Charles Veach

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Charles Veach
Nome completo Charles Lacy Veach
Nascimento 18 de setembro de 1944
Chicago, Estados Unidos
Morte 3 de outubro de 1995 (51 anos)
Houston, Estados Unidos
Nacionalidade Estados Unidos norte-americano
Progenitores Pai: Marshall E. Veach
Cônjuge Alice Meigs Scott
Alma mater Academia da Força Aérea
dos Estados Unidos
Ocupação Piloto
Serviço militar
Serviço Força Aérea dos Estados Unidos
Anos de serviço 1966–1995
Patente Coronel
Conflitos Guerra do Vietnã
Condecorações Cruz de Voo Distinto (3)
Medalha do Ar (14)
Coração Púrpuro
Carreira espacial
Astronauta da NASA
Tempo no espaço 18 dias, 4 horas, 18 minutos
Seleção Grupo 10 da NASA 1984
Missões
Insígnia da missão Sts-39-patch.pngSts-52-patch.png

Charles Lacy Veach (Chicago, 18 de setembro de 1944Houston, 3 de outubro de 1995) foi um astronauta norte-americano, veterano de duas missões espaciais.

Formou-se em administração de engenharia na Academia da Força Aérea dos Estados Unidos em 1966 e qualificou-se como piloto militar em 1967. Nos quatorze anos seguintes, serviu como piloto de caça, pilotando jatos North American F-100 Super Sabre, General Dynamics F-111 Aardvark e Republic F-105 Thunderchief, em missões na Europa, Oriente Médio e nos Estados Unidos, além de participar de 275 missões de combate durante a Guerra do Vietnã. Em 1976-77 integrou os Thunderbirds, esquadrão de acrobacia da Força Aérea dos Estados Unidos, voando no Northrop T-38 Talon, acumulando mais de 5000 horas de voo na carreira.[1]

Começou a trabalhar na NASA em 1982 como engenheiro e piloto de pesquisa no Centro Espacial Lyndon B. Johnson. Sua principal função foi ser instrutor da aeronave de treinamento para o ônibus espacial, um avião Gulfstream bastante modificado, usado para treinar os astronautas no pouso do ônibus espacial.[1]

Foi qualificado como astronauta em 1985, participando de duas missões espaciais. A primeira na STS-39 Discovery, lançada em 28 de abril de 1991, uma missão de oito dias em que experiências científicas secretas foram realizadas para o Departamento de Defesa dos Estados Unidos, incluindo o teste de câmeras ultra-violeta e um telescópio de raio-X. A segunda missão foi na STS-52 Columbia, lançada em 22 de outubro de 1992, uma missão de pesquisa conjunta entre americanos e italianos, que orbitou a Terra por dez dias.[1]

Morreu de câncer, em outubro de 1994 aos 51 anos, no Texas, e foi enterrado em Honolulu, no Havaí.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b c «NASA Bio». NASA. Consultado em 10 de abril de 2015