Campos de Júlio

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Campos de Júlio
Bandeira de Campos de Júlio
Brasão de Campos de Júlio
Bandeira Brasão
Hino
Aniversário 28 de novembro
Fundação 28 de novembro de 1994
Gentílico camposjuliense
Prefeito(a) José Odil da Silva (PP)
(2017–2020)
Localização
Localização de Campos de Júlio
Localização de Campos de Júlio no Mato Grosso
Campos de Júlio está localizado em: Brasil
Campos de Júlio
Localização de Campos de Júlio no Brasil
13° 53' 56" S 59° 08' 52" O13° 53' 56" S 59° 08' 52" O
Unidade federativa  Mato Grosso
Mesorregião Mesorregião do Norte Mato-grossense IBGE/2008[1]
Microrregião Parecis IBGE/2008[1]
Municípios limítrofes Sapezal, Comodoro, Nova Lacerda, Tangará da Serra, Conquista do Oeste
Distância até a capital 520 km
Características geográficas
Área 6 804,577 km² [2]
População 5 019 hab. Censo IBGE/2010[3]
Densidade 0,74 hab./km²
Altitude 600 m
Clima tropical
Fuso horário UTC−4
Indicadores
IDH-M 0,744 elevado PNUD/2010 [4]
Gini 0,620 est. PNUD 2010[5]
PIB R$ 645 640,220 mil IBGE/2008[6]
PIB per capita R$ 128 870,30 IBGE/2008[6]
Página oficial

Campos de Júlio é um município brasileiro do estado de Mato Grosso e um dos principais produtores de grãos deste estado.

Geografia[editar | editar código-fonte]

Rio Juina - Campos de Júlio -MT

Localiza-se a uma latitude 13º53'58" sul e a uma longitude 59º08'51" oeste, estando a uma altitude de 650 metros. Sua população estimada em 2010 era de 5 124 habitantes. O município foi criado em 1994, tendo sua área territorial desmembrada de Comodoro.

É limitado a oeste pelos municípios de Nova Lacerda e Comodoro, a sul por Conquista do Oeste e a leste por Tangará da Serra e Sapezal.

Possui uma área de 6804,577km².

História[editar | editar código-fonte]

O nome no município é uma homenagem ao coronel latifundiário Júlio José de Campos, e uma alusão à singularidade dos campos que abrangem o território do município. Uma topografia plana, bonita com terras férteis e próprias ao cultivo da soja. Antes de ser colonizada, esta área foi povoada pelos índios Nambikwára e pelos Enawenê-nawê, que ainda consideram como sagrado parte deste território, por seus antepassados terem vivido nesta região.

Quando surgiu a ideia de se colonizar a região que compreende atualmente o município de Campos de Júlio, quem governava Mato Grosso era Júlio José de Campos, tradicional político mato-grossense que já foi prefeito municipal em Várzea Grande, deputado federal por duas vezes e senador.

O início da colonização deu-se através da atuação de Valdir Massuti, que trouxe à região dezenas de famílias sulistas. Formou-se um povoado, tendo a sua volta milhares de hectares de plantações de soja, a economia que sustenta a região.

A Lei Estadual nº 5.000, de 13 de maio de 1986, criou o distrito de Campos de Júlio, sancionada pelo governador Júlio José de Campos. A Lei Estadual nº nº 6.561, de 28 de novembro de 1994, criou o município de Campos de Júlio.[7]

IDH[editar | editar código-fonte]

O Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) de Campos de Júlio é 0,744, em 2010. O município está situado na faixa de Desenvolvimento Humano Alto (IDHM entre 0,700 e 0,799). Entre 2000 e 2010, a dimensão que mais cresceu em termos absolutos foi Educação (com crescimento de 0,158), seguida por Renda e por Longevidade. Entre 1991 e 2000, a dimensão que mais cresceu em termos absolutos foi Educação (com crescimento de 0,241), seguida por Renda e por Longevidade.

Evolução[editar | editar código-fonte]

Entre 2000 e 2010

O IDHM passou de 0,636 em 2000 para 0,744 em 2010 - uma taxa de crescimento de 16,98%. O hiato de desenvolvimento humano, ou seja, a distância entre o IDHM do município e o limite máximo do índice, que é 1, foi reduzido em 29,67% entre 2000 e 2010.

Entre 1991 e 2000

O IDHM passou de 0,460 em 1991 para 0,636 em 2000 - uma taxa de crescimento de 38,26%. O hiato de desenvolvimento humano, ou seja, a distância entre o IDHM do município e o limite máximo do índice, que é 1, foi reduzido em 32,59% entre 1991 e 2000.

Entre 1991 e 2010

Campos de Júlio teve um incremento no seu IDHM de 61,74% nas últimas duas décadas, acima da média de crescimento nacional (47,46%) e acima da média de crescimento estadual (61,47%). O hiato de desenvolvimento Humano, ou seja, a distância entre o IDHM do município e o limite máximo do índice, que é 1, foi reduzido em 52,59% entre 1991 e 2010.

Ranking[editar | editar código-fonte]

Campos de Júlio ocupa a 667ª posição, em 2010, em relação aos 5.565 municípios do Brasil, sendo que 666 (11,97%) municípios estão em situação melhor e 4.899 (88,03%) municípios estão em situação igual ou pior. Em relação aos 141 outros municípios de Mato Grosso, Campos de Júlio ocupa a 9ª posição, sendo que 8 (5,67%) municípios estão em situação melhor e 133 (94,33%) municípios estão em situação pior ou igual.[5]

Referências

  1. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  2. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 
  3. «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  4. [www.pnud.org.br/arquivos/ranking-idhm-2010.pdf «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil»] Verifique valor |url= (ajuda) (PDF). Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2010. Consultado em 09 de Agosto de 2013  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  5. a b PNUD. «Índice de Desenvolvimento Humano Municipal e seus componentes - Campos de Júlio - MT». Consultado em 09 de agosto de 2013  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  6. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010 
  7. João Carlos Vicente Ferreira. «História de Campos de Júlio». Consultado em 9 de agosto de 2013 
Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Mato Grosso é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.