Campeonato Sul-Americano de Voleibol Masculino de 2021

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Campeonato Sul-Americano de 2021
Voleibol Volleyball pictogram.svg
Informações gerais
País-sede Brasil Brasília
Locais Ginásio Nilson Nelson
Organizador CSV
Período de 1 a 5 de setembro
Participantes 5
Premiações
Campeão Bandeira do Brasil Brasil (33º título)
Vice-campeão Bandeira da Argentina Argentina
MVP Brasil Bruno Rezende
◄◄ Chile Santiago-Temuco 2019 Bola de volei de quadra.svg ? 2023 Flag of None.svg ►►
Página oficial da competição

O Campeonato Sul-Americano de Voleibol Masculino de 2021 foi a 34ª edição do torneio organizado bianualmente pela Confederação Sul-Americana de Voleibol (CSV). O evento foi sediado em Brasília, capital do Brasil, com suas partidas tendo sido disputadas no Ginásio Nilson Nelson, entre os dias 1 e 5 de setembro de 2021, credenciando os finalistas ao Mundial de 2022.[1][2]

O Brasil conquistou seu 33º título ao derrotar a Argentina na última rodada.[3] As duas seleções foram classificadas para o Campeonato Mundial de 2022; e, na disputa pelo bronze, o Chile venceu a Colômbia. O levantador brasileiro Bruno Rezende foi premiado como Melhor Jogador da Competição (em inglês: Most Value Player - MVP).[4]

Seleções participantes[editar | editar código-fonte]

O torneio contou com 5 seleções após a desistência da seleção venezuelana.

Equipe Última participação[5]
Bandeira do Brasil Brasil (Sede), 1º em 2019
Bandeira da Argentina Argentina 2º em 2019
Bandeira do Chile Chile 3º em 2019
Bandeira da Colômbia Colômbia 6º em 2019
Bandeira do Peru Peru 5º em 2019

Fórmula de disputa[editar | editar código-fonte]

Inicialmente, as seis equipes seriam divididas em dois grupos, com três seleções cada. Os times da mesma chave se enfrentariam, totalizando dois jogos para cada equipe na fase classificatória. As seleções que terminassem na terceira posição disputariam o 5º e o 6º lugares. Já as duas melhores seleções de cada grupo avançariam para a fase final, que seriam disputadas em duas semifinais. As equipes vencedoras iriam para a decisão pela medalha de ouro, enquanto as perdedoras disputariam a medalha de bronze.

No dia 27 de agosto, a seleção venezuelana desistiu de participar desta competição, devido às complicações provocadas pela pandemia da COVID-19. Desta maneira, o regulamento foi alterado para a disputa em turno único, com as cinco seleções se enfrentado até o final do torneio.[6]

Critérios de desempate[editar | editar código-fonte]

  1. Número de vitórias
  2. Número de pontos
  3. Sets average
  4. Pontos average

Partidas terminadas em 3–0 ou 3–1: 3 pontos para o vencedor, 0 pontos para o perdedor;

Partidas terminadas em 3–2: 2 pontos para o vencedor, 1 ponto para o perdedor.

Fase única[editar | editar código-fonte]

Equipes classificadas para o Campeonato Mundial de 2022[7]


Jogos Resultados Sets Pontos
Pos Equipe Pts T V D 3–0 3–1 3–2 2–3 1–3 0–3 V P R V P R
1 Bandeira do Brasil Brasil 12 4 4 0 3 1 0 0 0 0 12 1 12,000 324 250 1.296
2 Bandeira da Argentina Argentina 9 4 3 1 2 1 0 0 1 0 10 4 2.500 325 292 1.113
3 Bandeira do Chile Chile 6 4 2 2 1 1 0 0 1 1 7 7 1,000 315 308 1.023
4 Bandeira da Colômbia Colômbia 3 4 1 3 0 1 0 0 1 2 4 10 0.400 296 324 0.914
5 Bandeira do Peru Peru 0 4 0 4 0 0 0 0 1 3 1 12 0.083 237 323 0.734


Rodada 1

Data Hora Placar Set 1 Set 2 Set 3 Set 4 Set 5 Total Relatório
1 set 16:30 Argentina Bandeira da Argentina 3–0 Bandeira da Colômbia Colômbia 25–20 25–19 25–17     75–56 Relatório
1 set 19:00 Brasil Bandeira do Brasil 3–0 Bandeira do Peru Peru 25–12 25–19 25–18     75–49 Relatório

Rodada 2

Data Hora Placar Set 1 Set 2 Set 3 Set 4 Set 5 Total Relatório
2 set 16:30 Chile Bandeira do Chile 3–0 Bandeira do Peru Peru 25–23 25–22 25–13     75–58 Relatório
2 set 19:00 Brasil Bandeira do Brasil 3–0 Bandeira da Colômbia Colômbia 25–20 25–22 25–21     75–63 Relatório

Rodada 3

Data Hora Placar Set 1 Set 2 Set 3 Set 4 Set 5 Total Relatório
3 set 16:30 Peru Bandeira do Peru 0–3 Bandeira da Argentina Argentina 20–25 21–25 12–25     53–75 Relatório
3 set 19:00 Brasil Bandeira do Brasil 3–0 Bandeira do Chile Chile 25–22 25–18 25–19     75–59 Relatório

Rodada 4

Data Hora Placar Set 1 Set 2 Set 3 Set 4 Set 5 Total Relatório
4 set 10:00 Argentina Bandeira da Argentina 3–1 Bandeira do Chile Chile 25–16 21–25 25–21 25–22   96–84 Relatório
4 set 13:00 Colômbia Bandeira da Colômbia 3–1 Bandeira do Peru Peru 25–21 25–16 23–25 25–15   98–77 Relatório

Rodada 5

Data Hora Placar Set 1 Set 2 Set 3 Set 4 Set 5 Total Relatório
5 set 10:00 Brasil Bandeira do Brasil 3–1 Bandeira da Argentina Argentina 25–17 24–26 25–18 25–18   99–79 Relatório
5 set 13:00 Colômbia Bandeira da Colômbia 1–3 Bandeira do Chile Chile 25–22 17–25 22–25 15–25   79–97 Relatório

Classificação final[editar | editar código-fonte]