Campeonato Mundial de Ciclismo em Estrada

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Campeonato Mundial de Ciclismo em Estrada
Campeonato Mundial de Ciclismo em Estrada de 2014
Detalhes da corrida
Organizador UCI
História
Primeira edição 1927
Edições 81 (2014)

O Campeonato Mundial de Ciclismo em Estrada, são várias competições de ciclismo em estrada que se disputam no final de setembro de cada ano, cerca do final da temporada de ciclismo europeia, sendo as mais importantes a nível internacional. Realizam-se anualmente, desde 1927 para a categoria masculina e desde 1958 para a feminina.

As diferentes corridas são para três categorias de corredores; elite masculino, sub-23 masculino e feminino, disputando-se três especialidades; corridas em linha ou estrada, contrarrelógio individual e contrarrelógio por equipas (excepto sub-23).

Estas competições são organizadas sobre a égida da União Ciclista Internacional e um país anfitrião que vai mudando a cada ano. A diferença das grandes voltas ciclistas, a cada categoria disputa-se numa sozinha corrida.

As provas disputam-se por equipas nacionais e dependendo do ranking de nações e o número de pontos UCI, a cada país tem um número diferente de ciclistas que podem participar do campeonato do mundo, podendo ser desde um máximo de 9, a só 1 ciclista.

Os ciclistas que mais triunfos possuem na corrida em linha são Alfredo Binda, Eddy Merckx, Rik Vão Steenbergen e Óscar Freire com três títulos a cada um, enquanto em contrarrelógio, Fabian Cancellara é o mais vitórioso com 4 títulos.

História[editar | editar código-fonte]

O primeiro campeonato do mundo em estrada, foi disputado em 1921 em Copenhague, mas esteve reservado a ciclistas amadores, onde ganhou o sueco Gunnar Skoeld.[1]

A partir de 1927 puderam participar ciclistas profissionais, correndo junto com os aficionados na mesma corrida. Essa primeira edição celebrou-se no circuito de Nürburgring em Alemanha e viu o triunfo da selecção italiana a mãos de Alfredo Binda para os profissionais, enquanto a 5.ª posição do belga Jean Aerts deu-lhe o título de campeão do mundo amdor. Posteriormente o campeonato do mundo foi dividido em duas categorias: profissionais e amador.

Em 1958 estabeleceu-se o Campeonato Mundial Feminino em linha, só para a categoria amador, já que não existia actividade feminina profissional.

Na categoria amador, em 1962 introduziu-se a contrarrelógio por equipas masculina. A mesma disputava-se com quatro corredores sobre uma distância de 100 km. Em 1987 também se começou a correr a versão feminina numa distância de 50 km.

Em 1994, produziram-se várias mudanças no formato dos mundiais. Para a carreira em linha masculina, deixou de existir a divisão entre profissionais e amador, voltando a correr uma sozinha corrida todos juntos e baixo a denominação elite (sem limite de idade). Quanto à especialidade contrarrelógio, começou a disputar-se de forma individual, desaparecendo o contrarrelógio por equipas. No ramo feminino, sucedeu o mesmo, abriu-se a ciclistas profissionais e criou-se a especialidade contrarrelógio suprimindo a por equipas. Em 1996, criou-se a categoria sub-23 para ciclistas de 19 a 23 anos, disputando-se corrida em linha e contrarrelógio individual.

A partir de 2012 retornou a contrarrelógio por equipas, mas sendo disputada por equipas profissionais.

Maillot Arco-Íris[editar | editar código-fonte]

Os vencedores de cada prova do Campeonato do Mundo têm o direito e a honra de levar o Maillot Arco-Íris por um ano até o seguinte campeonato. Este maillot, é uma t-shirt branca com 5 bandas horizontais que representam aos cinco continentes.

Os ciclistas que tenham sido campeão do mundo ao menos uma vez durante sua carreira, têm direito a levar as cores arco íris nos punhos e pescoço de seu maillot como lembrança de seus loiros.

Competições[editar | editar código-fonte]

Desde a edição de 2012, os mundiais constam de oito corridas (para ver o palmarés da cada prova, pulsar a respectiva ligação):

  • Especialidade em linha ou estrada:
    • Sub-23 masculino
    • Elite feminino
    • Elite masculino
  • Especialidade contrarrelógio individual:
    • Sub-23 masculino
    • Elite feminino
    • Elite masculino
  • Especialidade contrarrelógio por equipas:
    • Elite feminino
    • Elite masculino

A partir de 2011, dentro deste mesmo campeonato se desenvolve o Campeonato Mundial de Ciclismo em Estrada Junior, para ciclistas menores de 19 anos. Anteriormente disputava-se em forma separada.

Edições[editar | editar código-fonte]

Ano Edição País Localidade
2001 LXVIII Portugal Portugal Lisboa
2002 LXIX  Bélgica Zolder (II)
2003 LXX  Canadá Hamilton
2004 LXXI  Itália Verona (II)
2014 LXXXI Flag of Spain.svg Espanha Ponferrada

Medalheiro  histórico[editar | editar código-fonte]

  • Desde Nürburg 1927 até Ponferrada 2014 (incluem-se todas as competições de estrada e contrarrelógio, tanto elite masculina, como elite feminina e sub-23; não se contemplam as medalhas das competições de estrada para aficionados ou amadores celebradas entre 1921 e 1995, nem as das categorias juvenis).
  • (1) – Inclui as medalhas da RFA e a RDA.
  • (2) – Inclui as medalhas da URSS.

Referências[editar | editar código-fonte]