Caraí

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para pelo primata, veja Macaco-da-noite.
Município de Caraí
Bandeira de Caraí
Brasão de Caraí
Bandeira Brasão
Hino
Fundação 27 de dezembro de 1948
Gentílico caraiense[1]
Padroeiro(a) São José[2]
CEP 39810-000 a 39813-999[3]
Prefeito(a) Heber Gomes Neiva (PSB)
(2017 – 2020)
Localização
Localização de Caraí
Localização de Caraí em Minas Gerais
Caraí está localizado em: Brasil
Caraí
Localização de Caraí no Brasil
17° 11' 20" S 41° 41' 42" O17° 11' 20" S 41° 41' 42" O
Unidade federativa Minas Gerais
Mesorregião Jequitinhonha IBGE/2008 [4]
Microrregião Araçuaí IBGE/2008 [4]
Municípios limítrofes Padre Paraíso, Ponto dos Volantes, Novo Oriente de Minas, Catuji, Itaipé, Novo Cruzeiro, Araçuaí
Distância até a capital 536 km[5]
Características geográficas
Área 1 240,160 km² [6]
População 22 343 hab. IBGE/2010[7]
Densidade 18,02 hab./km²
Altitude Média 750 mt Acima do Mar m
Clima Não disponível
Fuso horário UTC−3
Indicadores
IDH-M 0,636 médio PNUD/2000 [8]
PIB R$ 74 594,715 mil IBGE/2008[9]
PIB per capita R$ 3 348,36 IBGE/2008[9]
Página oficial
Prefeitura www.carai.mg.gov.br
Câmara www.carai.mg.leg.br

Caraí é um município brasileiro do estado de Minas Gerais. Sua população em 2010 era de 22 343 habitantes.[7]

História[editar | editar código-fonte]

O distrito de Caraí foi criado em 30 de agosto de 1911, subordinado ao município de Araçuaí. Em 31 de dezembro de 1943 passou a ser distrito de Novo Cruzeiro. Emancipado em 27 de dezembro de 1948, o município de Caraí foi instalado em 1 de janeiro do ano seguinte.[10]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Clima seco e tropical de altitude; produtor de café; microrregião altamente indicada para produção de frutas de clima temperado: pêssego, ameixa, uva de mesa.

Economia[editar | editar código-fonte]

Agricultura e da descoberta de lavras de pedras preciosas.

Referências

  1. «IBGE Cidades@». O Brasil Município por Municipio. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Consultado em 19 de agosto de 2009 
  2. Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC). «Lista por santos padroeiros» (PDF). Descubra Minas. p. 7. Consultado em 14 de setembro de 2017. Cópia arquivada (PDF) em 14 de setembro de 2017 
  3. Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos. «Busca Faixa CEP». Consultado em 1 de fevereiro de 2019 
  4. a b «Divisão Territorial do Brasil». Divisão Territorial do Brasil e Limites Territoriais. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 1 de julho de 2008. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  5. «distancias-bhmunicipios». Distâncias BH/Municípios. Departamento de Estradas de Rodagem de Minas Gerais (DER/MG). Consultado em 19 de agosto de 2009 
  6. IBGE (10 out. 2002). «Área territorial oficial». Resolução da Presidência do IBGE de n° 5 (R.PR-5/02). Consultado em 5 dez. 2010 
  7. a b «Censo Populacional 2010». Censo Populacional 2010. Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). 29 de novembro de 2010. Consultado em 11 de dezembro de 2010 
  8. «Ranking decrescente do IDH-M dos municípios do Brasil». Atlas do Desenvolvimento Humano. Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD). 2000. Consultado em 11 de outubro de 2008 
  9. a b «Produto Interno Bruto dos Municípios 2004-2008». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 11 dez. 2010 
  10. «Caraí: Histórico». Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Consultado em 6 de novembro de 2017 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre municípios do estado de Minas Gerais é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.