Cardoso de Oliveira

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Broom icon.svg
As referências deste artigo necessitam de formatação (desde outubro de 2017). Por favor, utilize fontes apropriadas contendo referência ao título, autor, data e fonte de publicação do trabalho para que o artigo permaneça verificável no futuro.
Question book-4.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo, o que compromete a verificabilidade (desde outubro de 2017). Por favor, insira mais referências no texto. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Cardoso de Oliveira
Nascimento 1865
Salvador
Morte 1962 (97 anos)
Cidadania Brasil
Ocupação escritor, poeta, romancista
J. M. Cardoso de Oliveira.

José Manuel Cardoso de Oliveira GCCGCSE (Salvador, 1865Rio de Janeiro, 1962) foi um promotor público, juiz municipal, diplomata, romancista, biógrafo e poeta brasileiro.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Diplomado em Direito em Recife, é considerado um dos últimos representantes do naturalismo tardio na literatura sendo sua obra mais importante, Dois metros e cinco, costumes brasileiros, cuja primeira edição é de 1905 e que teve somente mais duas, respectivamente em 1909 e 1936.

Por muitos críticos é considerado como um escritor estritamente regionalista, pois suas temáticas estão muito ligadas ao nordeste.

Biografou o sogro ilustre, o pintor Pedro Américo, que desenhou a terceira edição de seu romance mais famoso, publicado pela Briguiet & Cia. Cardoso de Oliveira é pouco lembrado nos dias de hoje talvez por ter adotado uma estética já em desuso em sua época.

Exerceu ainda a magistratura e depois a diplomacia. Foi poeta, romancista e escreveu um drama em cinco atos, uma tese contra o alcoolismo originalmente em francês, representado na Suíça, em 1900 e depois vertido ao português pelo próprio autor. Era genro do pintor Pedro Américo, de quem fez a biografia e o Catálogo Descritivo, Crítico e Biográfico das Obras.

Sua bibliografia inclui também conferências e os Atos Diplomáticos do Brasil em 2 volumes. Segundo José Paulo Paes, Cardoso de Oliveira tem importância histórica na literatura e, no seu romance Dois Metros e Cinco, criou uma espécie de Pickwick baiano no pícaro Marcos Ferreira.

A 7 de Junho de 1923 foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem Militar de Cristo de Portugal e a 23 de Abril de 1927 foi agraciado com a Grã-Cruz da Ordem Militar de Sant'Iago da Espada de Portugal.[1]

Obras[editar | editar código-fonte]

  • O orgulho, poemeto, (Recife), 1885
  • Os Precitos da Senzala, (poemeto) 1885
  • Pedro Américo, sua Vida e suas Obras, biografia do ilustre pintor e literata brasileiro, Guillard, Aillaud & Cia., Paris, 1898
  • Um milionário de glórias, notícia biográfica, Garnier, Paris, 1899
  • Dos Alpes.. Flocos e Rimas, versos, Livraria Aillaud & Cia., Paris, 1900
  • Le Gouffre, drama em 5 atos, Livraria Ollendorff, Paris, 1901
  • O Sorvedouro, versão brasileira do mesmo drama, H. Garnier, Rio de Janeiro, 1902
  • Atos Diplomáticos do Brasil, 2 volumes, tipografia do Jornal do Commercio, Rio de Janeiro, 1912
  • Dois Metros e Cinco, romance de costumes brasileiros, H. Garnier, Rio de Janeiro, 1905, segunda edição: 1909 e terceira: 1936
  • Versos, Rio de Janeiro, 1908
  • Poetas e prosadores portugueses, Livaria Aillaud e Bertrand, Lisboa, 1923
  • Discurso de recepção na Academia das Ciências de Lisboa, idem, 1923
  • Catálogo descritivo, crítico e biográfico das obras do ilustre pintor Pedro Américo, idem, 1924
  • A fé a ciência, Nós, os brasileiros, conferência, idem, 1926
  • O amor divino e a sua efígie na Terra, conferência, idem, 1926
  • Toques de claro-escuro, inédito,s/d

Referências

  1. «Cidadãos Estrangeiros Agraciados com Ordens Portuguesas». Resultado da busca de "José Manuel Cardoso de Oliveira". Presidência da República Portuguesa. Consultado em 3 de abril de 2016 
  • COUTINHO, Afrânio; SOUSA, J. Galante de. Enciclopédia de literatura brasileira. São Paulo: Global.