Carlo Delle Piane

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Carlo Delle Piane
Carlo Delle Piane no filme Teresa la ladra de 1972
Nascimento 2 de fevereiro de 1936
Roma, Itália
Morte 23 de agosto de 2019 (83 anos)
Roma, Itália
Outros prêmios
Copa Volpi no Festival de Veneza de 1986

Carlo Delle Piane (Roma, 2 de fevereiro de 1936Roma, 23 de agosto de 2019) foi um ator e diretor de cinema italiano.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nascido em Roma em 1936 em uma familia que vinha de Santa Margherita di Atri, foi escolhido em 1948 para Vittorio De Sica e Duilio Coletti para ser Garoffi no filme Cuore. Atuou em 110 filmes desde 1948.[1]

Nos anos 70 conheceu o diretor Pupi Avati, que o convidou a trabalhar em Tutti defunti tranne i morti, primeiro de uma longa série de filmes com o diretor. Sempre com Avati, em Regalo di Natale (1986) ganha a Coppa Volpi no Festival de Veneza.

Em 1997 trabalhou em Ti amo Maria, unico filme como diretor.

Anos 2000[editar | editar código-fonte]

Em 2006 cantou no disco Bambini, e deu todo o que ganhou para Associações contra crianças maltradas.

Em 2008, junto com Stefania Sandrelli, trabalhou na curta-metragem Ogni Giorno (que tratou do tema do mal de Alzheimer), sob a direção de Francesco Felli.

Doença e morte[editar | editar código-fonte]

Em janeiro de 2015, sofreu hemorragia cerebral que o deixou em coma. Mais de quatro anos depois, Anna Crispino, sua esposa, relatou sua morte em 23 de agosto de 2019.[2][1]

Filmografia parcial[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b «È morto Carlo Delle Piane, 110 film in 70 anni di carriera» (em italiano). repubblica.it. 24 de agosto de 2019. Consultado em 26 de agosto de 2019 
  2. «Morre o ator italiano Carlo Delle Piane». Terra. 24 de agosto de 2019. Consultado em 26 de agosto de 2019 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um ator é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.