Captain Marvel (filme)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Captain Marvel
Captain Marvel (Capitão Marvel) (PRT)
Capitã Marvel (BRA)
Pôster promocional
 Estados Unidos
2019 •  cor •  124 min 
Direção Anna Boden
Ryan Fleck
Produção Kevin Feige
Roteiro Meg LeFauve
Nicole Perlman
Geneva Robertson-Dworet
Liz Flahive
Carly Mensch
Anna Boden
Ryan Fleck
Baseado em Captain Marvel
de Stan Lee
e Gene Colan
Carol Danvers
de Roy Thomas
e Gene Colan
Elenco Brie Larson
Samuel L. Jackson
Ben Mendelsohn
Annette Bening
Jude Law
Lee Pace
Lashana Lynch
Gemma Chan
Clark Gregg
Djimon Hounsou
Gênero ação
aventura
Música Pinar Toprak
Cinematografia Ben Davis
Edição Elliot Graham
Debbie Berman
Companhia(s) produtora(s) Marvel Studios
Distribuição Walt Disney Studios Motion Pictures
Lançamento Portugal 6 de março de 2019
Brasil 7 de março de 2019
Estados Unidos 8 de março de 2019
Idioma inglês
Orçamento US$ 152 milhões
Receita US$ 1.128.274.794[1]
Site oficial
Página no IMDb (em inglês)

Captain Marvel (no Brasil, Capitã Marvel; em Portugal, Captain Marvel (Capitão Marvel)) é um filme estadunidense de super-herói de 2019, baseado na personagem Carol Danvers da Marvel Comics, produzido pela Marvel Studios e distribuído pela Walt Disney Studios Motion Pictures, sendo o vigésimo primeiro filme do Universo Cinematográfico Marvel. Dirigido por Anna Boden e Ryan Fleck, e escrito por Geneva Robertson-Dworet, é estrelado por Brie Larson, Samuel L. Jackson, Ben Mendelsohn, Djimon Hounsou, Lee Pace, Lashana Lynch, Gemma Chan, Algenis Perez Soto, Rune Temte, Mckenna Grace, Clark Gregg e Jude Law. Em 1995, a história segue Danvers quando ela se torna a Captain Marvel depois que a Terra é pego no centro de um conflito galáctico entre dois mundos alienígenas.

O desenvolvimento do filme começou em maio de 2013 e foi oficialmente anunciado em outubro de 2014, tornando-se o primeiro filme de super-herói liderado por mulheres da Marvel Studios. Nicole Perlman e Meg LeFauve foram contratadas como equipe de roteiristas no mês de abril seguinte, depois de apresentarem uma participação separada no personagem. A história toma emprestados elementos do arco de história "Guerra Kree-Skrull" (1971) do roteirista Roy Thomas.[2][3] Larson foi anunciado como Danvers na San Diego Comic-Con de 2016, com Boden e Fleck contratados para dirigir em abril de 2017. Robertson-Dworet logo assumiu as funções de script, com o restante do elenco adicionado no início das filmagens. A filmagem de locais começou em janeiro de 2018, com a fotografia principal começando em março na Califórnia antes de concluir em julho de 2018 na Louisiana. Jackson e Gregg - que, entre outros, reprisam seus papéis em filmes anteriores da MCU - foram digitalmente rejuvenescidos na pós-produção para refletir a ambientação do filme nos anos 90.

Captain Marvel teve sua estreia mundial em Londres em 27 de fevereiro de 2019, e foi lançada nos Estados Unidos em 8 de março de 2019, em IMAX e 3D. Os críticos o descreveram como "divertido, agradável e experiente" e elogiaram as performances de Larson, Jackson e Mendelsohn.[4] O filme arrecadou mais de US$ 1,1 bilhão em todo o mundo, tornando-se a terceira maior bilheteria de 2019. Atualmente, é a vigésima terceira maior bilheteria de todos os tempos.

Enredo[editar | editar código-fonte]

Em 1995, em Hala, capital do Império Kree localizada em um planeta de uma galáxia distante, Vers, uma mulher membro da Starforce, sofre de amnésia e pesadelos recorrentes envolvendo uma mulher mais velha. Yon-Rogg, seu mentor e comandante, treina-a para controlar suas habilidades, enquanto a Inteligência Suprema, que comanda artificialmente os Krees, ordena que ela mantenha suas emoções sob controle.

Durante uma missão para resgatar um agente disfarçado infiltrado num grupo de Skrulls, metamorfos alienígenas com quem os Kree estão em guerra, Vers é capturada pelo comandante inimigo, Talos. Uma sonda das memórias de Vers os leva à Terra; Vers escapa e cai em Los Angeles. Sua presença atrai os agentes da S.H.I.E.L.D., Nick Fury e Phil Coulson, cuja investigação é interrompida por um ataque dos Skrulls. Na perseguição que se segue, Vers recupera um cristal contendo suas memórias extraídas, enquanto Fury mata um Skrull que se passava por Coulson. Talos, disfarçado como o chefe de Fury, Keller, ordena que Fury trabalhe com Vers e fique de olho nela.

Usando suas memórias extraídas, Vers e Fury vão para a instalação do Projeto Pegasus em uma base da Força Aérea dos Estados Unidos. Eles descobrem que Vers foi uma piloto que foi dada como morta em 1989 enquanto testava um motor a jato experimental projetado pela Dra. Wendy Lawson, que Vers reconhece como a mulher de seus pesadelos. Depois que Fury informa à S.H.I.E.L.D. sobre sua localização, uma equipe liderada por Talos, disfarçado de Keller, chega. Fury descobre os poderes de Talos e ajuda Vers a escapar em um jato de carga com o gato que era pertencente à Dra. Lawson, Goose. Eles voam rumo à Louisiana para conhecer a ex-piloto Maria Rambeau, a última pessoa a ver Vers e Lawson vivas.

Rambeau e sua filha Monica revelam que Vers é Carol Danvers, que era uma amiga muito próxima de Maria antes de sua "morte". Talos, chegando desarmado, explica que os Skrulls são refugiados em busca de um novo lar e que Lawson se chamava Mar-Vell, uma renegada cientista Kree que estava ajudando os Skrulls na guerra contra os Kree. Talos toca uma gravação da caixa-preta recuperada do jato onde Lawson estava no dia de sua morte, fazendo com que Danvers se lembre do acidente: Lawson foi morta por Yon-Rogg para evitar que ela destruísse o motor antes que os Kree pudessem recuperá-lo; destruindo o motor, Danvers absorveu a energia da explosão, ganhando poderes, mas perdeu sua memória, sendo posteriormente "adotada" pelos Kree.

Danvers, Talos, Fury e Rambeau localizam o laboratório encoberto de Lawson orbitando a Terra, onde Lawson escondeu vários Skrulls, incluindo a família de Talos, e o tesseract, a fonte de energia do motor de Lawson. Lá, Danvers é capturado pela Starforce e interage com a Inteligência Suprema em seu inconsciente. Durante a conversa, Danvers remove o implante que os Kree havia lhe acoplado para suprimir seus poderes, permitindo que ela alcance todo o seu potencial. Na batalha subsequente, Fury recupera Goose, que é revelado ser um Flerken alienígena; Goose engole o tesseract antes de cegar o olho esquerdo de Fury com um arranhão. Danvers destrói um navio capital de Kree, forçando o oficial dos Kree Ronan, o Acusador e seu exército a se retirarem; posteriormente Danvers derrota Yon-Rogg numa luta na Terra e o manda de volta para Hala através de uma pequena nave, deixando uma advertência à Inteligência Suprema com ele.

Danvers parte para ajudar os Skrulls a encontrar um novo lar, deixando com Fury um pager modificado para contatá-la em uma emergência. Enquanto isso, Fury elabora uma iniciativa para localizar outros heróis como Danvers, batizando-a de "Avenger" após ver uma inscrição em um de seus aviões da época da Força Aérea em uma fotografia.

Em uma cena no meio dos créditos, ambientada nos dias atuais, o pager de Fury, que foi ativado logo após o estalar da manopla de Thanos, está sendo monitorado pelos Vingadores, até que Danvers aparece, perguntando onde Fury está. Na cena pós créditos, Goose sobe na mesa de Fury e cospe o tesseract.

Elenco[editar | editar código-fonte]

  • Brie Larson como Carol Danvers / Vers / Captain Marvel: Uma pilota da Força Aérea dos EUA, que é exposta a energia emanada de uma explosão de um motor experimental de tecnologia Kree, o que lhe concedeu poderes .[5][6] Larson descreveu Danvers como uma "crente na verdade e na justiça" e uma "ponte entre a Terra e o espaço. Ela está lutando entre as falhas que estão dentro dela e todo bem que ela quer tentar espalhar e tornar o mundo um lugar melhor".[7] O presidente da Marvel Studios, Kevin Feige, afirmou que Larson foi escalada porque tem a capacidade de equilibrar os vastos poderes da personagem com sua humanidade e falhas relatórias.[8] Larson estava inicialmente hesitante em aceitar o papel, mas "não podia negar o fato de que este filme é tudo o que me interessa, tudo o que é progressivo e importante e significativo, e um símbolo que eu desejei ter desenvolvido".[9] Em relação à preocupação de que Larson era muito jovem para retratar Danvers, uma hábil aviadora, a roteirista inicial Nicole Perlman consultou a Força Aérea, que disse que não estava fora do campo de possibilidade de alguém "ir muito longe" entre 28 e 34 anos.[10] Larson visitou a Base da Força Aérea de Nellis e reuniu-se com aviadores de serviço ativo para se preparar para o papel.[11]
  • Samuel L. Jackson como Nick Fury: Um agente da S.H.I.E.L.D.[12] Fury aparece sem o seu tapa-olho, já que o filme é ambientado na década de 1990, antes dele perder seu olho.[13]
  • Ben Mendelsohn[14]como Talos / Keller: General Skrull que está organizando a invasão da Terra. Seu disfarce é de um humano que trabalha na S.H.I.E.L.D.[15][16]
  • Annette Bening como Mar-Vell / Dra. Wendy Lawson / Inteligência Suprema.
  • Jude Law como Yon-Rogg, comandante da Star Force e principal antagonista do filme.
  • Lee Pace como Ronan, O Acusador.
  • Lashana Lynch como Maria Rambeau, pilota da Força Aérea dos EUA e melhor amiga de Carol.
  • Akira Akbar como Monica Rambeau, filha de Maria Rambeau.
  • Gemma Chan como Minn-Erva, uma atiradora de elite Kree membro da Star Force.[17][18]
  • Djimon Hounsou como Korath, membro da Star Force. Antes de se tornar um capanga de Ronan em Guardiões da Galáxia.
  • Algenis Perez Soto como Att-Lass, membro da Star Force.
  • Rune Temte como Bron-Char, membro da Star Force.
  • Clark Gregg como Phil Coulson, um agente novato da S.H.I.E.L.D.
  • Reggie, Gonzo, Archie e Rizzo como Goose, um Flerken em forma de gato.


Produção[editar | editar código-fonte]

Desenvolvimento[editar | editar código-fonte]

Em maio de 2013, um roteiro para a Ms. Marvel, um apelido de Carol Danvers usado nos quadrinhos antes dela assumir o manto de Captain Marvel, tinha sido escrito pela Marvel Studios.[19] O produtor Louis D'Esposito afirmou ainda naquele ano que o estúdio estava interessado em um filme de super-heróis dirigido por mulheres, dizendo que eles têm muitas "personagens femininas fortes" para escolher e sugeriu Captain Marvel, Viúva Negra, Pepper Potts ou Peggy Carter como possíveis candidatas.[20] Kevin Feige, presidente da Produção da Marvel Studios, disse que se a Marvel fosse fazer um filme liderado por mulheres, ele preferiria que fosse um personagem novo para o Universo Cinematográfico Marvel como a Captain Marvel, que poderia receber uma história de origem.[21] Em agosto de 2014, Feige afirmou que Pantera Negra e Captain Marvel eram "ambos os personagens que gostamos, que o trabalho de desenvolvimento foi feito e continua a ser feito" e que o estúdio é frequentemente perguntado sobre isso pelo público, "mais do que Homem de Ferro 4, mais do que Vingadores 3 ... Eu acho que é algo que devemos prestar atenção".[22]

Nós conversamos muito sobre arquétipos e sobre o que queremos que este filme seja sobre e apenas como escrever um super-herói feminino forte sem torná-lo Superman com peitos ... nós nos pegaremos e diremos: 'Espere um minuto, o que estamos dizendo [aqui] sobre as mulheres no poder? Então, temos que dizer: "Por que estamos ficando tão desligados nisso? Devemos apenas contar a melhor história e criar o melhor personagem." E então, temos essa constante de ida e volta sobre como contar uma história que é convincente, interessante, comovente, fuderosa e divertida, e também estar atento ao que essas maiores implicações podem ser.

Co-roteirista Nicole Perlman.[23]

Em outubro de 2014, a Feige anunciou que Captain Marvel seria lançado em 6 de julho de 2018 como parte da série de filmes da Fase 3 do estúdio,[24] tornando-se o primeiro filme da Marvel liderado por uma mulher.[25] Ele disse que o filme seria baseado na versão Carol Danvers do personagem e que o filme "está em andamento quase antes de Doutor Estranho ou os Guardiões da Galáxia darem certo, e uma das principais coisas era descobrir o que queríamos fazer com isso. Suas aventuras são muito terrestres, mas seus poderes estão baseados no reino cósmico."[24] Feige acrescentou que um escritor e diretor seria anunciado "bastante em breve", e as cineastas femininas estavam sendo consideradas, embora ele não pudesse prometer que a Marvel "contrataria qualquer pessoa".[26]

Em fevereiro de 2015, Marvel empurrou a data de lançamento para 2 de novembro de 2018.[27] No início de abril, Feige revelou que Captain Marvel apareceu em um rascunho inicial do roteiro de Vingadores: Era de Ultron, mas foi removido porque "não sentiu o tempo. Não queríamos apresentar seu vôo totalmente formado com um traje antes de saber quem ela era ou como ela veio a ser".[28] Ele também disse que a Marvel estaria pronta para anunciar escritores para o filme "esperançosamente na próxima semana ou duas",[29] e em meados de abril, a co-roteirista dos Guardiões da Galáxia, Nicole Perlman e a co-roteirista de Divertida Mente, Meg LeFauve, foram anunciadas para escrever o roteiro.[30] A dupla foi colocada como uma equipe de roteiristas depois de impressionar Feige com tomadas separadas sobre a personagem,[31] e começaram a trabalhar no filme dentro de um mês.[32] LeFauve descobriu que o personagem era um super-herói feminino para ser "maravilhoso" e um desafio, particularmente por causa do quão poderoso é o personagem, o que poderia levar à "maldição do Superman". "Qual é a sua vulnerabilidade?" é o que temos de descobrir."[33]

Em maio, a Marvel teve discussões com Ava DuVernay sobre dirigir Captain Marvel ou Pantera Negra,[34] que Feige confirmou um mês depois, dizendo que se encontrou com DuVernay entre vários outros diretores e esperava que uma decisão fosse tomada no meio do final de 2015.[35] Em setembro, Feige disse que o processo de elenco não começaria até 2016, porque "estamos escrevendo o filme, descobrindo quem queremos que Carol Danvers seja, e realmente qual será a estrutura do filme e qual será a sua parte em alguns dos nossos outros filmes da Fase 3". O produtor Jeremy Latcham elaborou que "conseguir o personagem certo primeiro vai liderar a investida. Queremos ter certeza de sabermos quem é antes de começar a descobrir quem deve interpretar." [36] Em outubro de 2015, Marvel mudou a data de lançamento mais uma vez, movendo-a de volta ao 8 de março de 2019.[37]

Brie Larson promovendo Captain Marvel na San Diego Comic-Con International em 2016

Feige afirmou em abril de 2016 que um diretor seria anunciado "no próximo mês ou dois" e que os primeiros membros do elenco seriam anunciados em meados de 2016. Ele também mencionou que o filme seria sobre a jornada de Carol Danvers para se tornar a Captain Marvel.[38] No mês seguinte, o nome da cineasta Emily Carmichael, apareceu como um possível concorrente para dirigir o filme,[39] e em junho, Brie Larson surgiu na liderança para interpretar a Captain Marvel.[40] Larson foi confirmada para o papel na San Diego Comic-Con International em 2016.[6] Também na Comic-Con, Feige disse que a busca de um diretor foi reduzida a "uma pequena lista de 10", e esperava poder anunciar a escolha "até o final do verão".[41] Perlman revelou em agosto que a história de origem do personagem tinha sido alterada para o filme devido a semelhanças com Lanterna Verde,[42] com Feige expandindo dizendo: "Eu acho que temos uma maneira muito legal e única de contar" sua história, centrada em Danvers encontrando nela limitações e vulnerabilidades; ele acrescentou que o personagem seria "de longe o personagem mais poderoso" nos filmes do UCM e seria um "personagem muito importante em nosso universo".[43]

Em outubro de 2016, Feige admitiu que o anúncio de um diretor estava levando mais tempo do que esperava anteriormente, e explicou que o estúdio estava aguardando "um pouco mais da história [a ser] definida" para que eles pudessem conversar com potenciais diretores sobre isto. Mais uma vez falando sobre a contratação de uma cineasta feminina para dirigir o filme, Feige disse que não achava que seria um requisito "fazer uma ótima versão de Captain Marvel, mas é algo que achamos importante", mesmo que o cineasta não faça não conheça muito sobre os quadrinhos, porque "eles só têm que se apaixonar por isso uma vez que eles são apresentados com ele. É incrível ver todos os cineastas lerem [o material de origem] e saberem: "Oh, uma mulher está escrevendo isso agora", falando em particular para a corrida de Kelly Sue DeConnick nos quadrinhos.[43] Feige esperava que um diretor fosse anunciado até o final de 2016;[44] No entanto, Perlman e LeFauve viraram um tratamento de roteiro em dezembro, promovendo reuniões adicionais com candidatos para diretor até o início de 2017.[45]

Em fevereiro de 2017, Perlman afirmou que, apesar de ela e LeFauve terem sido contratadas quase um ano antes, a dupla tinha recentemente recebido suas "ordens de marcha" para o roteiro, afirmando que uma das razões para o atraso era descobrir onde o filme caberia dentro do UCM. Perlman também discutiu a feminilidade do personagem, sentindo que era importante certificar-se de que ela não é "alguém que é um herói apesar de sua feminilidade ... ser uma mulher faz parte da força dela". Os escritores também eram considerados tropos que poderiam estar diminuindo para um personagem feminino, mas não para personagens masculinos, "coisas que você não pensaria duas vezes sobre Homem de Ferro, mas você pensaria duas vezes sobre a Captain Marvel".[10]

Pré-produção[editar | editar código-fonte]

A Marvel contratou Anna Boden e Ryan Fleck para dirigir Captain Marvel em abril de 2017, depois que a dupla impressionou Marvel "uma e outra vez" em inúmeras reuniões com sua visão para o personagem e por sua experiência trabalhando na televisão e no cinema.[46] Feige notou que ele e Marvel ficaram impressionados com a habilidade de Boden e Fleck de criar histórias dirigidas por personagens em todas as suas obras. Ele acrescentou: "As histórias que contaram foram tão diversas, mas, independentemente do assunto, eles podem mergulhar nela e aprimorar a jornada desse personagem". Em última análise, Feige sentiu, o filme "precisa ser sobre o personagem tridimensional, de várias camadas, Carol Danvers. Você deve ser capaz de rastreá-la e segui-la e se relacionar com ela em todos os pontos do filme, independentemente de quantos efeitos visuais e as naves espaciais e os bandidos estão preenchendo o quadro."[47] As filmagens estavam programadas para começar em janeiro de 2018, em Pinewood Atlanta Studios, no Condado de Fayette, na Geórgia,[48] mas Feige esperava que não começasse até fevereiro de 2018.[49]

Em julho de 2017, Samuel L. Jackson estava pronto para aparecer no filme, retomando seu papel como Nick Fury.[12] Na San Diego Comic-Con de 2017, Feige revelou que o filme aconteceria na década de 1990 e os Skrulls atuariam como vilões do filme, permitindo que apareçam elementos da história da "Guerra Kree-Skrull". Em resposta a este anúncio, Graeme McMillan, do The Hollywood Reporter, comparou o filme com Capitão América: O Primeiro Vingador e o filme do Universo Estendido DC, Mulher-Maravilha, já que também foram definidos décadas antes do presente. Ao estabelecer o filme na década de 1990, McMillan sentiu que criaria a questão de "o que aconteceu com a Captain Marvel para tirá-la do campo de jogo à frente dos filmes da Marvel que vimos até à data?", E observou que a história de Danvers poderia ecoa a "narrativa do Capitão América", onde "um herói do passado ... desaparece do mundo antes de ressurgir".[50] Também em julho, a Califórnia Film Commission concedeu um crédito fiscal de US$ 20,7 milhões para a produção,[51] indo para os primeiros US$ 100 milhões gastos em despesas qualificadas no estado,[52] tornando a Califórnia o principal local de filmagem para Captain Marvel. D'Esposito chamou isso de "muito emocionante", dado que a sede da Marvel Studios e as instalações de pós-produção também estão no estado, permitindo-lhes agilizar o processo de produção deste filme e outros.[51] A concessão do crédito fiscal dependia do início da filmagem dentro de 180 dias.[53]

Geneva Robertson-Dworet foi contratada pela Marvel até meados de agosto para assumir os deveres de script para Captain Marvel depois que LeFauve deixou o projeto para co-dirigir Gigantic para a Disney Animation.[54] Perlman confirmou sua partida do projeto e disse que a história que ela e LeFauve trabalharam em rascunhos anteriores seria mantida no roteiro final.[55] Robertson-Dworet descreveu o filme como uma comédia de ação e comparou seu roteiro com um inicial que escreveu para Tomb Raider (2018) antes que esse filme tomasse um tom mais dramático. Ela acrescentou que era importante para toda a equipe criativa manter os elementos cômicos do filme e a "voz muito engraçada" do personagem, já que Danvers é um dos personagens de quadrinhos mais engraçados. Ela é tão atrevida, ela é tão inteligente, ela não leva merda de ninguém." Robertson-Dworet também creditou Boden por ajudar a moldar a voz de Danvers no filme e o desejo de "esculpir nosso próprio caminho e garantir que não estávamos recauchutando o mesmo território [após o lançamento de Mulher-Maravilha] e mostrando todas as facetas do que as mulheres são capazes de".[56] Em outubro, a filmagem estava prevista para começar em março de 2018. Feige descreveu o filme como "uma grande parte da direção" do Vingadores: Ultimato, lançado após Captain Marvel, e concluindo a história contada durante as três primeiras fases da UCM.[57] Ben Mendelsohn entrou em negociações para se juntar ao filme como o principal vilão,[58] tendo anteriormente trabalhado com Boden e Fleck no filme Mississippi Grind. Eles tinham ele em mente para o vilão de Captain Marvel quando eles começaram a trabalhar na história deste filme, e uma vez que eles se encontraram com ele sobre o papel, Mendelsohn "rapidamente concordou em persegui-lo".[14] Em janeiro de 2018, DeWanda Wise foi lançado em um papel não revelado, e Mendelsohn e Law foram confirmados para serem lançados.[59]

Filmagens[editar | editar código-fonte]

As filmagens locais ocorreram no final de janeiro de 2018.[60][61] As fotos tiradas naquela época mostraram a Larson com um uniforme verde e preto em vez do traje vermelho e azul familiar do personagem. Feige respondeu dizendo que a Marvel aceita o risco de que as fotos do conjunto sejam vazadas como consequência das filmagens na localização e considerou que "a maioria das pessoas é experiente o suficiente para saber que está olhando uma foto de bastidores, completamente fora de contexto." Ele acrescentou que uma grande quantidade de cenas no filme seria filmada no local.[61] Um mês depois, Gemma Chan se juntou ao elenco como Minn-Erva.[18]

As filmagens estão programadas para começar em março de 2018,[57] na Califórnia,[51] sob o título de produção, Warbird. Estão programadas para durar até 11 de maio de 2018.[62]

Lançamento[editar | editar código-fonte]

Capitã(o) Marvel foi lançado nos Estados Unidos em 8 de março de 2019 (dia da mulher),[37] nos formatos convencional, 3D e IMAX.[63][64] Inicialmente foi programado para lançamento em 6 de julho de 2018,[24] antes de se mudar em fevereiro de 2015 para 2 de novembro de 2018, acomodando a estreia de Spider-Man: Homecoming.[27] Em outubro de 2015, mudou-se novamente para o lançamento de Homem-Formiga e a Vespa.[37]

Em 5 de setembro de 2018, a revista Entertainment Weekly divulgou as primeiras fotos oficiais da produção.[65] Quanto ao primeiro teaser trailer do filme, o mesmo foi divulgado no dia 18 de setembro de 2018, durante o programa Good Morning America do canal norte-americano ABC. [66]

Recepção[editar | editar código-fonte]

Bilheteria[editar | editar código-fonte]

Em seu primeiro dia de lançamento internacional o filme conseguiu $5,9 milhões na Coreia do Sul e $1,7 milhões na França, além de $2,5 milhões na sua prévia na China, a quarta maior para um filme da MCU na China. Durante o primeiro dia nos territórios estrangeiros, o filme arrecadou $44 milhões, incluindo $9,1 milhões na Coreia do Sul, $3 milhões no Brasil, $2,9 milhões na França e $2,5 milhões na Austrália. Também arrecadou $34 milhões em seu primeiro dia na China, o terceiro melhor dia de um filme de super-heroí de todos os tempos. Captain Marvel acumulou a terceira maior venda de ingressos de todos os filmes da MCU, ficando atrás apenas dos Vingadores: Guerra Infinita e Pantera Negra, e superou Mulher-Maravilha e Aquaman durante o mesmo período de tempo.[67]

Seus maiores mercados foram a China ($89,3 milhões), Coreia do Sul ($24,1 umilhões), o Reino Unido ($16,8 milhões), o Brasil ($13,4 milhões, a segunda maior abertura da história do país) e México ($12,8 milhões, a maior abertura da história).[68] Em apenas 12 dias de lançamento, os países com o maior faturamento do filme foram a China ($135,7 milhões), Coreia do Sul ($37,5 milhões), o Reino Unido ($32,9 milhões), o Brasil ($26,1 milhões) e México (25,7 milhões).[69]

Resposta da crítica[editar | editar código-fonte]

A performance de Larson como Carol Danvers foi elogiada pelos críticos.[70]

No agregador de resenhas Rotten Tomatoes, o filme detém uma taxa de aprovação de 78% com base em 434 avaliações e uma classificação média de 6,79/10. O consenso crítico do site diz: "Repleto de ação, humor e emoções visuais, Captain Marvel apresenta a mais recente herói do Universo Cinematográfico Marvel com uma história de origem que faz uso efetivo da fórmula da assinatura da franquia."[71] O Metacritic, que usa uma média ponderada, atribuiu ao filme uma pontuação de 64/100, baseada em 55 avaliações, indicando "críticas geralmente favoráveis".[72] As audiências pesquisadas pelo CinemaScore deram ao filme um grau médio de "A" em uma escala de A+ a F, enquanto os fãs relatados pelo PostTrak deram a ele 84% de pontuação geral positiva e 73% de "recomendação definitiva".[73]

A.O. Scott do The New York Times escreveu: "Não é muito longo, nem muito importante, e se beneficia do talento e habilidade de um elenco que inclui Annette Bening, Jude Law e Ben Mendelsohn."[74] Kenneth Turan, escrevendo para o Los Angeles Times, elogiou a performance de Larson e a direção de Boden e Fleck, escrevendo: "...a Marvel reconheceu, como este filme prova, que mesmo gigantes pesados ​​em efeitos podem se beneficiar de um toque de direção que não é um humano programado, que entende de caráter e pode criar cenas com um peso emocional que talvez não esperássemos."[75] Escrevendo para a Variety, Owen Gleiberman também elogiou a direção do filme, dizendo: "Boden e Fleck são discretos neorrealistas americanos, e em Capitã Marvel, eles mal guardam um vestígio de seu estilo característico, mas criaram algo empolgante, abraçando o estilo da casa da Marvel e, dentro disso, elaborando um conto com truques, camadas e modos suficientes para nos manter honestamente absorvidos."[76] Ric Roeper, do Chicago Sun-Times, deu ao filme 3,5/4 estrelas e escreveu: "É um prazer ver Carol Danvers de pé e de asas, por assim dizer, enquanto Nick Fury dá os primeiros passos em direção a se tornar o NICK FURY."[77] Peter Travers da Rolling Stone deu quatro estrelas e elogiou a performance de Larson, escrevendo: "ela traz camadas de sentimentos para um papel que uma atriz menor poderia deixar passar em pirotecnia. Você vê como ela estabelece a base para uma personagem que desafia a objetificação masculina e se torna semelhante ao que Joni Mitchell chamou de 'uma mulher de coração e mente'."[78] Anthony Lane do The New Yorker escreveu: "Filmes de super-heróis nos ensinou sobre a responsabilidade que é conferida por dons extraordinários. Louvada seja Larson, por nos lembrar que eles podem ser portadores de diversão."[79]

Por outro lado, Todd McCarthy, do The Hollywood Reporter, escreveu: "A imagem não é maçante, exatamente, apenas mundana, marcada por conspirações pouco imaginativas, vilões de baixo nível, um estilo visual insosso e falta de elan em todos os departamentos".[80] Ehrlich da IndieWire deu ao filme uma nota "C", elogiando o desempenho de Larson, mas chamando-o de uma "pré-sequência genérica dos Vingadores" e dizendo: "Nem uma explosão do passado, nem um vislumbre inspirador do futuro, no final do filme, é um outro filme da Marvel. E não é particularmente bom."[81] Joe Morgenstern do The Wall Street Journal escreveu: "Essa mulher é candidata ao heroísmo genuíno. No entanto, há uma dissonância fundamental entre a profundidade dela a situação e a desorganização superficial do roteiro."[82] Ignatiy Vishnevetsky, do The A.V. Club, chamou o filme de decepcionante, escrevendo: "Aqui, dois personagens criam uma parceria improvável, fazem coisas estranhas, descobrem segredos e chegam à conclusão de que talvez, apenas talvez, super-heróis sejam algo da Terra." É tudo o que você poderia esperar de um filme de super-herói de ficção científica, se você não tivesse visto um em um longo tempo."[83] Richard Brody também do The New Yorker disse: "Capitã Marvel é como um comercial político preenchendo uma mensagem digna, mas dificilmente conta como uma experiência estética. A mensagem do filme é transmitida menos pela história do que pelo elenco."[84]

Referências

  1. «'Captain Marvel' Box Office» (em inglês). Box Office Mojo. Consultado em 13 de julho de 2019 
  2. Lang, Brent (22 de julho de 2017). «'Captain Marvel' Will Be Set in the '90s With Skrulls as Villains». Variety. Cópia arquivada em 23 de julho de 2017 
  3. Sobon, Nicole (23 de julho de 2017). «Captain Marvel: Feige Reveals Kree/Skrull War Influences». Comic Book Resources. Cópia arquivada em 23 de julho de 2017 
  4. Clémence Michallon (5 de março de 2019). "'Captain Marvel' reviews round-up: What critics are saying about new superhero movie starring Brie Larson".
  5. Kroll, Justin (1 de Junho de 2016). «Brie Larson the Frontrunner to Play Captain Marvel (EXCLUSIVE)». Variety. Consultado em 1 de Junho de 2016. Cópia arquivada em 1 de Junho de 2016 
  6. a b Breznican, Anthony (23 de Julho de 2016). «Brie Larson officially announced as Captain Marvel». Entertainment Weekly. Consultado em 23 de Julho de 2016. Cópia arquivada em 24 de Julho de 2016 
  7. Tanswell, Adam (7 de Abril de 2017). «The New Recruit». SciFiNow 131 ed. Kelsey Publishing. p. 13 
  8. Lang, Brent (22 de Novembro de 2016). «Marvel's Kevin Feige on 'Spider-Man's' Future and Why Brie Larson Was Perfect for 'Captain Marvel'». Variety. Consultado em 22 de Novembro de 2016. Cópia arquivada em 22 de Novembro de 2016 
  9. Smith, Krista (25 de Abril de 2017). «Cover Story: Brie Larson, Hollywood's Most Independent Young Star». Vanity Fair. Consultado em 25 de Abril de 2017. Cópia arquivada em 25 de Abril de 2017 
  10. a b Greene, Jamie (7 de Fevereiro de 2017). «Episode 115: Nicole Perlman». The Great Big Beautiful Podcast (Podcast). GeekDad. Em cena em 31:48. Consultado em 17 de Fevereiro de 2017  Transcrições relevantes de Comic Book Resources (Archive)
  11. Romano, Nick (19 de Janeiro de 2018). «Brie Larson researches Captain Marvel role at Air Force base». Entertainment Weekly. Consultado em 19 de Janeiro de 2018. Cópia arquivada em 19 de Janeiro de 2018 
  12. a b Breznican, Anthony (7 de Julho de 2017). «Samuel L. Jackson will bring Nick Fury to Captain Marvel». Entertainment Weekly. Consultado em 7 de Julho de 2017. Cópia arquivada em 7 de Julho de 2017 
  13. Lang, Brent (22 de Julho de 2017). «'Captain Marvel' Will Be Set in the '90s With Skrulls as Villains». Variety. Consultado em 22 de Julho de 2017. Cópia arquivada em 22 de Julho de 2017 
  14. a b Kroll, Justin (24 de Outubro de 2017). «Ben Mendelsohn Eyed for Villain Role in 'Captain Marvel' (EXCLUSIVE)». Variety. Consultado em 25 de Outubro de 2017. Cópia arquivada em 25 de Outubro de 2017 
  15. «Conheça Talos, General Skrull e principal vilão de Capitã Marvel!». Legado da Marvel. 5 de setembro de 2018 
  16. «Capitã Marvel | Saiba quem será o personagem de Ben Mendelsohn». www.omelete.com.br (em inglês). Consultado em 6 de setembro de 2018 
  17. Kit, Borys (26 de Fevereiro de 2018). «Gemma Chan Joins Brie Larson in 'Captain Marvel'». The Hollywood Reporter. Consultado em 27 de Fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 27 de Fevereiro de 2018 
  18. a b Tartaglione, Nancy (26 de Fevereiro de 2018). «'Captain Marvel': Gemma Chan Joins Cast As Minn-Erva». Deadline.com. Consultado em 27 de Fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 27 de Fevereiro de 2018 
  19. Kit, Borys; Paul (7 de Maio de 2013). «Marvel Cliffhanger: Robert Downey Jr.'s $50 Million Sequel Showdown». The Hollywood Reporter. Consultado em 8 de Maio de 2013. Cópia arquivada em 10 de Março de 2014 
  20. Lesnick, Silas (5 de Setembro de 2013). «Marvel Studios Wants a Female-Led Superhero Film». ComingSoon.net. Consultado em 29 de Agosto de 2014. Cópia arquivada em 29 de Agosto de 2014 
  21. Faraci, Devin (14 de Março de 2014). «Kevin Feige on Marvel's Responsibility To Be Diverse and a Possible Captain Marvel Movie». Badass Digest. Consultado em 29 de Agosto de 2014. Cópia arquivada em 29 de Agosto de 2014 
  22. Cornet, Roth (18 de Agosto de 2014). «Black Panther - Marvel Head Says Fans Want Black Pagnther and Captain Marvel». IGN. Consultado em 29 de Agosto de 2014. Cópia arquivada em 29 de Agosto de 2014 
  23. Watercutter, Angela (10 de Julho de 2015). «Writing Captain Marvel Is Much Harder Than Penning Guardians of the Galaxy». Wired. Consultado em 10 de Julho de 2015. Cópia arquivada em 10 de Julho de 2015 
  24. a b c Storm, Marc (28 de Outubro de 2014). «Captain Marvel Soars into the Marvel Cinematic Universe». Marvel.com. Consultado em 28 de Outubro de 2014. Cópia arquivada em 28 de Outubro de 2014 
  25. «Marvel Is Finally Making a Female-Led Superhero Movie». Seventeen. 29 de Outubro de 2014. Consultado em 23 de Fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 23 de Fevereiro de 2018 
  26. Sciretta, Peter (28 de Outubro de 2014). «Watch: All Of Your Marvel Phase 3 Questions Answered By Marvel Head Kevin Feige». /Film. Consultado em 30 de Outubro de 2014. Cópia arquivada em 30 de Outubro de 2014 
  27. a b Strom, Marc (10 de Fevereiro de 2015). «Marvel Studios Schedules New Release Dates for 4 Films». Marvel.com. Consultado em 9 de Fevereiro de 2015. Cópia arquivada em 10 de Fevereiro de 2015 
  28. Wickman, Kase (12 de Abril de 2015). «Here's Why You Won't See Captain Marvel In 'Avengers: Age Of Ultron'». MTV. Consultado em 12 de Abril de 2015. Cópia arquivada em 12 de Abril de 2015 
  29. Lussier, Germain (12 de Abril de 2015). «Kevin Feige Phase 3 Updates: 'Thor: Ragnarok,' 'Black Panther,' 'Inhumans' and 'Captain Marvel'». /Film. Consultado em 12 de Abril de 2015. Cópia arquivada em 12 de Abril de 2015 
  30. Strom, Marc (20 de Abril de 2015). «Nicole Perlman & Meg LeFauve to Write Marvel's 'Captain Marvel'». Marvel.com. Consultado em 20 de Abril de 2015. Cópia arquivada em 20 de Abril de 2015 
  31. Kit, Borys (13 de Abril de 2015). «'Captain Marvel' Movie Targets 'Inside Out' and 'Guardians' Writers». The Hollywood Reporter. Consultado em 13 de Abril de 2015. Cópia arquivada em 13 de Abril de 2015 
  32. Brown, Tracy (29 de Junho de 2015). «Kevin Feige on how Marvel's new Spider-Man will be different, and missing Comic-Con». Los Angeles Times. Consultado em 30 de Junho de 2015. Cópia arquivada em 30 de Junho de 2015 
  33. Goldberg, Matt (8 de Outubro de 2015). «'Captain Marvel' Co-Writer Meg LeFauve on Approaching a Powerful Female Superhero». Collider.com. Consultado em 9 de Outubro de 2015. Cópia arquivada em 9 de Outubro de 2015 
  34. Sneider, Jeff (12 de Maio de 2015). «Marvel Courting Ava DuVernay to Direct Diverse Superhero Movie (Exclusive)». The Wrap. Consultado em 12 de Maio de 2015. Cópia arquivada em 12 de Maio de 2015 
  35. Kilday, Gregg (24 de Junho de 2015). «Paul Rudd and Marvel's Kevin Feige Reveal 'Ant-Man's' Saga, from Director Shuffle to Screenplay Surgery to Studio's "Phase Three" Plans». The Hollywood Reporter. Consultado em 24 de Junho de 2015. Cópia arquivada em 24 de Junho de 2015 
  36. McNally, Victoria (30 de Setembro de 2015). «Keep Your 'Captain Marvel' Casting Ideas Coming – Marvel Studios Is Listening». MTV. Consultado em 1 de Outubro de 2015. Cópia arquivada em 1 de Outubro de 2015 
  37. a b c Strom, Marc (8 de Outubro de 2015). «Marvel Studios Phase 3 Update». Marvel.com. Consultado em 8 de Outubro de 2015. Cópia arquivada em 8 de Outubro de 2015 
  38. Davis, Erik; Huver, Scott (11 de Abril de 2016). «Here's When We'll Know Who's Starring in And Directing Marvel's 'Captain Marvel' Movie». Fandango. Consultado em 11 de Abril de 2016. Cópia arquivada em 11 de Abril de 2016 
  39. Kit, Borys (17 de Maio de 2016). «Steven Spielberg, Colin Trevorrow Reteam to Produce Family Adventure 'Powerhouse' (Exclusive)». The Hollywood Reporter. Consultado em 18 de Maio de 2016. Cópia arquivada em 18 de Maio de 2016 
  40. Kit, Borys; Ford, Rebecca (1 de Junho de 2016). «Brie Larson Circling 'Captain Marvel' Superhero Movie». The Hollywood Reporter. Consultado em 1 de Junho de 2016. Cópia arquivada em 1 de Junho de 2016 
  41. Starnes, Joshua (24 de Julho de 2016). «Comic-Con: Kevin Feige, Directors and Stars on the Marvel Cinematic Universe». ComingSoon.net. Consultado em 24 de Julho de 2016. Cópia arquivada em 24 de Julho de 2016 
  42. Forte, Vin (10 de Agosto de 2016). «'Any Time with Vin Forte' Episode 27: "Rocket Launches and Writing Retreats" [Guest: Nicole Perlman]» (Podcast). Any Time with Vin Forte. Em cena em 45:12. Consultado em 11 de Agosto de 2016. Cópia arquivada em 11 de Agosto de 2016  Transcrição da entrevista : Anhalt, Bobby (11 de Agosto de 2016). «Captain Marvel's Origins Being Changed to Avoid Green Lantern Comparisons». Screen Rant. Consultado em 11 de Agosto de 2016. Cópia arquivada em 11 de Agosto de 2016 
  43. a b Schwartz, Terri (12 de Outubro de 2016). «Why Hiring A Female Director For Captain Marvel Is Important To Kevin Feige». IGN. Consultado em 16 de Outubro de 2016. Cópia arquivada em 13 de Outubro de 2016 
  44. Buchanan, Kyle (21 de Outubro de 2016). «Kevin Feige Says Brie Larson's Captain Marvel Will Be the Strongest Superhero Yet». Vulture. Consultado em 21 de Outubro de 2016. Cópia arquivada em 21 de Outubro de 2016 
  45. krolljvar (14 de Dezembro de 2016). «Captain Marvel Update: Studio getting treatment on script soon. Meetings with directing candidates to follow but not till the new year» (Tweet). Consultado em 15 de Dezembro de 2016. Cópia arquivada em 15 de Dezembro de 2016 – via Twitter 
  46. Kroll, Justin (19 de Abril de 2017). «'Captain Marvel' Finds Directors in Anna Boden, Ryan Fleck (EXCLUSIVE)». Variety. Consultado em 19 de Abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de Abril de 2017 
  47. Buchanan, Kyle (1 de Maio de 2017). «After Signing Two Indie Directors, What Is Kevin Feige's Plan for Captain Marvel?». Vulture. Consultado em 1 de Maio de 2017. Cópia arquivada em 1 de Maio de 2017 
  48. King, Michael (27 de Março de 2017). «'Captain Marvel' reportedly headed for January production start in Atlanta». WXIA-TV. Consultado em 27 de Março de 2017. Cópia arquivada em 29 de Março de 2017 
  49. Kroll, Justin (18 de Abril de 2017). «'Guardians of the Galaxy Vol. 2': First Reactions Tease 'Emotional' Film 'Full of Surprises'». Variety. Consultado em 19 de Abril de 2017. Cópia arquivada em 19 de Abril de 2017 
  50. McMillan, Graeme (22 de Julho de 2017). «A '90s-Set 'Captain Marvel' Movie Opens Up Worlds of Possibilities». The Hollywood Reporter. Consultado em 23 de Julho de 2017. Cópia arquivada em 22 de Julho de 2017 
  51. a b c Patten, Dominic (24 de Julho de 2017). «'Captain Marvel,' 'Island Plaza' & 'Midway' Among Films Awarded CA Tax Credits». Deadline.com. Consultado em 24 de Julho de 2017. Cópia arquivada em 24 de Julho de 2017 
  52. Fuster, Jeremy (24 de Julho de 2017). «'Captain Marvel' Gets Slice of $68 Million California Tax Break». TheWrap. Consultado em 24 de Julho de 2017. Cópia arquivada em 24 de Julho de 2017 
  53. «California Film & Television Tax Credit Program 2.0 Program Year 3 Guidelines» (PDF). California Film Commission. Janeiro de 2018. p. 6. Consultado em 26 de Fevereiro de 2018 
  54. Fleming Jr., Mike (15 de Agosto de 2017). «Marvel Taps Geneva Robertson-Dworet To Script 'Captain Marvel'». Deadline.com. Consultado em 15 Agosto de 2017. Cópia arquivada em 15 de Agosto de 2017 
  55. Briers, Michael (17 de Agosto de 2017). «Outgoing Captain Marvel Screenwriter Rubbishes Talk of Page-One Rewrite». We Got This Covered. Consultado em 17 de Agosto de 2017. Cópia arquivada em 17 de Agosto de 2017 
  56. Nolfi, Joey (1 de Março de 2018). «Captain Marvel screenwriter teases 'sassy,' 'smartass' Carol Danvers in action-comedy». Entertainment Weekly. Consultado em 1 de Março de 2018. Cópia arquivada em 1 de Março de 2018 
  57. a b Erbland, Kate (23 de Outubro de 2017). «Kevin Feige Reveals How Women Could Contribute to the Marvel Universe After Phase Three». IndieWire. Consultado em 23 de Outubro de 2017. Cópia arquivada em 23 de Outubro de 2017 
  58. Ramos, Dino-Ray (24 de Outubro de 2017). «Ben Mendelsohn in Negotiations For Villain Role In 'Captain Marvel'». Deadline.com. Consultado em 24 de Outubro de 2017. Cópia arquivada em 25 de Outubro de 2017 
  59. Couch, Aaron (4 de Janeiro de 2018). «'Captain Marvel' Casts 'She's Gotta Have It' Star DeWanda Wise». The Hollywood Reporter. Consultado em 5 de Janeiro de 2018. Cópia arquivada em 5 de Janeiro de 2018 
  60. Chitwood, Adam (25 de Janeiro de 2018). «Brie Larson's Captain Marvel Revealed in First Set Photos». Collider. Consultado em 22 de Fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 22 de Fevereiro de 2018 
  61. a b Buchanan, Kyle (16 de Fevereiro de 2018). «Kevin Feige on the Future of Marvel's Women (Including Danai, Tessa, Brie, and Michelle)». Vulture. Consultado em 17 de Fevereiro de 2018. Cópia arquivada em 17 de Fevereiro de 2018 
  62. Marc, Christopher (14 de Junho de 2017). «'Captain Marvel' aka 'Warbird' Shoots January-May in Atlanta». Omega Underground. Consultado em 14 de Junho de 2017. Cópia arquivada em 24 de Junho de 2017 
  63. Lieberman, David (22 de Fevereiro de 2017). «Disney Films To Show on Imax Through 2019 With New Distribution Deal». Deadline.com. Consultado em 22 de Fevereiro de 2017. Cópia arquivada em 22 de Fevereiro de 2017 
  64. Kroll, Justin (12 de Setembro de 2017). «'Star Wars: Episode IX' Release Date Moves to December 2019». Variety. Consultado em 13 de Setembro de 2017. Cópia arquivada em 13 de Setembro de 2017 
  65. «MAIS CAPITÃ MARVEL: 10 fotos inéditas, o visual dos Skrulls e detalhes da trama!». Central Vingadores. 5 de setembro de 2018 
  66. «Veja o trailer LEGENDADO e o 1º pôster oficial do filme da Capitã Marvel!». Central Vingadores. 18 de setembro de 2018 
  67. Office, Box (14 de março de 2019). «Captain Marvel (2019) - Box Office Mojo». www.boxofficemojo.com. Box Office Mojo. Consultado em 14 de março de 2019 
  68. Tartaglione, Nancy; Tartaglione, Nancy (3 de abril de 2019). «'Captain Marvel' Wings Past $1B Worldwide; Becomes 7th Marvel Pic To Milestone». Deadline (em inglês). Consultado em 5 de abril de 2019 
  69. Tartaglione, Nancy; Tartaglione, Nancy (22 de março de 2019). «'Captain Marvel' Homing In On $900M Global Through Sunday; Tops 'Wonder Woman' WW». Deadline (em inglês). Consultado em 7 de abril de 2019 
  70. Clémence Michallon (5 de março de 2019). «'Captain Marvel' reviews round-up: What critics are saying about new superhero movie starring Brie Larson». The Independent. Consultado em 5 de março de 2019 
  71. «Captain Marvel (2019)». Rotten Tomatoes. Fandango. Consultado em 27 de março de 2019 
  72. «Captain Marvel Reviews». Metacritic. CBS Interactive. Consultado em 10 de março de 2019 
  73. D'Alessandro, Anthony (11 de março de 2019). «'Captain Marvel' Rises To $154M U.S. Opening; Experts Say Female Superhero Pic Will Pass Breakeven In Week's Time». Deadline Hollywood. Consultado em 11 de março de 2019 
  74. Scott, A.O. (5 de março de 2019). «'Captain Marvel' Review: Brie Larson Takes a Trip to the '90s». The New York Times. Consultado em 5 de março de 2019 
  75. Turan, Kenneth (5 de março de 2019). «Review: 'Captain Marvel' and Brie Larson boost the MCU to even greater heights». Los Angeles Times. Consultado em 5 de março de 2019 
  76. Owen Gleiberman (5 de março de 2019). «Film Review: Brie Larson in 'Captain Marvel'». Variety. Consultado em 5 de março de 2019 
  77. Roeper, Richard (5 de março de 2019). «Humor, sweetness empower 'Captain Marvel,' a fun '90s superhero throwback». Chicago Sun-Times. Consultado em 5 de março de 2019 
  78. Travers, Peter (5 de março de 2019). «'Captain Marvel' Review: Brie Larson Takes on Cosmic Villains, Sexist Trolls — and Wins». Rolling Stone. Consultado em 25 de março de 2019. Cópia arquivada em 25 de março de 2019 
  79. Lane, Anthony (8 de março de 2019). «Captain Marvel Saves a Movie». The New Yorker. Consultado em 13 de março de 2019. Cópia arquivada em 13 de março de 2019 
  80. McCarthy, Todd (5 de março de 2019). «'Captain Marvel': Film Review». The Hollywood Reporter. Consultado em 5 de março de 2019 
  81. David Ehrlich (5 de março de 2019). «'Captain Marvel' Review: A Massively Disappointing Introduction to Carol Danvers». IndieWire. Consultado em 5 de março de 2019 
  82. Morgenstern, Joe (6 de março de 2019). «'Captain Marvel' Review: Woman but No Wonder». The Wall Street Journal. Consultado em 13 de março de 2019. Cópia arquivada em 13 de março de 2019 
  83. Vishnevetsky, Ignatiy (5 de março de 2019). «The dream of the '90s is alive in the underwhelming Captain Marvel». Consultado em 5 de março de 2019 
  84. Brody, Richard (11 de março de 2019). «Captain Marvel Saves a Movie». The New Yorker. Consultado em 25 de março de 2019. Cópia arquivada em 25 de março de 2019 

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]