Campeonato de Futebol Fazendão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: "Fazendão=" redireciona para este artigo. Este artigo é sobre Competição esportiva. Para outros significados, veja Campeonato de Futebol.
Campeonato de Futebol Amador Fazendão
Logomarca Fazendão 2021.jpg

Logomarca atual
Dados gerais
Organização Secretaria de Esporte e Juventude (SEJUV)
Edições 35
Outros nomes O Campeonato Mais Charmoso da Região

A Libertadores do Sertão

Local de disputa Flag of Forquilha (Ceará).jpg Forquilha-CE
Sistema Grupos e Eliminatórias
Divisões
1º Quadro

2º Quadro

editar

Campeonato de Futebol Fazendão, mais conhecido como Fazendão é um campeonato de futebol amador, disputado na zona rural do município de Forquilha-CE, realizado anualmente pela Secretaria de Esporte e Juventude (SEJUV) em parceria com a Prefeitura Municipal de Forquilha/CE.

História[editar | editar código-fonte]

Criado no ano de 1986, com objetivo de incentivar as práticas futebolisticas entre as comunidades do interior forquilhense. O nome Fazendão foi dado pelo saudoso Manuel Juarez de Siqueira considerado "o pai do esporte forquilhense", o mesmo teve a honra de ser nomeado o primeiro secretário de esporte do recém emancipado município. Esse sugestivo nome, faz alusão as muitas fazendas que foram instaladas na região, ou seja, as primeiras formas de ocupação do terriotório forquilhense, se deu com a exploração da pecuária e agricultura que no final do século XVIII, predominava no semiárido cearense. De acordo com Vasconcelos (1983) "Podemos dizer que os primeiros colonizadores, isto é, aqueles que começaram a trazer para região forquilhense a civilização e o progresso, em primeiro lugar foi o português Diogo Henrique de Siqueira, que no século XVIII fixou-se onde é hoje a Fazenda Andreza."[1]

Entrega Taça Fazendão de 1991
Capitão Nenem (Grêmio) e Seu Moacir (seu pai) - Entrega Taça Fazendão de 1991, ao centro ex-prefeito Raimundo Azevedo Prado[2]

Portanto, as fazendas prosperaram, e em seguida, a vila Forquilha que posteriormente contribuiu para o o surgimento de outras localidades, como: Campo Novo, Oficina, Trapiá, Salgado dos Mendes, Caraúno, Cacimbinha, Rasteira, São Lourenço, Pocinhos, Cajazeiras, Ingá, Sabonete, Tamanduá, Juazeiro, Andreza, Xique-Xique, Setor I, II e III, Cajazeiras, Cachoeira dos Louretos e Cachoeiras das Moças, Oriente entre outras.

A competição é realizada anualmente entre os meses de setembro a dezembro, período de longa estiagem no semiárido brasileiro, considerado momento ideal para a realização dos jogos em campo de terra batida, além do mais, é a melhor época do ano para o deslocamento nas estradas vicinais do município, facilitando o acesso aos locais das partidas.

Forma de disputa[editar | editar código-fonte]

O campeonato é disputado em duas categorias: 1º e 2º Quadros. O primeiro representa o time principal de cada comunidade, já o 2º Quadro, onde é dispudado os jogos das equipes aspirantes, uma categoria, recheada de jovens promessas.

A forma de disputa se dá em duas fases: a primeira divida em 4 grupos de 4 equipes que disputam entre si dentro do mesmo grupo, jogos de ida e volta, qualificam-se para a próxima fase as duas melhores classificadas. Na etapa seguinte as equipes formam um chaveamento no sistema de play-off, novamente em jogos de ida e volta, para decidir os finalistas.

O resgate do Fazendão[editar | editar código-fonte]

A SEJUV com todo apoio do poder executivo municipal criou a Copa dos Campeões Forquilhense de Futebol, realizada em 2008, a competição era disputada entre o Campeão do Fazendão versus Campeão do Campeonato Forquilhense do ano anterior, em jogo único, o vencedor garantia o título de Campeão dos Campeões, infelizmente tivemos apenas uma edição.

Com o sucesso da Copa dos Campeões, a SEJUV teve a iniciativa de criar a Copa Forquilha de Futebol (2008-2011), esta nova competição unificaria o Campeonato Fazendão de Futebol junto ao Campeonato Forquilhense de Futebol, criando apenas uma competição, trazendo como o grande diferencial os confrontos entre as equipes da sede x interior.

A medida não foi bem aceita, e a partir daí, o Fazendão começava a perder sua identidade, outro fator determinante que contribuiu para o enfraquecimento do torneio, foi a crise política municipal. Em meados de 2012, ano pleito eleitoral, a SEJUV cumprindo determinação do governo municipal decidiu não realizar a competição daquele ano, alegando vários fatores que impossibilitava promover o famoso campeonato, com isso o grupo de oposição política de Forquilha, utilizou deste impecilho e usou como promessa de campanha O Resgate do Fazendão, visto a importãncia desta competição para os desportistas forquilhense. A mobilização foi tamanha que não deu outra, o grupo político opositor de maneira surpreendente vence a disputa eleitoral.

CAMPEÃO DOS CAMPEÕES FORQUILHENSE DE FUTEBOL
ANO CAMPEÃO DO CAMPEONATO FAZENDÃO (2007) PLACAR CAMPEÃO DO CAMPEONATO FORQUILHENSE (2007)
2008 Ceará - Rasteira 2X2

Pênaltis (4x3)

Real Madrid - Forquilha
CEARÁ - RASTEIRA CAMPEÃO DOS CAMPEÕES
Papa Títulos
Goleiro Tarcísio do Moacir e o presidente Seu Mundico, os papa títulos do Fazendão 1988/89/90/91/92/1999 e 2001[3]

A partir deste episódio, a competição transformou-se numa vitrine política, foi então que logo no primeiro ano da nova administração municipal (2013-2016), teve a incubência de resgatar a Libertadores do Sertão, com isso o campeonato voltava a ser disputado, consolidado com uma boa organização. Nesse ínterim a SEJUV deu maior notoriedade ao torneio, aumentou os investimentos em estrutura e consequantemente elevou a premiação, desse modo o Fazendão passava a ser a competição mais desejada pelos desportitas amadores da região norte do Estado do Ceará. A saber, o Fazendão é popularmente conhecido como o campeonato mais charmoso da região. Para Sillas Cavalcante "O Fazendão de berço é o reencontro das localidades de nossa cidade, é a festa mais bonita e empolgante do interior forquilhense, é considerado o verdadeiro futebol raiz." [4]

Momentos marcantes[editar | editar código-fonte]

Na decisão do Campeonato Fazendão de 2017, entre as equipes de Internacional-Ingá x Vasco-Pocinhos, tivemos a ilustre presença do ex-futebolista Ronaldo Angelim[5], campeão brasileiro com o Flamengo em 2009. Além do Magro de aço, outros ex- atletas também vieram prestigiar o certame, como os jogagores: Bechara e o baixinho Clodoaldo ambos ídolos vestindo a camisa do Fortaleza EC.

Em 2021, já na gestão do prefeito Ednardo Rodrigues (PDT), o chefe do executivo utilizando de suas prerrogativas nomeou como Secretário de Esportes e Juventude o Sr. Domício Filho, onde o mesmo, com muita sabedoria conseguiu organizar o campeonato daquele ano, muitos davam como cancelado o torneio, devido as muitas dificuldade economicas, financeiras e sanitárias motivado pela pandemia do SARS-CoV-2 (COVID-19) ter sido muito cruel com a população forquilhense, com longa pausas e falta de datas a decisão foi adiada para o ano seguinte. Já em 2022, seguindo todos os protocolos de segurança e com grande parte da população imunizada, foi possível realizar a fase final da competição; um grande público acompanhou a decisão do certame, realizado na localidade de Bom Lugar, entre as equipes de Ceará de Rasteira x Flamengo do São Lourenço. Foi umas das maiores festas do futebol amador. Essa edição ficou conhecida como A Maior Final de Todos os Tempos, motivado pela grande rivalidade histórica entre as duas agremiações, com um público estimado em mais de 5 mil torcedores, a Secretaria de Esporte e Juventude, juntamente com a Secretaria de Cultura e Turismo com o apoio da Prefeitura Municipal montou uma estrutura impecável, palco e som de grande porte, nunca visto no futebol amador. Segundo o radialista esportivo Jota Carlos "O que chamou atenção foi a estrutura montada no evento jamais vista no município[6]", no mesmo dia foi realizado a escolha da Musa do Fazendão, para completar a transmissão da partida foi realizada ao vivo pelo Canal da Prefeitura de Forquilha na plataforma do Youtube, nessa ocasião possibilitou que os amantes desta competição pudessem acompanhar a final do Mais Chamorso.

Ceará - Rasteira bi-campeão 2021
Ceará - Rasteira bi-campeão 2021[7]
Inter Brasil penta campeão 1987,1998, 2005, 2009 e 2020
Inter Brasil conquista o penta-campeonato em 2020[8]
Ceará - Oriente sagra-se campeão em 2018[9]
Internacional - Ingá conquista o tricampeonato em 2017[10]
Fortaleza - Sobrital é tetra-campeão na edição 2016[11]
tricampeão 2004/2011/2015
Vasco - Pocinhos tricampeão em 2015[12]
Fluminense - Várzea da Cobra tricampeão em 2010[13]
Fazendão de 1995
Flamengo - Tamanduá campeão 1995[14]
Fazendão 1986
Fluminense - Várzea da Cobra (1986) - Primeiro Campeão do Fazendão[15]

Campeões[editar | editar código-fonte]

ANO DIVISÃO CAMPEÃO PLACAR VICE-CAMPEÃO
2022 1º Quadro
2° Quadro
2021

Detalhes

1º Quadro Ceará - Rasteira 2x1 - 4x0 Flamengo - São Lourenço
2º Quadro Ceará - Oriente 0x0 - 1x0 Vitória - Oficina
2020 1º Quadro Inter Brasil - Salgado dos Mendes 1x0 Ceará - Rasteira
2º Quadro São Caetano - Cacimbinha 2x1 Força Jovem - Pedra Branca
2019 1º Quadro Internacional - Ingá 1x0 Cruzeiro - Caiçara
2º Quadro Flamengo - Juazeiro 0x1 - 1x0

Pênaltis (2x1)

Ceará - Oriente
2018 1º Quadro Ceará - Oriente 0x0 - 1x0 Cruzeiro - Caiçara
2º Quadro Inter Brasil - Salgado dos Mendes 2x0 Flamengo - Juazeiro
2017 1º Quadro Internacional - Ingá 1x1 - 1x0 Vasco - Pocinhos
2º Quadro Flamengo - São Lourenço 1x1 - 2x0 Fortaleza - Sobrital
2016 1º Quadro Fortaleza - Sobrital 1x0 Flamengo - Ubá
2º Quadro Vasco - Pocinhos 0x0

Pênaltis (5x3)

Flamengo - Sâo Lourenço
2015 1º Quadro Vasco - Pocinhos 0x1 - 1x0

Penaltis 4x3

Fortaleza - Caraúno
2º Quadro Flamengo - São Lourenço Inter Brasil - Salgado dos Mendes
2014 1º Quadro Internacional - Ingá 1x1 - 1x1

Pênaltis 4x3

Inter Brasil - Salgado dos Mendes
2º Quadro Internacional - Ingá 1x0 Fluminense - Várzea da Cobra
2013 1º Quadro Internacional - Ingá 1x0 - 1x2

Penaltis 5x4

Ceará - Rasteira
2º Quadro Grêmio - Campo Novo 2x1 - 1x1 Vitória - Oficina
2012 Não houve
2011 1º Quadro Vasco - Pocinhos Flamengo - São Lourenço
2º Quadro Inter Brasil - Salgado dos Mendes Grêmio - Campo Novo
2010 1º Quadro Fluminense - Várzea da Cobra 1x0 Morro da Velha FC - Forquilha
2º Quadro Vasco - Pocinhos
2009 1º Quadro Inter Brasil - Salgado dos Mendes Flamengo - Ubá
2º Quadro Vasco - Pocinhos
2008 1º Quadro Real Madrid - Forquilha
2º Quadro Vasco - Pocinhos
COPA FORQUILHA 2008 a 2011
2007 1º Quadro Ceará - Rasteira 2x0 - 1x0 Flamengo - São Lourenço
2006 1º Quadro Fortaleza - Sobrital 2x1 Vasco - Pocinhos
2005 1º Quadro Inter Brasil - Salgado dos Mendes) Ceará - Rasteira
2º Quadro Ceará - Rasteira Fortaleza - Sobrital
2004 1º Quadro Vasco - Pocinhos Ceará - Rasteira
2º Quadro Ceará - Rasteira
2003 1º Quadro Flamengo - São Lourenço Palmeiras - Setor II
2º Quadro Inter Brasil - Salgado dos Mendes Flamengo - São Lourenço
2002 1º Quadro Flamengo - São Lourenço Ceará - Rasteira
2º Quadro Fluminense - Várzea da Cobra Fortaleza - Sobrital
2001 1º Quadro Grêmio - Campo Novo Fortaleza - Trapiá
2000 1º Quadro Fluminense - Várzea da Cobra² 3x3 Ceará - Rasteira
1999 1º Quadro Grêmio - Campo Novo Ceara - Rasteira
1998 1º Quadro Inter Brasil - Salgado dos Mendes Fortaleza - Sobrital
1997 1º Quadro Fortaleza - Sobrital Ceará - Rasteira
2º Quadro Ceará - Rasteira Fortaleza - Sobrital
1996 1º Quadro Portuguesa - Andreza Fortaleza - Sobrital
1995 1º Quadro Flamengo - Tamanduá Ceará - Rasteira
1994 1º Quadro Fortaleza - Sobrital Flamengo - Tamanduá
1993 1º Quadro Fortaleza - Trapiá
1992 1º Quadro Grêmio - Campo Novo
1991 1º Quadro Grêmio - Campo Novo
1990 1º Quadro Grêmio - Campo Novo Flamengo - São Lourenço
1989 1º Quadro Grêmio - Campo Novo
1988 1º Quadro Grêmio - Campo Novo Triangular¹ Fluminense - Xique-Xique
1987 1º Quadro Inter Brasil - Salgado dos Mendes Fluminense - Várzea da Cobra
1986 1º Quadro Fluminense - Várzea da Cobra Inter Brasil - Salgado dos Mendes
¹Campeão no Saldo de Gols: (Gre 6x0 Flu; Gre 1x1 For; Flu1x0 For)

²Vantagem do empate

Por equipe[editar | editar código-fonte]

Categoria Principal (1º Quadro)
Equipe Localidade Campeão Vice-campeão
Grêmio Campo Novo 7 (1988,1989,1990,1991,1992, 1999 e 2001) 0
Inter Brasil Salgado dos Mendes 5 (1987, 1998, 2005, 2009 e 2020) 2 (1986 e 2014)
Internacional Ingá 4 (2013, 2014, 2017 e 2019) 0
Fortaleza Sobrital 4 (1994, 1997, 2006 e 2016) 2 (1996 e 1998)
Vasco Pocinhos 3 (2004, 2011 e 2015) 2 (2006 e 2017)
Fluminense Várzea da Cobra 3 (1986, 2000 e 2010) 1 (1987)
Ceará Rasteira 2 (2007 e 2021) 9 (1995, 1997, 1999, 2000, 2002, 2004, 2005, 2013 e 2020)
Flamengo São Lourenço 2 (2002 e 2003) 4 (1990, 2007, 2011 e 2021)
Fortaleza Trapiá 1 (1993) 1 (2001)
Flamengo Tamanduá 1 (1995) 1 (1994)
Portuguesa Andreza 1 (1996)
Ceará Oriente 1 (2018)
Real Madrid Forquilha 1 (2008)
Cruzeiro Caiçara 0 2 (2018 e 2019)
Flamengo Ubá 0 2 (2009 e 2016)
Fortaleza Caraúno 0 1 (2015)
Fluminense Xique-Xique 0 1 (1988)
Palmeiras Setor II 0 1 (2003)
Morro da Velha Forquilha 0 1 (2010)
Categoria Aspirante (2º Quadro)
Equipe Localidade Campeão Vice-campeão
Vasco Pocinhos 4 (2008, 2009, 2010 e 2016)
Inter Brasil Salgado dos Mendes 4 (????, 2003, 2011 e 2018 1 (2015)
Ceará Rasteira 3 (1997, 2004 e 2005) 0
Flamengo São Lourenço 2 (2015 e 2017) 2 (2003 e 2016)
Ceará Oriente 1 (2021) 1 (2019)
São Caetano Cacimbinha 1 (2020)
Flamengo Juazeiro 1 (2019) 1 (2018)
Internacional Ingá 1 (2014)
Grêmio Campo Novo 1 (2013) 1 (2011)
Fluminense Várzea da Cobra 1 (2002) 1 (2014)
Fortaleza Sobrital ? 4 (1997, 2002, 2005 e 2017)
Vitória Guedes Oficina 0 2 (2013 e 2021)
Força Jovem Pedra Branca 0 1 (2020)

Musa do Fazendão[editar | editar código-fonte]

Na edição de 2021, foi realizado o I Concurso Musa do Fazendão, sendo mais uma inovação para o prestigiado campeonato, estiveram participando as respresentante de várias equipes, onde a escolha da mais bela aconteceu na grande decisão, através de uma votação que acorreu no instagram da Secretaria de Esporte e Juventude, a novidade trouxe uma enorme mobilização nas redes sociais, a disputa bastante acirrada, no final internautas e jurados elegeram como a grande vencedora a representante do Fortaleza (Caraúno) Layla Cavalcante como a Musa do Fazendão 2021. Abaixo a lista das participantes:

Layla Cavalcante - Fortaleza (Caraúno) - Eleita a musa do Fazendão 2021.

  • Cíntia Fernandes - Rasteira FC (Rasteira)
  • Rayla Rodrigues - Ceará (Rasteira)
  • Fabricia Oliveira - Flamengo (Ubá)
  • Beatriz Caxias - Flamengo (São Lourenço)
  • Gabriela Sousa - Grêmio (Campo Novo)
  • Cíntia Vasconcelos - Fortaleza (Sobrital)
  • Flávia Melo - Fluminense (Várzea da Cobra)
  • Ana Julia - Cruzeiro (Caiçara)
  • Flávia Monção - Vitória (Oficina)
  • Yasmin de Vasconcelos - Vasco de (Pocinhos)

Transmissão[editar | editar código-fonte]

Os jogos são transmitidos pelas rádios locais: Rádio Forquilha FM 98,7 MHz, Rádio Pioneira AM 830 kHz, Rádio Educadora FM 107,5 Sobral-CE e também através das mídias da Prefeitura de Forquilha no Youtube, Facebook e instagram, sempre aos sábados e domingos a partir das 16h.

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. VASCONCELOS, Abelardo (1983). Forquilha: origem e evolução. Fortaleza: Editora Editel. p. 30 
  2. PAIVA, Tony (1 de setembro de 2019). «Recordar nosso futebol amador». Facebook: Bola na rede com Tony Paiva. Consultado em 4 de março de 2022. [01/09/2019 Cópia arquivada em 1 de setembro de 2019] Verifique valor |arquivourl= (ajuda) 
  3. CARLOS, Jota (7 de setembro de 2021). «Conheça aqui o goleiro mais vezes campeão do Fazendão por uma única agremiação». Facebook: Futebol Amador de Forquilhla e Região. Consultado em 4 de março de 2022. Cópia arquivada em 7 de setembro de 2021 
  4. CAVALCANTE, Sillas (17 de dezembro de 2018). «Dois jogos e uma grande final marcaram o encerramento do Fazendão 2018». Prefeitura de Forquilha-CE. Consultado em 10 de fevereiro de 2022. Cópia arquivada em 17 de dezembro de 2018 
  5. TAPERUABA, Notícias (17 de dezembro de 2017). «Ronaldo Angelim estará hoje (17), em Taperuaba». https://www.taperuabanoticias.com.br/. Consultado em 19 de fevereiro de 2022. Cópia arquivada em 17 de dezembro de 2017 
  6. CARLOS, Jota (7 de fevereiro de 2022). «Prefeito de Forquilha Edinardo Filho e o vice Dr Abdias marcam história». Futebol Amador Forquilha e Região. Consultado em 3 de março de 2022. Cópia arquivada em 7 de fevereiro de 2022 
  7. FORQUILHA, Prefeitura (31 de janeiro de 2022). «Confiram os nossos registros do 1º jogo da grande Final do maior campeonato Fazendão da história de Forquilha». https://www.facebook.com/prefeituradeforquilha/. Consultado em 25 de março de 2022. Cópia arquivada em 31 de janeiro de 2022  line feed character character in |titulo= at position 35 (ajuda)
  8. «Facebook». www.facebook.com. Consultado em 26 de março de 2022 
  9. Amadorismo, Site O. «Ceará do Oriente é Campeão do Campeonato Fazendão de Forquilha 2018». Site do Julio Sousa | O Amadorismo | O Portal do futebol amador na net. Consultado em 5 de março de 2022 
  10. FC, Amador (18 de dezembro de 2017). «Internacional de Ingá e tri-campeão do campeonato Fazendão Forquilha». Amador Futebol Clube. Consultado em 5 de março de 2022 
  11. OLIVEIRA, Fabiano (28 de novembro de 2016). «Facebook». www.facebook.com. Consultado em 5 de março de 2022. Cópia arquivada em 28 de novembro de 2016 
  12. FACEBOOK, Vasco de Pocinhos (28 de dezembro de 2015). «Tri Campeão- 2004-2011-2015». https://www.facebook.com/ledalira95. Consultado em 5 de março de 2022. Cópia arquivada em 28 de dezembro de 2015 
  13. PAIVA, Tony (1 de agosto de 2020). «Facebook». https://www.facebook.com/Bolanaredeg. Consultado em 5 de março de 2022. Cópia arquivada em 1 de agosto de 2020 
  14. «Radialista Tony Paiva». www.facebook.com. Consultado em 23 de março de 2022 
  15. «Radialista Tony Paiva». www.facebook.com. Consultado em 23 de março de 2022 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Prefeitura de Forquilha no YouTube

Prefeitura de Forquilha no Facebook

Prefeitura de Forquilha no Instagram