Casamento de Duarte Pio de Bragança e Isabel de Herédia

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde março de 2014). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

O casamento de Duarte Pio de Bragança e Isabel de Herédia ocorreu a 13 de Maio de 1995 no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa, Portugal. Contou com a presença de membros de várias casas reais europeias, bem como vários chefes de estado e nobres (principalmente nobres portugueses), tendo a cerimónia sido transmitida no antigo Canal 1 (atual RTP1).

Cerimónia religiosa[editar | editar código-fonte]

A cerimónia religiosa realizou-se na Igreja do Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa, no dia 13 de Maio de 1995. A cerimónia foi presidida pelo cardeal-patriarca de Lisboa D. António Ribeiro, já falecido.

Vestido da noiva[editar | editar código-fonte]

Isabel de Herédia usou um vestido de Laurinda Farmhouse, confecionado em zibelina com mangas e corpete bordados a lantejoulas e missangas, inspirado nos bordados de Niza. Tinha um bustier justo, uma saia armada descaída e saiotes de tule com pregas. Completava o "look" umas luvas curtas. Na cabeça um véu de tule natural e um diadema de brilhantes que pertenceu à Rainha D. Amélia. o bouquet era de rosas brancas e orquídeas.

Padrinhos[editar | editar código-fonte]

Os padrinhos da noiva foram a Arquiduquesa Alexandra de Habsburgo, a Princesa Cristina de Bourbon Duas-Sicillas e Sebastião de Herédia (irmão da noiva). O noivo teve como padrinhos o Príncipe Lourenço da Bélgica e a Princesa Maria do Liechtenstein.

Títulos reivindicados após o casamento[editar | editar código-fonte]

Ver artigo principal: Questão dinástica portuguesa

Com o casamento com Duarte Pio, Isabel de Herédia passou a reivindicar o tratamento de Sua Alteza Real, sendo sua titulação reivindicada a de Sua Alteza Real a Sereníssima Senhora Dona Isabel Inês de Castro Curvello de Herédia e Bragança, Princesa Real de Portugal e Duquesa de Bragança, Grã-mestre da Ordem de Santa Isabel. Contudo, esses mesmos títulos não lhe são reconhecidos pelo ordenamento jurídico da República Portuguesa e são contestados também por outros ramos dinásticos de Portugal.

Celebrações[editar | editar código-fonte]

Palácio de Queluz

No dia antes do casamento, a 12 de Maio, foi servido um jantar de gala pelos noivos aos convidados no Palácio Real de Queluz.

Lista de Convidados[editar | editar código-fonte]

Família Bragança[editar | editar código-fonte]

Família Herédia[editar | editar código-fonte]

  • Jorge de Herédia (pai da noiva)
  • Manuel de Herédia (irmão da noiva)
  • Teresa de Herédia Sousa Mendes (irmã da noiva)
  • Luísa e Sebastião de Herédia

Realeza Reinante[editar | editar código-fonte]

Bélgica:

Espanha:

Liechtenstein:

  • SAS Princesa Maria de Liechtenstein
  • SAS Príncipe Hugo do Liechtenstein
  • SAS Príncipe Alfred do Liechtenstein

Luxemburgo:

Realeza Não-Reinante[editar | editar código-fonte]

África do Sul

  • SM Rei Zulu e a Rainha

Alemanha:

  • Príncipe Charles Henry de Lobkowicz
  • Duquesa Diana de Würtenberg
  • Duquesa Mathilde de Württemberg
  • Duquesa Sophie de Württemberg
  • Duque Philipe de Württemberg e esposa
  • SAR os Príncipes Alexandre e Gabriela Sayn-Wittgenstein-Sayn
  • SAR Princesa Tatiana de Holstein
  • SAR Princesa Helena da Baviera e o Príncipe Leopold d'Arenberg
  • SAR Príncipe Pierre d'Arenberg

Áustria:

  • SAI Arquiduquesa Maria de Habsburgo
  • SAI Arquiduquesa Alexandra de Habsburgo
  • SAI Arquiduquesa Constanza de Habsburgo
  • SAI Arquiduquesa Isabelle de Habsburgo
  • SAI Arquiduquesa Francesca e Karl de Habsburgo
  • SAI Arquiduque Joseph de Habsburgo
  • SAI Arquiduque Martin de Habsburgo
  • SAI Arquiduque Otto de Habsburgo
  • Príncipe Franz Joseph de Auersperg-Trautson

Brasil:

  • SAI a Princesa Teresa de Orléans e Bragança
  • SAI o Príncipe Manuel de Orléans e Bragança.
  • SAI D. Pedro de Orléans e Bragança
  • SAI Princesa Maria Gabriela de Orléans e Bragança
  • SAI Princesa Diana de Orléans e Bragança

Bulgária:

França:

  • SAR Maria Teresa de Württemberg, Condessa de Paris
  • SAR Princesa Maria Teresa Polignac de Barros
  • SAR Princesa Maria Cristina de Bourbon
  • SAR Príncipe Henrique Polignac de Barros

Itália:

  • SAR a Princesa Cristina de Bourbon e Siciles
  • SAR Príncipe Charles de Bourbon e Siciles
  • SAR Vítor Emanuel, Príncipe de Nápoles e a Princesa Marina
  • SAR Princesa Gabriela de Savoia

Jugoslávia:

Rússia:

Aristocracia[editar | editar código-fonte]

  • Claudine Marguerite Tritz Álvares Pereira de Melo, Duquesa de Cadaval (e grande parte da família Álvares Pereira de Melo)
  • Condessa Potovska
  • Príncipe Paul Sanguzko
  • Condessa Minthia de Lannoy
  • Duque de Palmela (e parte da família Sousa Holstein)
  • Marquês e Marquesa do Lavradio
  • Conde de Avilez (e parte da família Avilez Juzarte de Sousa Tavares)

Entre outros nobres, mas, principalmente, nobres portugueses.