Catedral de Nápoles

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Vista da fachada.

A Catedral de Nápoles (italiano: Duomo di Napoli ou Duomo di Santa Maria Assunta) é o principal edifício de culto em Nápoles. Assume uma importância central no plano histórico, porque, provavelmente, na antiguidade, em seu lugar estava um templo dedicado ao deus Apolo. A primeira catedral foi construída por Constantino no quarto século. A atual catedral foi construída pela casa de Anjou. Abriga o batistério mais antigo do Ocidente.[1][2][3][4]

Referências

  1. Ugo Dovere, Il Duomo di Napoli, Editrice Velar, 1996, p. 81.
  2. «La Catedral de Nápoles». ITALIAN MUSEUMS NEWS and BOOKING GUIDE (em espanhol). 27 de setembro de 2017. Consultado em 3 de fevereiro de 2019 
  3. «Viva a magia do sul italiano: descubra os pontos turísticos de Nápoles». PlanetaEuropa.com | O guia da Europa. Consultado em 3 de fevereiro de 2019 
  4. «The Miracle Blood of Saint Januarius». web.archive.org. 6 de fevereiro de 2007. Consultado em 3 de fevereiro de 2019