriental
8680 pts
8666 pts – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
100 m rasos
Silke Gladisch
Alemanha Oriental
10.90
10.97 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
200 m rasos
Silke Gladisch
Alemanha Oriental
21.74
22.13 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
1500 m
Tatyana Samolenko
União das Repúblicas Socialistas Soviéticas
3:58.56
4:00.90 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
maratona
Rosa Mota
Portugal
2:25:17
2:28:09 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
100 m c/ barreiras
Ginka Zagorcheva
Bulgária
12.34
12.35 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
400 m c/ barreiras
Sabine Busch
Alemanha Oriental
53.62
54.14 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
revezamento 4x100 m feminino
Estados Unidos
Estados Unidos
41.58
41.76 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
revezamento 4x400 m feminino
Alemanha Oriental
Alemanha Oriental
3:18.63
3:19.73 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
salto em distância
Jackie Joyner-Kersee
Estados Unidos
7,36 m
7,27 m – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
arremesso de peso
Natalya Lisovskaya
União das Repúblicas Socialistas Soviéticas
21.24
21.05 – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
lançamento de disco
Martina Hellmann
Alemanha Oriental
71,62 m
68,94 m – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
lançamento de dardo
Fatima Whitbread
Reino Unido
76,64 m
70,82 m – Helsinque 1983
Recorde do campeonato
heptatlo
Jackie Joyner-Kersee
Estados Unidos
7128 pts
6714 pts – Helsinque 1983

Quadro de medalhas[editar | editar código-fonte]

Posição País Ouro Prata Bronze Total
1  Alemanha Oriental 10 11 10 31
2  Estados Unidos 10 4 6 20
3  União Soviética 7 12 6 25
4  Bulgária 3 1 4
5  Quênia 3 3
6  Itália 2 2 1 5
7  Grã-Bretanha 1 3 4 8
8 Portugal Portugal 1 1 2
9  Finlândia 1 1
 Marrocos 1 1
 Noruega 1 1
Somália 1 1
 Suécia 1 1
Suíça 1 1
15  França 2 1 3
16  Austrália 2 2
17  Jamaica 1 3 4
18  Tchecoslováquia 1 1 2
 Alemanha Ocidental 1 1 2
Flag of Spain.svg Espanha 1 1 2
Roménia 1 1 2
22 Djibouti 1 1
Nigéria 1 1
24  Cuba 2 2
25  Bélgica 1 1
 Brasil 1 1
 China 1 1

Medalhistas[editar | editar código-fonte]

Masculino[editar | editar código-fonte]

Evento Ouro Prata Bronze
100 m
Carl Lewis
 Estados Unidos
9.93 WR icon.PNG Raymond Stewart
 Jamaica
10.08 Linford Christie
 Reino Unido
10.14
200 m
Calvin Smith
 Estados Unidos
20.16 Gilles Quénéhervé
 França
20.16 John Regis
 Reino Unido
20.18
400 m
Thomas Schönlebe
 Alemanha Oriental
44.33 Innocent Egbunike
Nigéria
44.56 Butch Reynolds
 Estados Unidos
44.80
800 m
Billy Konchellah
 Quênia
1:43:06 CR icon2.PNG Peter Elliott
 Reino Unido
1:43:41 José Luiz Barbosa
 Brasil
1:43:76
1500 m
Abdi Bile
Somália
3:36:80 José Luis González
Flag of Spain.svg Espanha
3:38:03 Jim Spivey
 Estados Unidos
3:38:82
5000 m
Saïd Aouita
 Marrocos
13:26:44 Domingos Castro
Portugal Portugal
13:27:59 Jack Buckner
 Reino Unido
13:27:74
10000 m
Paul Kipkoech
 Quênia
27:38:63 CR icon2.PNG Francesco Panetta
 Itália
27:48:98 Hansjörg Kunze
 Alemanha Oriental
27:50:26
Maratona
Douglas Wakiihuri
 Quênia
2:11:48 Ahmed Salah
Djibouti
2:12:30 Gelindo Bordin
 Itália
2:12:40
110 m c/ barreiras
Greg Foster
 Estados Unidos
13.21 Jon Ridgeon
 Reino Unido
13.29 Colin Jackson
 Reino Unido
13.38
400 m c/ barreiras
Edwin Moses
 Estados Unidos
47.46 CR icon2.PNG Danny Harris
 Estados Unidos
47.48 Harald Schmid
 Alemanha Ocidental
47.48
3000 m c/ obstáculos
Francesco Panetta
 Itália
8:08:57 CR icon2.PNG Hagen Melzer
 Alemanha Oriental
8:10:32 William Van Dijck
 Bélgica
8:12:18
marcha 20 km
Maurizio Damilano
 Itália
1:20:45 CR icon2.PNG Jozef Pribilinec
 Tchecoslováquia
1:21:07 José Marín
Flag of Spain.svg Espanha
1:21:24
marcha 50 km
Hartwig Gauder
 Alemanha Oriental
3:40:53 CR icon2.PNG Ronald Weigel
 Alemanha Oriental
3:41:30 Viacheslav Ivanenko
 União Soviética
3:44:02
4x100 m
 Estados Unidos
Lee McRae
Lee McNeill
Harvey Glance
Carl Lewis
37.90  União Soviética
Aleksandr Yevgenyev
Viktor Bryzgin
Vladimir Muravyov
Vladimir Krylov
38.02  Jamaica
John Mair
Andrew Smith
Clive Wright
Stewart
38.41
4x400 m
 Estados Unidos
Danny Everett
Roddie Haley
Antonio McKay
Butch Reynolds
2:57.29 CR icon2.PNG  Grã-Bretanha
Derek Redmond
Kriss Akabusi
Roger Black
Phil Brown
2:58.86  Cuba
Leandro Peñalver
Agustin Pavo
Lazaro Martínez
Roberto Hernández
2:59.16
Salto em distância
Carl Lewis
 Estados Unidos
8.67 CR icon2.PNG Robert Emmiyan
 União Soviética
8.53 Larry Myricks
 Estados Unidos
8.33
Salto triplo
Hristo Markov
 Bulgária
17.92 CR icon2.PNG Mike Conley
 Estados Unidos
17.67 Oleg Sakirkin
 União Soviética
17.43
Salto em altura
Patrik Sjöberg
 Suécia
2.38 CR icon2.PNG Gennadiy Avdeyenko
 União Soviética
Igor Paklin
 União Soviética
2.38 CR icon2.PNG No atletismo quando há um
empate em 1º ou 2º os dois
recebem a mesma medalha
e a posição inferior fica vaga
Salto com vara
Sergei Bubka
 União Soviética
5.85
CR icon2.PNG
Thierry Vigneron
 França
5.80 Rodion Gataullin
 União Soviética
5.80
Arremesso de peso
Werner Günthör
Suíça
22.23 CR icon2.PNG Alessandro Andrei
 Itália
21.88 John Brenner
 Estados Unidos
21.75
Lançamento de disco
Jürgen Schult
 Alemanha Oriental
68.74 CR icon2.PNG John Powel
 Estados Unidos
66.22 Luis Mariano Delís
 Cuba
66.02
Lançamento do martelo
Sergey Litvinov
 União Soviética
83.06 CR icon2.PNG Jüri Tamm
 União Soviética
80.84 Ralf Haber
 Alemanha Oriental
80.76
Lançamento de dardo
Seppo Räty
 Finlândia
83.54 Viktor Yevsyukov
 União Soviética
82.52 Jan Železný
 Tchecoslováquia
82.20
Decatlo
Torsten Voss
 Alemanha Oriental
8680 pts CR icon2.PNG Siegfried Wentz
 Alemanha Ocidental
8461 pts Pavel Tarnovetskiy
 União Soviética
8375 pts

Notas:

  1. O canadense Ben Johnson venceu os 100 m rasos em 9.83, um novo recorde mundial, mas foi desqualificado pela IAAF depois de ter admitido o uso de substâncias dopantes em 1988, na sequência dos Jogos Olímpicos de Seul.[5]
  2. O italiano Giovanni Evangelisti ficou originalmente com a medalha de bronze no salto em distância, com 8.37 m, mas determinou-se posteriormente que os juízes de campo falsearam o resultado de um salto que alcançou apenas 7,85 m. [6]

Feminino[editar | editar código-fonte]

Evento Ouro Prata Bronze
100 m
Silke Gladisch
 Alemanha Oriental
10.90 CR icon2.PNG Heike Drechsler
 Alemanha Oriental
11.00 Merlene Ottey
 Jamaica
11.04
200 m
Silke Gladisch
 Alemanha Oriental
21.74 CR icon2.PNG Florence Griffith-Joyner
 Estados Unidos
21.96 Merlene Ottey
 Jamaica
22.06
400 m
Olga Bryzgina
 União Soviética
49.38 Petra Schersing
 Alemanha Oriental
49.94 Kirsten Emmelmann
 Alemanha Oriental
50.20
800 m
Sigrun Wodars
 Alemanha Oriental
1:55.26 Christine Wachtel
 Alemanha Oriental
1:55.32 Lyubov Gurina
 União Soviética
1:55.56
1500 m
Tatyana Samolenko
 União Soviética
3:58.56 CR icon2.PNG Hildegard Körner
 Alemanha Oriental
3:58.67 Doina Melinte
Roménia
3:59.27
3000 m
Tatyana Samolenko
 União Soviética
8:38.73 Maricica Puica
Roménia
8:39.45 Ulrike Bruns
 Alemanha Oriental
8:40.30
10000 m
Ingrid Kristiansen
 Noruega
31:05.85 Yelena Zhupiyeva
 União Soviética
31:09.40 Kathrin Ullrich
 Alemanha Oriental
31:11.34
Maratona
Rosa Mota
Portugal Portugal
2:25:17 CR icon2.PNG Zoya Ivanova
 União Soviética
2:32:38 Jocelyne Villeton
 França
2:32:53
100 m c/ barreiras
Ginka Zagorcheva
 Bulgária
12.34 CR icon2.PNG Gloria Siebert
 Alemanha Oriental
12.44 Cornelia Oschkenat
 Alemanha Oriental
12.46
400 m c/ barreiras
Sabine Busch
 Alemanha Oriental
53.62
(CR)
Debra Flintoff-King
 Austrália
54.19 Cornelia Feuerbach
 Alemanha Oriental
54.31
Marcha 10 km
Irina Strakhova
 União Soviética
44:12 CR icon2.PNG Kerry Saxby
 Austrália
44:23 Yan Hong
 China
44:42
4x100 m
 Estados Unidos
Alice Brown
Diane Williams
Pam Marshall
Florence Griffith-Joyner
41.58 CR icon2.PNG  Alemanha Oriental
Silke Möller
Cornelia Oschkenat
Kerstin Behrendt
Marlies Göhr
41.95  União Soviética
Irina Slyusar
Natalya Pomoschchnikova
Natalya German
Olga Antonova
42.33
4x400 m
 Alemanha Oriental
Dagmar Neubauer
Kirsten Emmelmann
Petra Schersing
Sabine Busch
3:18.63 CR icon2.PNG  União Soviética
Aelita Yurchenko
Olga Nazarova
Mariya Pinigina
Olga Bryzgina
3:19.50  Estados Unidos
Diane Dixon
Denean Howard
Valerie Brisco-Hooks
Lillie Leatherwood
3:21.04
Salto em altura
Stefka Kostadinova
 Bulgária
2.09 WR icon.PNG Tamara Bykova
 União Soviética
2.04 Susanne Beyer
 Alemanha Oriental
1.99
Salto em distância
Jackie Joyner-Kersee
 Estados Unidos
7.36 CR icon2.PNG Yelena Belevskaya
 União Soviética
7.14 Heike Drechsler
 Alemanha Oriental
7.13
Arremesso de peso
Natalya Lisovskaya
 União Soviética
21.24 CR icon2.PNG Kathrin Neimke
 Alemanha Oriental
21.21 Ines Müller
 Alemanha Oriental
20.76
Lançamento de disco
Martina Hellmann
 Alemanha Oriental
71.62 CR icon2.PNG Diana Gansky
 Alemanha Oriental
70.12 Tsvetanka Khristova
 Bulgária
68.82
Lançamento do dardo
Fatima Whitbread
 Reino Unido
76.64 CR icon2.PNG Petra Felke
 Alemanha Oriental
71.76 Beate Peters
 Alemanha Ocidental
68.82
Heptatlo
Jackie Joyner-Kersee
 Estados Unidos
7128 CR icon2.PNG Larisa Nikitina
 União Soviética
6564 Jane Frederick
 Estados Unidos
6502

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. «official report». LA84Report. Consultado em 23 de março de 2019 
  2. «Women's High Jump World Record – Stefka Kostadinova 2.09/». Athletic Jumps. Consultado em 24 de março de 2019 
  3. a b «IAAF Statistics Book» (PDF). IAAF. Consultado em 24 de março de 2019 
  4. «10 STADIO OLIMPICO FACTS». ASRoma. Consultado em 24 de março de 2019 
  5. Marcelo Laguna. «Histórico, doping de Ben Johnson que mudou o esporte completa 30 anos». Folha de S. Paulo. Consultado em 24 de março de 2019 
  6. Simson, Vyv (1992). Dishonored Games: Corruption, Money & Greed at the Olympics. [S.l.: s.n.] 182 páginas. ISBN 1-56171-199-3 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]