Campeonato de Fórmula Truck de 2005

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Campeonato de Fórmula Truck de 2005
Dados gerais
Edição 11ª
Organizador Confederação Brasileira de Automobilismo
Data de início 13 de março de 2005
Data de encerramento 11 de dezembro de 2005
Dados estatísticos
Corridas 9
Pilotos participantes 29
Escuderias participantes 18
Piloto campeão(ã) Paraná Wellington Cirino (ABF Mercedes-Benz)
Cronologia
2004 2005 2006

O Campeonato de Fórmula Truck de 2005 foi a décima primeira edição do campeonato organizado pela Fórmula Truck no Brasil durante o ano de 2005, com provas originalmente programadas para nove autódromos em sete estados do país.[1]

O campeão de 2005 foi o piloto paranaense Wellington Cirino da equipe ABF Mercedes-Benz, mesmo tendo participado de três corridas a menos em virtude de um acidente. Wellington se tornou o primeiro tricampeão da categoria.

A temporada acabou marcada pelo grave acidente na largada da etapa de Campo Grande - MS que levou ao cancelamento da prova.

Pilotos e equipes[editar | editar código-fonte]

Equipe Marca Piloto (s) Etapa(s)[2]
ABF Mercedes-Benz Mercedes-Benz 3 Brasil Geraldo Piquet 1-4, 9
3 Brasil Heber Borlenghi 5–6
6 Brasil Wellington Cirino 1-5, 8-9
ABF Pacaembu Team

ABF Mercalf Competições

Mercedes-Benz 10 Brasil Vignaldo Fizio Todas
21 Brasil José Cangueiro Todas
ABF Volvo Volvo 5 Brasil Fabiano Brito Todas
Boessio Competições Iveco 77 Brasil Adilson Cajurú 3-5, 8-9
Clay Truck Scania 14 Brasil João Maistro Todas
DB Race Truck Volvo 11 Brasil Diumar Bueno Todas
DF Motorsport Ford 1 Brasil Beto Monteiro Todas
51 Brasil José Maria Reis 1-6, 8-9
71 Brasil Daniel Gianfratti Todas
72 Brasil Djalma Fogaça Todas
Fleck Motorsport Volvo 12 Brasil Jorge Fleck 1-2
Forza Motorsport Iveco 19 Brasil Fabiano Sperafico 1
Londrina Truck Racing Ford 2 Brasil "Mad Macarrão" Todas
73 Brasil Leandro Totti Todas
Marinelli Competições Scania 50 Brasil Fred Marinelli Todas
Muffato Motorsport Scania 20 Brasil Pedro Muffato 2-9
RM Competições Volkswagen 7 Brasil Débora Rodrigues Todas
8 Brasil Jonatas Borlenghi Todas
9 Brasil Renato Martins Todas
17 Brasil Beto Napolitano Todas
Roberval Motorsport Scania 360 Brasil Felipe Giaffone 2-3, 5-9
420 Brasil Roberval Andrade Todas
RTT2 Volvo 80 Brasil Vinicius Ramires 3-9
TRG Volvo 5 Brasil Herberto Heinen 1-6, 8-9
5 Brasil Tiago Grison 7
Zappellini Racing Volkswagen 22 Brasil Luiz Carlos Zappellini Todas

Notas[editar | editar código-fonte]

  • A equipe Forza Motorsport encerrou suas operações após a primeira etapa do ano, vendendo seus equipamentos paraRégis Boessio que, com a ajuda técnica da ABF, formou a Boessio Competições.
  • Jorge Fleck fechou sua equipe após a segunda etapa do ano por falta de orçamento para completar a temporada. Sem patrocínios, ele ainda tentou fazer um novo acordo com a Volvo, sua antiga apoiadora e fornecedora de peças, mas após o fracasso das negociações, vendeu seus equipamentos para o piloto Vinicius Ramires, que formou a RTT2.[3]
  • O tricampeão de Fórmula 1 Nélson Piquet foi anunciado no inicio da temporada como companheiro de equipe de Roberval Andrade na Roberval Motorsport, mas nunca chegou a correr.[4]
  • Heber Borlenghi substituiu Geraldo Piquet na equipe ABF por algumas provas, após Geraldo sofrer um rompimento nos ligamentos do joelho direito e quebrar a bacia em um acidente urbano.[5]
  • A equipe ABF chegou a ficar sem seus dois pilotos após o acidente de Wellington Cirino nos treinos de Londrina, decidindo por se ausentar da prova de Curitiba, uma vez que Heber Borlenghi, até então o único piloto representante da equipe, destruiu seu caminhão no engavetamento de Campo Grande.
  • José Maria Reis não participou da prova em Curitiba em decorrência dos ferimentos sofrido no acidente em Campo Grande.[6]

Calendário[editar | editar código-fonte]

Data Estado Cidade Circuito Vencedor
13 de Março Bandeira de Pernambuco.svg Pernambuco Caruaru Autódromo Internacional Ayrton Senna (Caruaru) Beto Napolitano[7]
10 de Abril Bandeira de Goiás.svg Goiás Goiânia Autódromo Internacional Ayrton Senna (Goiânia) Wellington Cirino[8]
15 de Maio Bandeira do Estado de São Paulo.svg São Paulo São Paulo Autódromo de Interlagos Leandro Totti[9]
5 de Junho Bandeira do Rio Grande do Sul.svg Rio Grande do Sul Guaporé Autódromo Internacional de Guaporé Wellington Cirino[10]
10 de Julho Bandeira do Paraná.svg Paraná Londrina Autódromo Internacional Ayrton Senna (Londrina) Roberval Andrade[11]
7 de Agosto Bandeira de Mato Grosso do Sul.svg Mato Grosso do Sul Campo Grande Autódromo Internacional Orlando Moura Etapa cancelada[12]
18 de Setembro Bandeira do Paraná.svg Paraná Pinhais Autódromo Internacional de Curitiba Luiz Carlos Zappellini[13]
6 de Novembro Bandeira do Rio Grande do Sul.svg Rio Grande do Sul Viamão Autódromo Internacional de Tarumã Roberval Andrade[14]
11 de Dezembro Bandeira do Distrito Federal (Brasil).svg Distrito Federal Brasília Autódromo Internacional Nelson Piquet Roberval Andrade[15]

Referências

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Campeonato de Fórmula Truck de 2005