Carlos Alberto Cabral

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Carlos Alberto Cabral (Porto, 1895/1896 - 1968), que usou o título de 2.º Conde de Vizela, foi um empresário industrial português.

Família[editar | editar código-fonte]

Filho de Diogo José Cabral, 1.º Conde de Vizela, e de sua primeira mulher Raquel dos Reis, filha do 1.º Visconde e 1.º Conde de São Salvador de Matosinhos.[1]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Sucedeu a seu pai na Administração da Fábrica de Negrelos, mantida desde sempre na posse da Família Cabral. Foi também Administrador da Sociedade de Fiação e Tecelagem do Rio Vizela.[1]

Vendeu a Casa de Serralves a Delfim Ferreira em 1957 para evitar que a propriedade fosse desbaratada pelos seus herdeiros.[2][3][4]

Usou o título de 2.º Conde de Vizela por Autorização de D. Manuel II de Portugal no exílio de data desconhecida.[1]

Casamento[editar | editar código-fonte]

Casou com Blanche Daubin ... (? - 1970), sem geração.

Referências

  1. a b c "Nobreza de Portugal e do Brasil", Direcção de Afonso Eduardo Martins Zúquete, Editorial Enciclopédia, 2.ª Edição, Lisboa, 1989, Volume Terceiro, p. 551
  2. http://www.serralves.pt/gca/?id=331
  3. http://jjcprovas.cienciahoje.pt/1620
  4. http://www.infopedia.pt/$casa-de-serralves
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre Genealogia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.