Cesão Quíncio Claudo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Cesão (ou Caio) Quíncio Claudo
Cônsul da República Romana
Consulado 271 a.C.

Cesão (ou Caio) Quíncio Claudo (em latim: Kaeso (ou Caius) Quintius Claudus) foi um político da gente Quíncia da República Romana eleito cônsul em 271 a.C. com Lúcio Genúcio Clepsina.

Consulado (271 a.C.)[editar | editar código-fonte]

Em 271 a.C., foi eleito cônsul com Lúcio Genúcio Clepsina.[1] Não se relata nenhum feito notável em seu nome. Seu colega, Clepsina, cercou e capturou Régio.[2]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Cônsul da República Romana
SPQR.svg
Precedido por:
'Lúcio Papírio Cursor II

com Espúrio Carvílio Máximo II

Cesão (ou Caio) Quíncio Claudo
271 a.C.

com Lúcio Genúcio Clepsina

Sucedido por:
'Caio Genúcio Clepsina II

com Cneu Cornélio Blasião


Referências

  1. Lívio, Ab Urbe Condita, Epit. 15
  2. Paulo Orósio IV. 3; Dionísio de Halicarnasso XX 7; Apiano Samn. 9; Políbio I. 7; Zonaras VIII 6; Valério Máximo II 7. § 15 ; Frontino Strateg. IV. 1. § 38

Bibliografia[editar | editar código-fonte]