Centro de Apoio a Sistemas Operativos

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde novembro de 2018). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Centro de Apoio Sistemas Operativos.

O Centro de Apoio a Sistemas Operativos (CASOP) é uma Organização Militar da Marinha do Brasil.

História[editar | editar código-fonte]

Criado em 26 de novembro de 1985, é fruto da fusão do Grupo de Apoio a Sistemas (GRAS), do Grupo de Alvos da Esquadra (GRAL), do Centro de Análise de Acústica (CAASE), da Estação Acústica Submarina de Cabo Frio (EAS) e do Centro de Apoio à Programação (CAP). A partir de 1995 incorporou às suas funções, as de análise de campo das Guerras Eletrônica e Acústica e, posteriormente, também a análise de exercícios operativos.

Altamente especializada e estreitamente próxima aos utilizadores finais, entre as suas atividades rotineiras destacam-se:

  • apoio aos meios operativos no alinhamento e manutenção de hardware e software;
  • operação de alvoa aéreos de alto desempenho, possibilitando a execução de exercícios avançados;
  • análise de exercícios e reconstrução virtual de comissões, contribuindo para a revisão das doutrinas e verificação dos procedimentos táticos;
  • operação da raia acústica de sensores, permitindo a aferição e determinação das melhores condições de operação nos meios.


O CASOP acompanha rotineiramente os novos desenvolvimentos, opinando na aquisição de novas tecnologias e processos de modernização em progresso na Marinha do Brasil.

Entre os sistemas que desenvolveu e opera, destacam-se:

  • o Sistema de Análise de Exercícios Táticos da Esquadra (SAETE), ferramenta de apoio à reconstrução e análise quantitativa de exercícios no mar;
  • os sistemas integrados de Guerra Eletrônica e de Guerra Acústica, que disponibilizam os seus dados aos equipamentos MAGE e aos sistemas de auxílio à classificação de contatos;
  • o Sistema de Controle de Versões e a Biblioteca de Software dos Sistemas Digitais Operativos (SDO), utilizados a bordo; e
  • o Sistema Odisseu, de acompanhamento do aprestamento dos meios operativos.

O seu lema é: "CASOP: Navio pronto - Sistemas aferidos e alinhados!"