Chaim Nachman Bialik

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Chaim Nachman Bialik
Nascimento 6 de janeiro de 1873
Morte 4 de julho de 1934 (61 anos)
Viena
Sepultamento Cemitério Trumpeldor
Cidadania Império Russo, Mandato Britânico da Palestina
Ocupação poeta, escritor, tradutor, ensaísta, editor, editor
Assinatura
Hayyim Nahman Bialik signature.svg

Chaim Nachman Bialik (Radi, 9 de janeiro de 1873Viena, 4 de julho de 1934) foi um poeta judeu, considerado um dos mais influentes poetas da língua hebraica e poeta nacional de Israel.

Uma das poesias mais famosas de Bialik foi escrita depois do pogrom de Kishinev:

בְּעִיר הַהֲרֵגָה


קוּם לֵךְ לְךָ אֶל עִיר הַהֲרֵגָה וּבָאתָ אֶל-הַחֲצֵרוֹת,

וּבְעֵינֶיךָ תִרְאֶה וּבְיָדְךָ תְמַשֵּׁשׁ עַל-הַגְּדֵרוֹת

וְעַל הָעֵצִים וְעַל הָאֲבָנִים וְעַל-גַּבֵּי טִיחַ הַכְּתָלִים

אֶת-הַדָּם הַקָּרוּשׁ וְאֶת-הַמֹּחַ הַנִּקְשֶׁה שֶׁל-הַחֲלָלִים

Tradução

Na cidade assassinada

Levanta-te e vai à cidade assassinada
e com os teus próprios olhos verás, e com as tuas mãos sentirás
nas cercas e sobre as árvores e nos muros
o sangue seco e os cérebros duros dos mortos…

Ligações externas[editar | editar código-fonte]