Carolina Matilde de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Augustenburg

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Carolina Matilde
Princesa de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Augustenburg
Duquesa de Schleswig-Holstein
Reinado 27 de novembro de 1885
a 20 de fevereiro de 1932
Predecessor Adelaide de Schaumburg-Lippe (1821-1899)
Sucessor Maria Melita de Hohenlohe-Langenburg
Marido Frederico Fernando, Duque de Schleswig-Holstein
Descendência
Vitória Adelaide de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg
Alexandra Vitória de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg
Helena Adelaide de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg
Adelaide de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg
Guilherme Frederico, Duque de Schleswig-Holstein
Carolina Matilde de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg
Nome completo
Vitória Frederica Augusta Maria Carolina Matilde
Casa Schleswig-Holstein-Sonderburg-Augustenburg (por nascimento)
Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg (por casamento)
Pai Frederico VIII, Duque de Schleswig-Holstein
Mãe Adelaide de Hohenlohe-Langenburg
Nascimento 25 de janeiro de 1860
Augustenborg, Jutlândia, Dinamarca
Morte 20 de fevereiro de 1932 (72 anos)
Grünholz, Schleswig-Holstein, Alemanha

Carolina Matilde de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Augustenburg (25 de janeiro de 1860 - 20 de fevereiro de 1932) foi filha do duque Frederico VIII de Schleswig-Holstein.

Família[editar | editar código-fonte]

Carolina foi a segunda filha do duque Frederico VIII de Schleswig-Holstein e da sua esposa, a princesa Adelaide de Hohenlohe-Langenburg. Os seus avós paternos eram Cristiano Augusto II, Duque de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Augustenburg e a condessa Luísa Sofia de Danneskjold-Samsøe. Os seus avós maternos eram Ernesto I, Príncipe de Hohenlohe-Langenburg e a princesa Feodora de Leiningen, meia-irmã da rainha Vitória do Reino Unido. A sua irmã mais velha, a princesa Augusta Vitória de Schleswig-Holstein, viria a casar-se com o kaiser Guilherme II da Alemanha.[1]

Casamento e descendência[editar | editar código-fonte]

Carolina Matilde casou-se com Frederico Fernando, Duque de Schleswig-Holstein, filho mais velho de Frederico, Duque de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg e da princesa Adelaide de Schaumburg-Lippe e sobrinho do rei Cristiano IX da Dinamarca no dia 19 de Março de 1885 em Primknau. Juntos tiveram seis filhos:

  1. Vitória Adelaide de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg (31 de dezembro de 1885 – 3 de outubro de 1970); casada com o duque Carlos Eduardo de Saxe-Coburgo-Gota; com descendência.
  2. Alexandra Vitória de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg (21 de abril de 1887 – 15 de abril de 1957); casada primeiro com o príncipe Augusto Guilherme da Prússia de quem se divorciou em 1920; com descendência. Casou-se depois com Arnold Rümann em 1922; sem descendência.
  3. Helena Adelaide de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg (1 de junho de 1888 – 30 de junho de 1962); casada com o príncipe Haroldo da Dinamarca; com descendência.
  4. Adelaide Luísa de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg (19 de outubro de 1889 – 11 de junho de 1964); casada com Frederico, 3.º príncipe de Solms-Baruth; com descendência.
  5. Guilherme Frederico, Duque de Schleswig-Holstein (23 de agosto de 1891 – 10 de fevereiro de 1965); casado com a princesa Maria Melita de Hohenlohe-Langenburg; com descendência.
  6. Carolina Matilde de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Glücksburg (11 de maio de 1894 - 28 de janeiro de 1972); casada com o conde Hans de Solms-Baruth; com descendência.

Últimos anos[editar | editar código-fonte]

Após a queda da dinastia Hohenzollern no final da Primeira Guerra Mundial, Carolina e a sua família viveram calma e recatadamente, sendo raramente vistos fora do seu Castelo de Grünholz.[2]

Carolina morreu no dia 20 de fevereiro de 1932 nesse mesmo castelo. Alguns anos antes tinha sofrido um ataque de uma doença relacionada com o coração do qual nunca recuperou completamente. O seu marido era o único membro da família presente quando morreu.[2]

Genealogia[editar | editar código-fonte]

Os antepassados de Carolina Matilde de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Augustenburg em três gerações[3]
Carolina Matilde de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Augustenburg Pai:
Frederico VIII, Duque de Schleswig-Holstein
Avô paterno:
Cristiano Augusto II, Duque de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Augustenburg
Bisavô paterno:
Frederico Cristiano II, Duque de Schleswig-Holstein-Sonderburg-Augustenburg
Bisavó paterna:
Luísa Augusta da Dinamarca
Avó paterna:
Luísa Sofia de Danneskiold-Samsøe
Bisavô paterno:
Cristiano Conrado, Conde de Danneskiold-Samsøe
Bisavó paterna:
Frederikke Louise von Kleist
Mãe:
Adelaide de Hohenlohe-Langenburg
Avô materno:
Ernesto I, Príncipe de Hohenlohe-Langenburg
Bisavô materno:
Carlos Luís I, Príncipe de Hohenlohe-Langenburg
Bisavó materna:
Amália de Solms-Baruth
Avó materna:
Feodora de Leiningen
Bisavô materno:
Emich Carlos, 2° Príncipe de Leiningen
Bisavó materna:
Vitória de Saxe-Coburgo-Saalfeld

Referências

  1. Marlene A. Eilers, Queen Victoria's Descendants (Baltimore, Maryland: Genealogical Publishing Co., 1987), page 156.
  2. a b "Princess Karoline Dies at 72 in Germany", The New York Times (Eckernfoerde, Germany), 21 de Favereiro de 1932
  3. «- Person Page 10933». thepeerage.com. Consultado em 2016-03-09.