Central Belt

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde dezembro de 2015). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Central Belt, Cinturão Central da Escócia em português, é um termo comumente utilizado para descrever a área com maior densidade populacional da Escócia. Apesar de seu nome, o Cinturão não é geograficamente "central", mas na verdade localiza-se no sul do país.

Era conhecido anteriormente como "Terras do Meio" ou "Terras do Meio Escocesas", mas este termo caiu em desuso.

Cinturão Central Menor[editar | editar código-fonte]

Esta área é frequentemente considerada como uma faixa ao longo das rodovias M8 e M9, estendendo-se de Greenock e Glasgow no oeste até Edinburgh no leste, compreendendo cidades como Paisley, Cambuslang, Hamilton, Stirling, Falkirk, Livingston e Linlithgow.

Cinturão Central Maior[editar | editar código-fonte]

O Cinturão Central Maior é uma área em forma de trapézio com vértices nas cidades de Dundee, Ayr, Dumbarton e Dunbar. Esta região apresenta áreas com densidade populacional significante como: Ayrshire, Fife, Midlothian e East Lothian. O Cinturão Central Maior abriga todas as maiores cidades escocesas, à exceção de Aberdeen e Inverness que localizam-se no norte do país.

Ambas as áreas são responsáveis pela maior parte do pólo industrial da Escócia.

Ícone de esboço Este artigo sobre Geografia da Escócia é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.