Catedral Metropolitana de Assunção

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Fachada principal da Catedral Metropolitana de Assunção.

A Catedral Metropolitana de Assunção é a sede da Arquidiocese de Assunção e localiza-se na cidade de mesmo nome, no Paraguai. O templo situa-se em frente à Plaza Independencia, no centro da capital paraguaia.

História[editar | editar código-fonte]

Assunção é sede de um bispado desde 1547, e já dessa época data sua primeira igreja catedral. Vários edifícios antecederam o atual, cuja construção iniciou-se em 1842, durante o governo do presidente Carlos Antonio López. A obra foi finalizada na década de 1860. Atribui-se o projeto e direção da obra ao mestre Pascual Urdapilleta, imigrante basco. A partir de 1844 a obra foi seguida por Tomás Vergés.

Internamente, a igreja é de três naves separadas por arcadas. A fachada é neoclássica e exibe o escudo nacional paraguaio no frontão. No interior destaca-se o retábulo principal, da época colonial, esculpido em madeira policromada. O centro do retábulo é ocupado por uma imagem de Nossa Senhora da Assunção, padroeira do Paraguai, rodeada por nichos com São Brás, São Pedro e São Paulo. O retábulo pertencia originalmente à igreja do convento franciscano de Assunção.

No interior da catedral funciona um museu com objetos litúrgicos e arte sacra.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas[editar | editar código-fonte]

Referências

Ícone de esboço Este artigo sobre arquitetura é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.