Campeonato Sul-Americano de Clubes de Voleibol Feminino de 2018

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Campeonato Sul-Americano de Clubes de Voleibol Feminino de 2018
Voleibol Volleyball (indoor) pictogram.svg
Informações gerais
País-sede Belo HorizonteBrasil
Organizador {{{organização}}}
Período de 20 a 24 de fevereiro
Participantes 6
Premiações
Campeão Brasil Camponesa/Minas (4° título)
Vice-campeão Brasil Rexona-Sesc
MVP Brasil Carol Gattaz
◄◄ Brasil Uberlândia 2017 Bola de volei de quadra.svg Brasil Belo Horizonte 2019 ►►
CSV.org (em espanhol) Página oficial da competição

O Campeonato Sul-Americano de Clubes de Voleibol Feminino de 2018 foi a décima oitava edição do torneio organizado anualmente pela CSV, disputado entre os dias 20 a 24 de fevereiro de 2018 na Arena Juscelino Kubitschek (Arena Minas), localizada na cidade de Belo Horizonte[1], com a participação de seis clubes representando quatro países: Argentina, Bolívia e Peru e Brasil. É o torneio classificatório para edição do Campeonato Mundial de Clubes de Voleibol Feminino de 2018[2][3].

O anfitrião Camponesa/Minas conquistou o título desta edição e a central Carol Gattaz foi premiada como a Melhor Jogadora (MVP) do campeonato[4].

Formato de disputa[editar | editar código-fonte]

As seis equipes qualificadas foram dispostas em dois grupos de tres equipes, correspondente a fase classificatória, na qual todas as equipes se enfrentaram entre si (dentro de seus grupos) em turno único. As duas primeiras colocadas de cada grupo se classificaram para a fase semifinal, na qual se enfrentaram em cruzamento olímpico.

Os times vencedores das semifinais se enfrentaram na partida final, que definiu o campeão; já as equipes derrotadas nas semifinais decidiram a terceira posição grupo (Perdedor do Jogo 8 x Perdedor do Jogo 9) e as equipes eliminadas antes da fase semifinal disputaram o quinto lugar (3º A x 3º B).[1]

Para a classificação dentre dos grupos na primeira fase, o placar de 3-0 ou 3-1 garantiu três pontos para a equipe vencedora e nenhum para a equipe derrotada; já o placar de 3-2 garantiu dois pontos para a equipe vencedora e um para a perdedora.

Participantes[editar | editar código-fonte]

As seguintes equipes foram qualificadas para a disputa do Campeonato Sul-Americano de Clubes de 2018[1]:

Equipe[1] País Forma de Classificação Títulos
Camponesa/Minas Brasil Brasil Representante da Cidade-Sede[5] 3 (1999,2000 e 2002)
GELP Argentina Argentina Campeão da Liga Argentina A1 de Voleibol 2016-17[6] 0 ( não possui)
Universitario San Simón Bolívia Bolívia Campeão da Liga Superior Boliviana A 2016-17[7] 0 (não possui)
Boca Juniors [OBS] Argentina Argentina Terceiro colocado da Liga A1 Argentina de 2016-17[8] 0 (não possui)
Regatas Lima Peru Peru Campeão da Liga Nacional Superior de Voleibol 2016-17[9] 0 (não possui)
Rexona-Sesc Brasil Brasil Campeão da Superliga Brasileira A 2016-17[10] 4 (2013, 2015, 2016 e 2017)


Nota
OBS ^ Esta equipe qualificou-se após o Club Atlético Vélez Sarsfield, vice-campeão argentino, desistir da competição[8]

Primeira fase[editar | editar código-fonte]

A confirmação dos clubes participantes foi divulgada no dia 5 de fevereiro de 2018, pela CSV, estabelecendo o período de 20 a 24 de fevereiro para a realização do certame, e as equipes foram divididas em dois grupos[11]:

Grupo A[editar | editar código-fonte]

Classificação
Equipes classificadas às semifinais.
Equipe que disputará o quinto lugar.
Jogos Resultados Sets Pontos
Pos Equipe Pts T V D 3–0 3–1 3–2 2–3 1–3 0–3 V P R V P R
1 Brasil Camponesa/Minas 6 2 2 0 2 0 0 0 0 0 6 0 MAX 150 84 1.786
2 Peru Regatas Lima 3 2 1 1 0 1 0 0 0 1 3 4 0.750 143 162 0.883
3 Argentina Boca Juniors 0 2 0 2 0 0 0 0 1 1 1 6 0.167 122 169 0.722
Resultados[1]
20 de fevereiro de 2018
18:00
Relatório
Camponesa/Minas Brasil 3 — 0 Peru Regatas Lima Arena Minas, Belo Horizonte
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
22
13
14

21 de fevereiro de 2018
20:00
Relatório
Camponesa/Minas Brasil 3 — 0 Argentina Boca Juniors Arena Minas, Belo Horizonte
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
7
16
12

22 de fevereiro de 2018
20:00
Relatório
Regatas Lima Peru 3 — 1 Argentina Boca Juniors Arena Minas, Belo Horizonte
25
25

19
25
Set 1
Set 2
Set 3
Set 4
23
18
25
21

Grupo B[editar | editar código-fonte]

Classificação
Equipes classificadas às semifinais.
Equipes que disputará o quinto lugar.
Jogos Resultados Sets Pontos
Pos Equipe Pts T V D 3–0 3–1 3–2 2–3 1–3 0–3 V P R V P R
1 Brasil Rexona-Sesc 6 2 2 0 2 0 0 0 0 0 6 0 MAX 150 77 1.948
2 Argentina GELP 3 2 1 1 1 0 0 0 0 1 3 3 1,000 120 114 1.053
3 Bolívia Universitario San Simón 0 1 0 1 0 0 0 0 0 1 0 3 0,000 71 150 0.473
Resultados
20 de fevereiro de 2018
20:00
Relatório
GELP Argentina 3 — 0 Bolívia Universitario San Simón Arena Minas, Belo Horizonte
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
11
12
16

21 de fevereiro de 2018
18:00
Relatório
Rexona-Sesc Brasil 3 — 0 Argentina GELP Arena Minas, Belo Horizonte
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
13
15
17

22 de fevereiro de 2018
18:00
Relatório
Rexona-Sesc Brasil 3 — 0 Bolívia Universitario San Simón Arena Minas, Belo Horizonte
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
6
14
12

Finais[editar | editar código-fonte]

  Semifinais Final
23 de fevereiro - 17:30
 Brasil Camponesa/Minas  3  
 Argentina GELP  0  
 
24 de fevereiro – 15:45
     Brasil Camponesa/Minas  3
   Brasil Rexona-Sesc  2
Terceiro lugar
23 de fevereiro – 19:30 24 de fevereiro – 12:45
 Brasil Rexona-Sesc  3   Argentina GELP  0
 Peru Regatas Lima  0    Peru Regatas Lima  3
Resultados
Semifinais[1]
23 de fevereiro de 2018
17:30
Relatório
Camponesa/Minas Brasil 3 — 0 Argentina GELP Arena Minas, Belo Horizonte
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
14
13
11

23 de fevereiro de 2018
19:30
Relatório
Rexona-Sesc Brasil 3 — 0 Peru Regatas Lima Arena Minas, Belo Horizonte
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
13
8
9
Disputa pela Quinta posição[1]
23 de fevereiro de 2018
15:00
Relatório
Boca Juniors Argentina 3 — 0 Bolívia Universitario San Simón Arena Minas, Belo Horizonte
25
25
25
Set 1
Set 2
Set 3
10
11
17
Disputa pelo terceiro lugar[1]
24 de fevereiro de 2018
12:45
Relatório
GELP Argentina 0 — 3 Peru Regatas Lima Arena Minas, Belo Horizonte
19
15
15
Set 1
Set 2
Set 3
25
25
25
Final[1]
24 de fevereiro de 2018
15:45
Relatório
Camponesa/Minas Brasil 3 — 2 Brasil Rexona-Sesc Arena Minas, Belo Horizonte
25
22
25
15
15
Set 1
Set 2
Set 3 2
Set 4
Set 5
23
25
23
25
9

Premiação[editar | editar código-fonte]

Campeonato Sul-Americano de Clubes de Voleibol Feminino de 2018
Brasil
Camponesa/Minas
Campeão
(4º título)

Classificação Final[editar | editar código-fonte]

Posição Equipe Classificação
Medalha de ouro Brasil Camponesa/Minas Aumento Campeonato Mundial de Clubes de 2018
Medalha de prata Brasil Rexona-Sesc
Medalha de bronze Peru Regatas Lima
4 Argentina GELP
5 Argentina Boca Juniors
6 Bolívia Universitario San Simón

Prêmios individuais[editar | editar código-fonte]

A seleção do campeonato foi composta pelas seguintes jogadoras[12]:

Volleyball Half Court.png

1º Central:
Juciely Barreto
Brasil
2º Ponteiro:
Drussyla Costa
Brasil
2º Central:
Mayhara Francini
Brasil
Levantadora:
Macris Carneiro
Brasil
Líbero:
Léia Silva
Brasil

Referências

  1. a b c d e f g h i «Campeonato Sul-Americano de Clubes 2018: tabela definida!». To Fly Volleyball.com. 2 de fevereiro de 2018. Consultado em 14 de fevereiro de 2017. Cópia arquivada em 17 de fevereiro de 2018 
  2. «SEIS CLUBES DISPUTAN EN MINAS GERAIS LA EDICIÓN FEMENINA 2018 DEL SUDAMERICANO DE CLUBES». CSV. 19 de fevereiro de 2018. Consultado em 20 de fevereiro de 2017 
  3. «ARRANCA EL SUDAMERICANO DE CLUBES FEMENINO EN LA ARENA DEL MINAS TENIS CLUB». CSV. 20 de fevereiro de 2018. Consultado em 20 de fevereiro de 2017 
  4. «Minas vence Rio e leva Sul-americano de clubes após 18 anos». O Globo. 24 de fevereiro de 2018. Consultado em 24 de fevereiro de 2017. Cópia arquivada em 24 de fevereiro de 2018 
  5. Daniel Ottoni. «Camponesa-Minas vai sediar Sul-Americano de clubes de vôlei feminino». Jornal O tempo. 6 de novembro de 2017. Consultado em 14 de fevereiro de 2017. Cópia arquivada em 17 de fevereiro de 2018 
  6. «Gimnasia, campeón argentino en voley». CYP Noticias (em espanhol). 13 de abril de 2017. Consultado em 17 de fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 17 de fevereiro de 2018 }
  7. «San Simón obtiene la corona de la Liga Superior de Vóley». El País (em espanhol). 23 de abril de 2017. Consultado em 17 de fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 17 de fevereiro de 2018 }
  8. a b «GELP y Boca, los representantes argentinos en el Sudamericano de Clubes Femenino». Somos Vóley (em espanhol). 29 de dezembro de 2017. Consultado em 17 de fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 17 de fevereiro de 2018 
  9. «¡Regatas Lima gritó campeón!». La Republica.pe (em espanhol). 30 de abril de 2017. Consultado em 18 de fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 18 de fevereiro de 2018 
  10. Miguel González. «Rexona-SESC campeão da Superliga Feminina 2016/2017». Ganhador.com (em portugues). 30 de abril de 2017. Consultado em 17 de fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 17 de fevereiro de 2018 
  11. «Sul-americano de clubes 2018: tabela de jogos é divulgada». Melhor do Vôlei (em portugues). 9 de fevereiro de 2018. Consultado em 18 de fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 18 de fevereiro de 2018 
  12. «Minas vence Rio e leva Sul-americano de clubes após 18 anos». A evolução do poderoso Minas, campeão Sul-Americano de Clubes 2018. 25 de fevereiro de 2018. Consultado em 26 de fevereiro de 2017. Cópia arquivada em 26 de fevereiro de 2018 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]