Cerco de Cartagena das Índias

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Para outros significados, veja Batalha de Cartagena.
Monumento a Blas de Lezo na Plaza de Colón (Madrid)

O cerco de Cartagena das Índias, ocorrido em 1741, foi o episódio decisivo que marcou o desenlace da Guerra da orelha de Jenkins (1739–1748), conflito armado entre Espanha e Reino da Grã-Bretanha.

Essa batalha é considerada como a maior derrota da história naval inglesa,[1][2] ao ser vencida uma colossal frota de 186 navios, a maior de todos os tempos depois da que levou a cabo o Desembarque da Normandia.[3] A vitória das forças espanholas, sob comando do almirante Blas de Lezo, prolongou a supremacia militar espanhola no Atlântico ocidental até o século XIX.

Referências

  1. The Hispanic American Historical Review, Volume 2, Baltimore, 1922, p. 64.
  2. Duro, Cesáreo Fernández. Armada española desde la unión de los reinos de Castilla y de León, Est. tipográfico Sucesores de Rivadeneyra, Madrid, 1902, Vol. VI, p. 250
  3. «Cópia arquivada». Consultado em 28 de setembro de 2007.. Arquivado do original em 28 de setembro de 2007 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre batalhas (genérico) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.


O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Cerco de Cartagena das Índias