Catedral de Šibenik

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Pix.gif Catedral de Santiago *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

St Jacobs Cathedral 1.JPG
País  Croácia
Tipo cultural
Critérios i, ii, iv
Referência 963 en fr es
Região** Europa e América do Norte
Coordenadas 43° 44′ 09″ N, 15° 53′ 20″ L
Histórico de inscrição
Inscrição 2000  (24.ª sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.
** Região, segundo a classificação pela UNESCO.

A Catedral de Santiago (em croata: Katedrala Sveti Jakova) de Šibenik, na Croácia, começou a ser construída em 1431 foi terminada em 1536. Apesar das obras terem sido feitas por diferentes mestres de obra durante os anos iniciais, sua construção foi confiada a Dalmatinac. Ele modificou o plano original e adoptou um estilo de transição entre o gótico e o renascentista. Com a morte de Dalmatinac (Jorge, o Dálmata}, os trabalhos foram terminados por Nikola Firentinac (Nicolau, o Florentino), principalmente o domo e os elementos da fachada com estilo mais puro da renascença.

Os materiais utilizados para a construção desta catedral foram provenientes das ilhas da Croácia: Brač, Korčula, Rab e Krk.

Desde 2000, a catedral está inscrita pela UNESCO como Patrimônio Mundial da humanidade.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre a Catedral de Šibenik