Cenlhe

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Cenlle)
Espanha Cenlhe 
  Município  
Casa do Concelho de Cenlhe
Casa do Concelho de Cenlhe
Símbolos
Brasão de armas de Cenlhe
Brasão de armas
Gentílico Cenlhês
Localização
Localização de Cenlhe na Galiza
Localização de Cenlhe na Galiza
Mapa das paróquias de Cenlhe
Mapa das paróquias de Cenlhe
Cenlhe está localizado em: Espanha
Cenlhe
Localização de Cenlhe na Espanha
Coordenadas 42° 20' 33" N 8° 5' 16" O
País Espanha
Comunidade autónoma Galiza
Província Ourense
Alcaide Manuel García Montero (P.P.)
Características geográficas
Área total 29,03 km²
População total (2019) [1] 1 120 hab.
Densidade 38,6 hab./km²
Altitude máxima 489 m
Altitude mínima 110 m
Código postal 32025
Código do INE 32025

Cenlhe[2] (Cenlle) é um município da Espanha na província de Ourense, comunidade autónoma da Galiza. Tem 29,03 km² de área e em 2019 tinha 1 120 habitantes (densidade: 38,6 hab./km²).[1]

Geografia[editar | editar código-fonte]

Situado na comarca do Ribeiro, entre o rio Avia e o rio Minho, geograficamente é o reborde dos Chãos de Maside e San Amaro, que caem mas bruscamente para o Minho que não para o Avia, onde as pendentes são menos pronunciadas.

Ocupa uma extensão de terreno de 2920 hectares.

Vista do rio Minho desde o monte San Trocado

O relevo é acidentado, mas carece de elevações importantes, destacando:

  • Piñeiro (477 m.).
  • A Corredoira (489 m.).
  • Názara (415 m.).
  • Monte de San Breixo.
  • Monte de San Trocado.

Cruzam o término pequenos regatos, afluentes que desembocam nos rios Arnoia e Minho, os dous rios que limitam ao município pelo oeste e pelo lês-te, respectivamente.

Transportes[editar | editar código-fonte]

As principais vias de comunicação são:

  • A estrada Nacional 120 (N-120).
  • A auto-estrada Madrid - Vigo (A-52).
  • 3 estradas locais.
  • A linha férrea Ourense - Vigo.

População[editar | editar código-fonte]

Variação demográfica do município entre 1991 e 2004
1991 1996 2001 2004
1917 1833 1586 1575
Vinhedo tradicional em Názara.

Economia[editar | editar código-fonte]

A viticultura, com uma variada gama de espécies continua sendo a atividade agrícola mas realizada, ocupando 93,47% das terras lavradas. Sendo o concelho do Ribeiro com a maior percentagem de terra cultivada dedicada o cultivo da videira.

Dada a topografia irregular, o cultivo realiza-se frequentemente em "bancadas", sendo o tamanho das propriedades pequeno.

As variedades cultivadas são as seguintes:

  • Brancas: Albarinho, Treixadura, Xerez (Palomino), Caiño Branco, Catalão Branco, Godello, Loureiro o Marquês, Torrontés, Albilla....
  • Tintas: Caiño Mouro, Tinta femia, Alacante, Grão preto, Souson o Ferran, Garnacha, Mencía, Catalão Roxo, Folha redonda, Jazquez, Brancellao…

Os vinhos tintos têm bastante corpo, uns 11 graus de álcool e um característico sabor ácido. Os brancos têm entre 11 e 12 graus e menor acidez. Todos eles são muito suaves e digestivos.

Fora do sector primário quase não existem iniciativas empresariais destacadas, ainda que o moderno Balneário de Laias está gerar um pequeno incremento de serviços turísticos.

História[editar | editar código-fonte]

Cristo románico de Razamonde.Museu Arqueológico Provincial de Ourense.

Patrimônio[editar | editar código-fonte]

Igreja de Sadurnín. Capitel da portada principal.

Muitos paços e igrejas são testemunha da importância econômica do Ribeiro nos séculos passados. Destacam pelo seu estado de conservação:

Igrejas
  • Igreja de San Miguel de Osmo, de origem románico e modificações renacentistas do século XVI. Conserva interessantes pinturas manieristas no seu interior.
  • Igreja de San Xoán de Sadurnín, de fábrica románica, conserva a fachada principal e numerosos cachorros.
  • Igreja de Santa Mariña de Esposende, de fábrica románica.
  • Igreja de Santiago de Trasariz, que conserva uma ara romana em o seu interior.
  • Igreja de San Lourenzo da Pena. Da construção românica original pouco se conserva, frente a fachada unha cruz e um carneiro.
  • Igreja de Santa Maria de Cenlhe. Edificada em 1860. Em o seu interior destaca a escultura de Santa Lúcia, do século XVI (entre 1560 - 1570), unha peça das mais singulares obras do Mestre de Sobrado[3], discípulo de Cornellis de Holanda.
  • Igreja de Santa Maria de Razamonde. Antigo priorado de Santa Maria. Foi doado ao Mosteiro de São Martinho Pinário por Afonso VII em 1137. Do edifício românico mantém a porta lateral, os capiteis e o abside.
  • Igreja de Vilar de Rei.
  • Igreja de Laias.
  • Santuário de San Bieito de Cuñas.
  • Santuário de Nosa Señora das Areas. Edifício barroco do ano 1835.
  • Capela do Socorro. Em Osmo.
  • Capela de Barbantes.
Casa Grande de Lentille.
Pazos
  • Pazo de Casaldereito. en Esposende
  • Pazo de Rioboó. Interessante exemplo do barroco compostelano.
  • Casa dos Toubes.
  • Pazo de Lentille.
  • Pazo de Saa.
  • Pazo de Sadurnín.
  • Pazo de San Lourenzo da Pena.
Cruceiro de Osmo. Crucificado.
Cruzeiros
  • Cruzeiro de Ánimas e Cruzeiro da Procissão de Santa Maria de Cenlhe.
  • Cruzeiro de San Miguel de Osmo.
  • Cruzeiro de San Lourenzo da Pena.
Petos de ánimas
  • Peto de ánimas de Santa Maria de Cenlhe.
Castros
  • Castro de Areas, na freguesia de Esposende.
  • Castro-castelo da Pena, na freguesia de Santa Maria de Cenlhe.
Outros
  • Sítio de exploração aurífera galaico-romano de Laias.
  • Castelo de Roucos. Situado na freguesia de Santa Maria de Cenlhe. Poucos restos ficam deste castelo que desapareceu no século XVIII. Em a Idade Media foi sede de poder de uma amplia jurisdição, que incluía os atuais municípios de Cenlhe, San Amaro, e parte dos de Leiro, Ribadavia e O Carballiño. Entre os vestígios encontrara-se um escudo fragmentado do século XV com as armas da linhagem dos Sarmiento e na atualidade desaparecido.

Personagens Ilustres[editar | editar código-fonte]

Notas e referências

  1. a b «Cifras oficiales de población de los municipios españoles: Revisión del Padrón Municipal» (ZIP). www.ine.es (em espanhol). Instituto Nacional de Estatística de Espanha. Consultado em 26 de agosto de 2020 
  2. «Cenlhês». Estraviz 
  3. Martín González-González Paz, 1986, 78

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Cenlhe
Ícone de esboço Este artigo sobre geografia da Galiza é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre Municípios da Espanha é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.