Carlos Dafé

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Carlos Dafé
Informação geral
Nome completo José Carlos de Sousa Dafé
Nascimento 25 de outubro de 1947 (69 anos)
Local de nascimento Rio de Janeiro, RJ
País  Brasil
Género(s) Soul
Ocupação(ões) Cantor, compositor, instrumentista.
Afiliação(ões) Abolição
Tim Maia

Carlos Dafé é um cantor, compositor, instrumentista de música popular brasileira.[1] Seu maior sucesso foi o samba-soul "Pra que vou recordar", faixa do álbum Tudo era lindo de 1977, lançado pela WEA, Recebeu de Nelson Motta, o apelido de "Príncipe do Soul".[2].

Discografia[editar | editar código-fonte]

  • ”Pery Ribeiro abraça Simonal - Duetos com amigos”
  • ”Quintal Brasil - Poemas, Letras & Convidados”
  • ”Timeless Concert”
  • ”Alabê de Jerusalém”
  • ”Alabê de Jerusalém”
  • ”Black music Brasil”

Notas e Referências

  1. «Biografia no Cravo Albin». dicionariompb.com.br. Consultado em 9 de março de 2014 
  2. Silvio Essinger (22 de outubro de 2012). «Sucesso na década de 1970, o cantor Carlos Dafé volta à cena». O Globo 
Accordrelativo20060224.png Este artigo sobre um(a) músico(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.