Cavaleiro de Madara

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Pix.gif Cavaleiro de Madara *
Welterbe.svg
Património Mundial da UNESCO

JEŹDZIEC Z MADARY.JPG
O Cavaleiro de Madara
País Bulgária
Critérios (i) (iii)
Referência 43 en fr es
Coordenadas Bulgária
Histórico de inscrição
Inscrição 1979  (3.ª sessão)
* Nome como inscrito na lista do Património Mundial.
Visão geral

O Cavaleiro de Madara (em búlgaro: Мадарски конник) é uma escultura esculpida em pedra, do início da Idade Média, fica a leste do Planalto Madara Shumen, a leste da cidade de Šumen, no nordeste da Bulgária, perto da aldeia de Madara.

A imagem é o símbolo da Bulgária.

O relevo[editar | editar código-fonte]

A 23 metros sobre o solo numa falésia quase vertical de cem metros de altura, o relevo representa um cavaleiro cravando uma lança a um leão que jaze aos pés do seu cavalo. Uma águia voa frente do cavaleiro, e um cão corre atrás dele. A cena é uma representação simbólica de um triunfo militar.

O relevo foi talhado, segundo as datações realizadas, por volta de 710, durante o reinado do protobúlgaro Tervel, o que apoia a tesse de que se trata de um retrato do próprio khan e é obra dos Protobúlgaros, uma tribo nômade de guerreiros que se estabeleceu ao nordeste da Bulgária em finais do século VII e, após misturar-se com os Eslavos locais deu origem aos modernos Búlgaros. Outras teorias propõem uma origem trácia para o relevo, que nesse caso representaria um deus.

Inscrições[editar | editar código-fonte]

Em torno da imagem do cavaleiro conservam-se parcialmente três inscrições em grego medieval. Segundo o professor Veselin Beshevliev, a inscrição mais antiga seria obra de Tervel (r. 695–721). As outras duas referem-se aos cãs Crum (r. 796–814) e Omurtague (r. 814–831) e foram talhadas provavelmente durante os seus respectivos reinados.

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Stancheva, Magdalina; Totyu Totev (1996). The Madara Horseman. [S.l.]: Antos. ISBN 954-8901-06-4 
  • Racheva, Nataliya. «The Madara Rider». Journey.bg. Consultado em 5 de julho de 2006 
  • Vesselin Beschevliev, "Les inscriptions du relief de Madara", Bsl, 16, 1955, p. 212–254.
  • Vesselin Beschevliev, "Die protobulgarischen Inschriften", Berlim, 1963
  • Веселин Бешевлиев, "Първобългарски надписи", Издателство на Българската академия на науките, Sófia, 1979.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria com imagens e outros ficheiros sobre Cavaleiro de Madara